A Rainha Branca [Resenha Literária]



Titulo: A Rainha Branca,  A Guerra dos Primos - Livro 01
Autora: Philippa Gregory
Editora: Record

Em “A Rainha Branca”, Philippa Gregory nos apresenta uma história de amor nascida de uma guerra inglesa, conhecida como: A Guerra das duas Rosas. De um lado os Yorks e do outro os Lancaster, respectivamente rosas vermelhas e rosas brancas.

Lady Elizabeth Grey ficara viúva durante a guerra, e perdera suas terras para a sogra. Com medo de viver na pobreza com seus filhos e ficar condenada à caridade alheia, ela toma coragem, esquece que a família de York é sua inimiga, e vai esperar o novo rei na estrada com seus dois filhos, à espera de ajuda para recuperar seu sustento. Acontece que no sangue dessa jovem corre a herança Poderosa da deusa Melusina e o que era para ser um belo massacre se torna uma história de amor. Contra todas as estratégias concebidas para o governo de Eduardo IV de York pelo seu fiel servo Richard Neville, o Conde de Warwick, o jovem rei se apaixona e se casa. 

Eu sempre tive uma atração por romances sobre a História da Inglaterra e dos outros países que compõem a Grã-Bretanha. Li algumas narrativas sobre guerra e muitos romances históricos que exploravam o folclore local, na minha adolescência, e posso dizer que poucos me impressionaram mais do que esse romance da Philippa.

A autora narra na voz de Elizabeth, então nós temos um enredo mais enfocado para o mundo feminino. Vemos o lado das mulheres nos bastidores da guerra e conhecemos a maldade e a mesquinhez velada com que nós mulheres muitas vezes nos tratamos. Em muitos momentos eu odiei a personagem principal porque sabia que ela estava usando seu poder para se vingar de certas pessoas, ao invés de usar a cabeça para alicerçar suas bases políticas, mas acho que esse é o forte do livro. Todos os personagens são bastante humanos e nos surpreendem para mal ou para bem.

Eduardo por um bom tempo me convenceu como marido apaixonado, afinal, ele teve filho a beça com a Elizabeth (quase uns 9) e mesmo assim continuava atraído por ela (grande feito para uma época em que não existia cirurgia plástica, né gente?), mas depois de um tempo descobrimos que ele arrumou algumas amantes e me choca o fato de Elizabeth permitir sem nenhuma reação, mas pensando bem, considerando o tempo que viviam, até que umas escapadelas poderiam ser consideradas normais (ou não).

Enfim, estou aguardando ansiosamente pela continuação. Quer dizer, pelo que sei até já saiu, mas preciso que o Submarino faça mais uma promoção de 50% para que eu possa adquirir. Acho que promete ser uma série muito boa. Ah! Detalhe: quando comecei a ler esta história, meu irmão estava lendo a série "Game of Thrones" e como ele nunca lê nada na dele, teve que vir me dar spoilers da série. Eu acabei percebendo muitas semelhanças na guerra das duas Rosas com a guerra que os Stark e os Baratheon travaram contra os Targeryan. Uma delas é a semelhança entre o nome “Lancastter” e “Lannister”, mas também tem a deposição de um rei, o questionamento da legitimidade dos herdeiros de Eduardo, entre outras coisinhas que vou guardar pra mim para não dar spoillers.

Recomendo para quem gosta de uma narrativa romântica com um pouco de realismo. 

Um beijo a todos!

Alê Lemos.
Compartilhe no Google Plus

Sobre O Que Tem Na Nossa Estante

É amante de livros, filmes, séries e adora uma boa música. Escreve para O Que Tem Na Nossa Estante.

comentário(s) pelo facebook:

28 comentários:

  1. Sou apaixonada pela cultura britânica e depois dessa resenha vai ser impossível não correr atrás desse livro ! Já tinha ouvido falar dele no canal do Allison7Potter no youtube mas não sabia que tinha sido traduzido. Tô morta e com mais um livro na minha já gigaante wishlist ahauah.

    - Bia { www.nasuaestanteblog.blogspot.com.br }

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Menina bem sei como é isso! Estou cheia de livros para dar conta e a blogosfera só fica apresentando livros maravilhosos kkk mas leia a Rainha Branca sim, é muito bom. Estou louquinha pela continuação, mas já decretei jejum literário para adiantar minha fila de espera. Beijos!

      Alê Lemos

      Excluir
  2. Olá.
    Li dois livros da autora, Princesa Leal e A Irmã de Ana Bolena, e adorei. Toda a pesquisa histórica que ela deve fazer não é brincadeira não UASHUHS Esse me parece ser bem legal, quero ler. Boa resenha.

    Beijos, Vanessa.
    This Adorable Thing
    http://thisadorablething.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pricesa Leal ainda não li, mas estou afim de correr atrás do resto dessa série da Rainha Branca.
      Alê.

      Excluir
  3. É segunda resenha deste livro que leio esta semana, estou com muita vontade de conferir não só este, mas outras obras da autora, mas vamos combinar que os preços não ajudam, são livros bem caros.

    Bjos!!
    Cida
    Moonlight Books

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah é kkkkk o negócio é comprar usado mesmo. Ou o ebook. Dá uma olhada no site da estante virtual que deve ter para vender. Bjins
      Alê Lemos.

      Excluir
  4. Oi
    Quanto vi a capa desse livro, não dei nada pela história, mas depois de ler a sua resenha, ficou querendo ler ele agora mesmo rsrsrs
    Parabéns pela resenha, ficou ótima
    Beijinhos
    Renata
    Escuta Essa

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah valeu! Fala com gosto dos livros que tenho. Beijos!
      Alê Lemos

      Excluir
  5. Amo romances históricos e os livros da Philippa Gregory parecem ser incríveis, mas é justamente pelo preço que não os leio :/ De qualquer forma, gosto bastante do período medieval e como ele inspira os autores a ambientarem suas histórias, tenho certeza de que a leitura de "Rainha Branca" será bastante proveitosa! Bjs
    Jéssica - http://lereincrivel.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É como eu disse para a Cida, o negócio é comprar em sebo. A irmã de Anna Bolena achei por 20 reais numa feira de livros no centro (a famosa "feira itinerante"), mas a Rainha Branca foi uns 50 e poucos. Tão cara como George Martin.
      Bjisn Alê.

      Excluir
  6. Tem cara de que é bem interessante esse livro, e vou indica-lo para minha irmã q adora temas assim. Otima resenha! Bjosss

    ResponderExcluir
  7. Cara, eu to vendo a série que tem o mesmo nome e confesso que estou amando. Tenho uma amiga apaixonada pela Philipa e já sei que ela é f*da, tudo isso que vc falou e muito mais, porém ainda nunca li nada dela. Sei tbm que os livros são o equivalente aos seus orgaos, foda para adquirir, mas valem a pena. Adorei a resenha!

    beijos, http://porredelivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ray fiquei curiosa. Não sabia que tinha uma série de tv desses livros. Sabe onde tá passando?
      Alê.

      Excluir
  8. Oláááá!
    aaaah, não sei se esse livro está dentro do que ando internada utimamente, então não sei se vou procurar ler em breve... ainda mais que tem continuação...
    mas anotei a dica e quando tiver em outra fase literária irei curtir muito!

    Um beeijo Lara.
    Blog Meus Mundos no Mundo | | Página Coração Furta-Cor

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Entendo bem isso, tem épocas que queremos só um tipo de livro. Nos anos passados eu só estava lendo aventura (para fugir da realidade mesmo). Espero que chegue logo uma fase boa para você conseguir lẽ-lo. Assim a gente discute a história.
      Beijos da Alê.

      Excluir
  9. Não conhecia, gostei bastante da dica!
    Beijos
    http://estante-da-ale.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. menina, nós somos xarás! Também sou Alê. De nada, disponha!
      Beijos.

      Excluir
  10. Esse livro parece ser bem legal, gosto de histórias assim.
    Fiquei muito curiosa, isso é bom, haha.
    Beeijos!
    http://cookierobsten.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vocẽ não vai se decepcionar se der chance a ele!
      Beijo da Alê.

      Excluir
  11. Não conhecia o livro, mas fiquei interessada em ler...
    A sua resenha me deixou intrigada desde o começo, considerando que a pobre da lady perdeu as terras para a sogra...eita... rs
    Até!
    http://resenhasdalu.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu me identifico muito com leituras que debatem a situação das mulheres também.
      Fico feliz que eu tenha te intrigado. Beijos!
      Alê.

      Excluir
  12. Interessante!1 A continuação por acaso seria Rainha Vermelha? Já teve um livro com esse título no lugar onde trabalho.
    Romances históricos devem ser bons. Nunca li, mas a história de algum povo sempre me agrada, ainda mais quando se trata de fatos históricos reais. xD

    Até mais

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É isso mesmo! A rainha Vermelha é a continuação. Se ainda tiver no seu trabalho aproveite que é caro mesmo . beijos!
      Alê.

      Excluir
  13. Adoro romances históricos, sempre são intensos e nos ensinam não apenas culturas diferentes, mas também épocas diferentes. Gosto especialmente quando retratam bem as vozes femininas.
    Rosas vermelhas X rosas brancas me lembrou Alice no País das Maravilhas.
    Beijos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bom, vocẽ pode ter acertado tatiana. Eu não li Alice, mas pode ser que o Lewis Carrol tenha se baseado nessa guerra também. Vou procurar saber. beiojs!
      Alê Lemos.

      Excluir
  14. tenho visto bons comentários sobre a autora. estou ficando curiosa!
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A única coisa que tenho a dizer é: não fique só na curiosidade! Corra atrás e leia [risos].
      Um abraço, Alê Lemos.

      Excluir