Extraordinário [Resenha Literária]

"Aliás, meu nome é August. Não vou descrever minha aparência. Não importa o que você esteja pensando, porque provavelmente é pior.”
Extraordinário

Extraordinário, da autora R. J Palacio foi realmente um livro que me surpreendeu. Lamentei por muitas vezes ter negligenciado a sua existência quando o vi pela primeira vez em uma livraria. O livro é fantástico!

Não esperem uma narrativa difícil. Na realidade, o nível de complexidade é quase infanto-juvenil, contudo, é extremamente bela e parece carregar-nos nos braços ao mundo de August, uma criança que nasceu com uma anomalia genética em seu rosto, deixando-o deformado. A trama é focada na figura do menino, sua relação com os pais super-protetores, sua irmã adolescente Olivia  e seus amigos da escola.

Palacio faz reflexões sobre bullying, aceitação e preconceito na obra, que é narrada pelo próprio August, mas vai sendo atravessada por outros personagens durante o enredo, na medida de seu desenrolar - isso cativou-me demais, pois me fez observar pontos de vista distintos sobre um mesmo fato, por vezes, reveladores. Os personagens que cercam Auggie, como é chamado, tornam-se mais interessantes, quando assumem a narrativa e expressam seu ponto de vista sobre o menino.

August mostra ser um menino comum, gosta de coisas que qualquer menino da sua idade gostaria. Ele sente-se normal. Ele é normal, mas as pessoas não o enxergam desta maneira. O foco central da história é a sua primeira experiência em uma escola comum. Devorei o livro em alguns dias e confesso, mesmo com pouco tempo disponível para a leitura, eu ficava ansioso para ler mais um pouco.

A obra, editada no Brasil pela editora Intrínseca, está disponível tanto em formato tradicional quanto em e-book. Recentemente foi relançada com uma capa bastante bonita (na realidade, existem duas versões para ela: a azul e a branca). Aproveito para dar méritos a quem fez por merecer: Os e-books da Intrínseca estão muito bem formatados. Parabéns!

"Extraordinário" é um livro que merece estar na sua estante, ou e-reader como preferir. Não espere erudição ou uma história mais “madura”. O livro de Palacio é bobinho, mas repleto de lições de vida, inclusive para nós adultos, acostumados com esta “sociedade das aparências”.


A primeira obra literária de R. J. Palacio alfineta os preconceitos e mostra o verdadeiro sentido de aceitação e igualdade entre as pessoas. Confesso que seu final me comoveu mais do que o tão falado A Culpa é das Estrelas, de Green!


“Acho que todas as pessoas do mundo tinham que ser aplaudidas de pé, pelo menos uma vez na vida”  - Extraordinário.

R. J. Palacio merece aplauso.

Dados do Livro

Livro: Extraordinário
Autor: R.J. Palacio
Editora: Intrínseca
320 pgs
Preços: R$12,23 a 24,90
E-book: R$ 9,90

NOTA:


Compartilhe no Google Plus

Sobre Alexandre Melo

É amante de livros, filmes, séries e adora uma boa música. Escreve para O Que Tem Na Nossa Estante.

comentário(s) pelo facebook:

15 comentários:

  1. não conhecia, gosto muito da intrínseca. beijos, pedrita

    ResponderExcluir
  2. Esse livro parece ser bem interessante
    Sempre encontro resenhas muito boas a respeito
    E a sua também ficou ótima, gostei da dica

    Beijos
    @pocketlibro
    http://pocketlibro.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. Infelizmente, ainda não tive a oportunidade de ler este livro, mesmo com muita gente falando bem, e com vários elogios a mensagem trazida. Espero ler logo, já que é emocionante e intenso, o preço é bem em conta, e pelo o que você disse, vale muito a pena.
    Adorei a Resenha.
    Beijos,
    Yasmin
    deitadosnagrama.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É uma leitura tão fluida que você não perceberá o tempo. Procura, vale a pena. Abraços!

      Excluir
  4. Achei bem interessante Alê. O preconceito e a rigidez do padrão estético
    sempre precisam ser trabalhados na mente dos adultos(principalemten) e das crianças.
    Mas uma perguntinha, o garoto só tem um olho?

    ResponderExcluir
  5. Não, Alê, ele tem os dois olhos, mas o foco do olho na capa é uma referência a elogios que a mãe de August fez aos olhos do menino quando ele nasceu. Na realidade, se você ler a obra, verá que a capa, em sua simplicidade, faz muitas alusões ao livro. ;)

    ResponderExcluir
  6. Fiquei sensibilizada pela história desse livro, Alexandre.
    Uma grande lição de vida e que nos faz enxergar o mundo de uma outra forma. Menos reclamões, talvez.
    Uma ótima resenha.
    Adorei seu blog, visite o nosso, será uma satisfação. Se gostar e tiver interesse em seguir, só nos avisar que iremos retribuir com muito carinho.
    M&N | Desbrava(dores) de livros - Participe do nosso Top Comentarista

    ResponderExcluir
  7. Olá!!

    Me senti interessada pelo livro, justamente por sua capa em azul e pela grande procura, estando entre os mais vendidos da lista da Veja e Época!!

    Bom saber do que o livro se trata. A sinopse, mostrada na contra capa do livro não revela muito e o livro que recebemos onde trabalho, para a infelicidade de muitos, veio lacrado. =/

    Quem sabe não me arrisco a lê-lo qualquer dia desses? Já estou até lendo A Culpa é das Estrelas... rsrsrssrs

    Até mais

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu achei melhor do que ACEDE, principalmente por sua imprevisibilidade. Abraços!

      Excluir
  8. Eu amo esse livro, ele apesar de ter um final meio impossível, tem uma mensagem maravilhosa e uma história super emocionante, adorei a resenha e as fts.

    http://www.whoisllara.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Realmente o final é um tanto quanto improvável. Contudo, não é previsível como outros que já li. Você passa o livro inteiro sem saber o que virá na próxima página. Gostei muito disso. Abraço!

      Excluir
  9. Olá Alexandre.
    É um livro que ainda não devorei e já coloquei na minha cesta de compras uma dúzia de vezes. Bah, não consigo comprar mesmo sabendo que estou perdendo uma história com carga emocional muito boa.
    Vou tomar mais vergonha na cara depois dessa sua resenha maravilhosa xD

    http://romances-para-te-fazer-feliz.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Compre sem medo. Ao menos eu gostei. E pelo que vi, a edição física do livro é bastante bonita. Abraços!

      Excluir