Amigo Secreto 2014!

Em 2014 nós da Estante resolvemos brincar de amigo secreto e confesso que foi mega divertido, isso porque eu tentei descobrir o amigo secreto de todos e tive uma informante ótima pra isso, mas não revelarei seu nome! E os presentes? Meu Deus, um melhor do que o outro! Livros, é claro! Fizemos uma lista de 10 livros que queríamos no Skoob e o amigo secreto ia lá e escolhia um para dar de presente, ou corria o risco de comprar um fora da lista! Agora, vocês devem estar pensando o motivo desse post ser só agora no fim de janeiro! Bem, a pobre da Juliana só recebeu o ela essa semana! Pegadinha triste dos correios....


Aleska: Fui a primeira a receber o presente do amigo oculto. Foi uma verdadeira surpresa porque eu jurava que seria a Ana a me tirar e não imaginava que chegaria para mim em novembro mesmo. No dia eu estava tranquilamente concentrada em outra coisa (que não me lembro o que era) quando o interfone tocou e minha mãe teve uma conversa estranha com o porteiro:

“ Aos cuidados de Lemos?” - a ouvi dizer.
“Hum...”
“Deve ser para o Allysson [meu irmão] vou mandar a Alê aí”

Bom, além desses fragmentos estranhos da conversa, eu fiquei boiando um tempão sem saber o que fazer. Minha mãe primeiro me deu a entender que tinha um amigo do meu irmão lá embaixo esperando para receber um pacote do meu irmão, [o que não é estranho porque ele vinha recebendo muitos pacotes pelo correio na época] e riu da minha cara quando eu peguei um envelope para levar. Depois me disse para ir lá embaixo buscar o pacote e eu fui meio confusa sobre o que esperar. Quando João (o porteiro) estendeu o braço para me entregar o pacote da Amazon entendi o motivo da confusão: antes do meu nome tinha uma sigla (que até hoje não sei o que significa) assim: A/C, o que explica o tal do “aos cuidados”, embora eu acredite que não signifique nada disso. Outra confusão se explica pelo remetente do pacote: “Alexandre Melo”. Tenho certeza que durante o telefone sem fio do porteiro para minha mãe, ele falou no Alê [por esse apelido o chamo de meu xará] e ela interpretou que ele estivesse esperando na portaria. Imaginem meu sorriso depois de desfazer o mal entendido!! O melhor, porém, foram os cartões de natal da Amazon colados com cola quase permanente numa embalagem elegante azul e dourada. Eles me deram a pista do presente com a seguinte expressão: “répteis flamejantes” fiquei mais feliz ainda porque era a série “Como treinar seu dragão” que eu mais queria ganhar. Obrigada Alê!



Alexandre: A espera foi longa... Morar em um lugar esquecido pelas lojas sulistas da nisso. Mas minha amiga secreta conseguiu me enganar fácil... Eu imaginei que Michele tivesse me tirado no sorteio, já que seu pacote deu problema nos correios... Nem suspeitei da "bomba" que Ana estava preparando pra mim! Passou o mês inteiro tricotando sobre a suposta bomba que fez e enviou ao seu "infeliz" amigo Kkkk No final, recebi um pacote com dois livros ótimos e uma cartinha escrita a punho caprichosa. Adorei a surpresa que veio de um extremo do país para outro extremo. Quem dera que todas as bombas existentes no mundo fosse assim: feitas de livros! Obrigado Ana, adorei o suspense e os livros também! Foi tudo ótimo.


Ana: Eu sou uma pessoa neurótica com tudo, inclusive com amigos secretos. Salvo a vez que uma colega me deu um livro da Agatha Christie que eu não tinha (e isso foi mesmo um milagre, porque temos uns 50 aqui em casa e nem eu sei quais são), sempre me esforcei pra dar presentes ‘muito legais’ e ganhei só ‘legais'. Também tenho uma neurose com os Correios, que parecem estar sempre a me sacanear. Mas essa é a bonita história de como o anjinho do meu ombro espancou o diabinho neurótico do meu outro ombro. 

Fui a primeira a mandar o presente e a penúltima a receber. Já estava convencida de que o carteiro responsável pelo livro que eu ia receber estava em uma ilha deserta conversando com uma bola chamada Wilson. Mas aí, um dia depois de ter tomado banho de chuva, chego em casa exausta e vejo um pacote lindo na minha cama. Dou um grito. Finalmente tinha chegado! Arranquei todos os pacotes sem nem reparar na atenção da pessoa em embalar tudo e li a carta por cima, mas só quando vi as dedicatórias lindas nos livros (porque dedicatórias são sempre fundamentais) é que me convenci mesmo de que era minha amiga secreta da Estante. E que acertou na hora de escolher o presente! Há anos que, de tempos em tempos, me lembro que tenho que ler “A insustentável leveza do ser” e outro dia mesmo me prometi buscar na biblioteca da UCS e lê-lo nas férias. Não vou precisar! E o mimo... ah! Outro dia o vi na minha timeline e me disse que, se tivesse oportunidade o leria. Meus gibis da Turma da Mônica são meus xodós e sempre tive uma simpatia especial pelo Astronauta!

Ok, chega de enrolar: minha amiga secreta foi a Jaci. A mesma que me visitou rapidamente aqui em Caxias em janeiro e que hoje é uma viciada em chimarrão. Infelizmente o ano foi corrido pros dois lados e pouco nos falamos, mas 2014 foi fechado com chave de ouro. A carta de resposta e agradecimento vai ser enorme pra tentar ficar a altura da surpresa ótima.



Jaci/Pandora: Uma historiadora como a Ju, cristã, capaz de pesquisar o Jesus Histórico e escrever poemas emotivos sobre a fé, jamais faria uma escolha corriqueira. Ela teria que irrevogavelmente me tornar o tipo de pessoa que ganha um livro de Nietzsche de presente de Natal. Nietzsche não é um autor de fácil leitura. Ele é difícil, o tipo de autor que escrevia em um fluxo de ideias grande o suficiente para lhe fazer esquecer da existência de pontos finais. Além do mais, ele escreve do passado e sobre o passado. Há quem afirme ser o pensamento dele uma coisa atemporal, mas eu não acredito em produtos culturais, como a Filosofia, dotados de atemporalidade. Enfim, o livro é a cara da Ju, sempre que olhar para ele vou lembrar dela e do Natal de 2014.


Juliana: Bem, meu Papai Noel resolveu brincar comigo e com a minha amiga oculta (a Mi). O presente que era pra ter chegado em finais de novembro a início de dezembro acabou não chegando. Isso mesmo não chegou! Todos os dias, lá ia eu ficar que nem uma bobona a espera que o correios trouxesse o meu presente, eu ouvia correios e saia correndo. E no final nada (Roteiristas e diretores, atenção! Isso daria um ótimo filme! Já tenho até o nome "A espera do correios", será um clássico rs)! Por fim, minha amiga oculta se revelou e tentou me dar outro presente, comprando pela Saraiva (sim, o filme terá continuação senhores roteiristas e diretores!), mas a coisa não andou muito. Papai Noel deve ter tirado férias, só pode! (rs) Mas no final, a Mi resolveu adotar medidas drásticas, tipo a solução final sabe. Transferiu a quantia pra mim e me deu a liberdade de comprar o livro que melhor me prouvesse. E agora eu tenho o último livro do Barth Erhman! *-* É Papai Noel, você se juntou nessa conspiração e no final se deu mal! rsrs...


Michele: Eu fui uma das primeiras a fazer minha lista no Skoob e uma das primeiras a comprar o presente do meu amigo secreto, pena que deu zica! No entanto, o que eu recebi foi de longe algo azarado! Eu tinha medo que mesmo com a minha lista eu ganhasse aquele livro que eu menos tinha vontade de ler, mas o que eu ganho? Nada mais, nada menos do que três livros! Justamente aqueles que eu mais queria! Eu sabia que se minha amiga secreta fosse a Marise ela saberia escolher de acordo com meus gostos, eu só não esperava três! Três vezes mais feliz! Três vezes mais contente! O mais engraçado nisso, é que ao contrário dos meus amigos eu não esperava ficar contente com o Amigo secreto, já que desde criança eu nunca tive sorte nessa brincadeira! Acho que passei todo o meu azar para a Ju, coitada!


Marise: Na minha casa eu tenho câmeras que vigiam o portão 24 horas por dia e desde que houve o sorteio do amigo oculto do Blog “O Que Tem na Nossa Estante”, as câmeras vigiavam a rua e eu vigiava as câmeras. Não tinha como passar pela sala e não dar uma olhadinha. Quando a campainha batia e era correio, ou tinha alguém com um pacote nas mãos eu já me agitava toda. E o correio veio uma, duas, três vezes, mas nunca pra mim, até que um dia era o meu nome na lista de entrega. Ganhei da Aleska o livro “Perdido em Marte”, ele estava na minha lista porque adoro ficção e porque eu adoro Marte, tanto que meu blog chama Filial de Marte. A Aleska me escreveu uma carta muito fofa, é uma menina meiga e divertida e que estou amando conhecer!

Enfim pessoal, apesar da trollagem dos correios tudo deu certo!

Michele Lima
Compartilhe no Google Plus

Sobre O Que Tem Na Nossa Estante

É amante de livros, filmes, séries e adora uma boa música. Escreve para O Que Tem Na Nossa Estante.

comentário(s) pelo facebook:

8 comentários:

  1. Amigos secretos literários sempre são ótimos, e sempre tem um que quer descobrir quem tirou quem, kkkk.
    Ótimos livros! Saudades de Laços de Sangue.
    Bjim!
    Tammy
    LivreandoFacebook

    ResponderExcluir
  2. Bem legal essa ideia de amigo secreto! Infelizmente depender da boa vontade dos correios pode ser bem chato muitas vezes!

    aguardandoocamaleao.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. Esse é um amigo secreto histórico: sem decepções pra nenhum dos lados!

    Se bem que os Correios sacanearam feio a Ju e a Michele!

    ResponderExcluir
  4. Olá,
    Perdido em Marte eu li semana passada, é bem bacana. Sou viciada nos livros de Como Treinar o Seu Dragão e confesso que os Correios sempre me decepcionam, os serviços são mesmo péssimos =/. Mas pelo menos chegou, é como dizem: antes tarde do que nunca.
    Beijos.
    Memórias de Leitura - memorias-de-leitura.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. Não tem um leitor que não tenha uma queixa contra o serviço dos correios! kkk No mais foi um prazer participar dessa brincadeira. A Ju não deu sorte, mas no final teve um feliz para sempre com um livro que ela mesma escolheu e pode até aparecer aqui como resenha néh?!?!? E ai, ano que vem vai ter de novo ou o trauma foi grande?!?!?

    ResponderExcluir
  6. Adorei brincar com vcs! Correio é sempre correio, ou seja, ineficiente nas horas que precisamos. kkk Vamos quem sabe, pensa em enviar no inicio de dezembro mesmo, ou até em novembro na próxima edição...kk

    ResponderExcluir
  7. Ótimos livros, pessoal!
    Desses só li "Claros Sinais de Loucura", mas tenho vontade de ler "A Insustentável Leveza do Ser" e conferir alguma coisa do Nietzsche.
    Beijos
    alemdacontracapa.blogspot.com

    ResponderExcluir
  8. Ficou lindo o post, adorei as histórias. Bjs

    ResponderExcluir