A Batalha dos Mortos [Resenha Literária]


"A Batalha dos Mortos" pode ser descrito em uma palavra: EMPOLGANTE! Ele te pega, prende e só larga depois da ultima página lida. A dinâmica funcionou comigo de tal forma que um capitulo me levou a outro e em 3 dias eu já tinha devorado o livro como se fosse uma zumbi diante de um humano dando sopa kkkk... 


Nele nós vamos nos reencontrar com Ivan e Estela e vários outros sobreviventes do Apocalipse Zumbi enfrentando uma dura luta para salvar outro grupo de sobreviventes que se encontram em maus lençóis, pois não só boas pessoas sobreviveram ao perigo letal no qual o planeta Absinto envolveu a humanidade.


Além das pessoas honestas, vários criminosos sobreviveram ao Apocalipse Zumbi, já no "O Vale dos Mortos" (confira minha resenha aqui) o Rodrigo nos apresenta essa comunidade de assassinos e psicopatas, no entanto, o desfecho das ações desse grupo nos serão dados a saber agora. Os prisioneiros sobreviventes do Presidio de Segurança Máxima de Taubaté invadem um quartel e lá formam uma comunidade fortificada que vai funcionar como um campo de concentração para todos aqueles que não pertencem a esse grupo, escravizando qualquer pessoa que encontrarem.

Entre as pessoas escravizadas pelos presidiários estará Isabel, peça chave para essa segunda parte das "Crônicas dos Mortos", é através dela, que se aventura em fugir do "Campos de Concentração" fundado pelos ex-presidiários que a história dos sobreviventes do "Condomínio Colinas" vai se cruzar com a do presidiários, eventos centrais para o desfecho da história inteira vão acontecer, talvez até mesmo o destino da humanidade passe diretamente pela pessoa da Isabel.


Aliás, abro um parentese para pontuar a atuação feminina nesse livro, as mulheres do Rodrigo são fortes e decididas, tem uma clareza e estão presentes nas frentes de batalha tanto quanto os homens. Aliás [2], enquanto o Ivan vai pouco a pouco perdendo a visão de certos limites éticos, a Estela, a melhor atiradora entre todos os humanos que lutam contra zumbis, permanece lucida.


Voltando a história, o autor utiliza do recurso de avançar e recuar na cronologia da história, nos contanto o passado de seus personagens e os caminhos que os levaram ao ponto com no qual os encontramos. Assim, ele nos envolve com o personagens, seus sonhos e desejos interrompidos pelo Apocalipse Zumbi. Por meio de sua narrativa, que melhorou do vol. 1 para o vol. 2, tornou-se impossível para mim não me ver envolvida com a história de cada individuo. Torci por eles, me emocionei, me alegrei e sofri com os que pereceram.


Confesso que racionalmente entendo que o gênero no qual o livro se insere pede sangue e mortes, mas emocionalmente é difícil, me pego sofrendo até o limite das lágrimas. Sinto cada perda humana. Mas também me pego louca para avançar na história e descobrir mais e mais sobre o que aconteceu com a Estela, o Ivan (com o qual tenho tido uma relação de amor e ódio), a Isabel, a Jezebel, o Canino, a Adriana, a Gisele, o Zac e todos os sobreviventes... O final do livro me deixou como um viciado em crise de abstinência, eu fiquei simplesmente precisando ter em mãos a continuação.


Para minha sorte "A Senhora dos Mortos",  vol. 3 das "Crônicas dos Mortos" já está com lançamento previsto e em franco processo de divulgação. Há não posso deixar de ressaltar a edição caprichada dos livros oferecida pela Faro Editorial, externa e internamente os livros são muito bem trabalhados e todo o designer dialoga com o texto.


Curtam a Fan Page de "As crônicas dos Mortos"

Dados do Livro

A Batalha dos Mortos, vol. 2 da Série As Crônicas dos Mortos
Autor: Rodrigo de Oliveira
Faro Editorial
Gênero: Terror

NOTA:


_____

P.S.: Então esse livro me fez tão feliz como leitora, que se você quiser concorrer a um kit com 10 Marcadores!

Para participar basta:

Ter endereço para entrega no Brasil
Comentar a resenha,
Deixar seu e-mail
Seguir o blog \o/

Cada comentarista receberá um número e o sorteio será feito pelo Random.org no dia 13 de Março. Avisarei por e-mail a ganhadora ou ganhador, que terá um prazo de 2 dias para responder informando um endereço para entrega, caso não responda

Boa Sorte!

_____________________________

Ola gente, aqui está o resultado do sorteio de marcadores:

Compartilhe no Google Plus

Sobre Pandora

É amante de livros, filmes, séries e adora uma boa música. Escreve para O Que Tem Na Nossa Estante.

comentário(s) pelo facebook:

6 comentários:

  1. se quiser podemos trocar marcadores. eu posso te enviar alguns tb. beijos, pedrita
    pedritahari@gmail.com

    ResponderExcluir
  2. Por que eu sempre acho tudo relacionado a zumbi engraçado? Mal terminei de ler a sinopse e já estava rindo à beça kkkkk Mas sua resenha me empolgou, ainda mais pela atuação feminina! Eu não tenho lido muito terror/suspense e preciso corrigir isso logo! Bjos! :*

    www.bibliophiliarium.com
    ticianedf@gmail.com

    ResponderExcluir
  3. Olá!!

    Eu já vi que essa série tinha potencial, mas não imaginava que era tudo isso. Eu tenho medo de zumbis e talvez essa tenha sido a minha deixa para não lê-lo ainda. Onde trabalho, apelidei o livro de "O Bento de Zumbis", porque assim fica mais fácil explicar sobre ele, e até vendê-lo. rsrsrsrsrs

    A sim, sobre o texto, acho que você quis dizer lençóis ao invés de "lenções". rsrsrsrs

    E pela resenha, esse livro mostra muito bem o que o Protocolo Bluehand: Zumbis quis dizer com a "Regra nº2> Tenha cuidado com os mortos e, não se engane, mais ainda com os vivos"

    ~
    Marcadores *__*
    naty.wonderland@gmail.com

    ResponderExcluir
  4. Oiii
    Gente super adorei a premissa, adoro o estilo
    Bem capaz de eu comentar sobre com minha prima na Bienal, pq já foi pra listinha *.*
    E essas capas são maravilhosas!!!

    Obrigada pelos parabéns ao blog :*

    Ah o e-mail: jun.ana@hotmail.com

    bjs e tenha um ótimo final de semana
    Nana - Obsession Valley

    ResponderExcluir
  5. Eu ainda não conhecia essa série ou trilogia não sei.. mas me parece ser bem interessante.. confesso que não gosto muito de zumbis, mas também nunca li nada com tal seres.. só o fato de ser envolvente e prender o leitor já deve valer a pena a leitura.

    amanda-naira@hotmail.com

    ResponderExcluir
  6. Acho que sou a unica pessoa que ainda nao viu leu algo relacionado a zumbi, serio me sinto meio perdida ate. Mas gostei da historia pelo fato de haver a distopia, espero um dia poder ler, as capas sao bem sinistras.
    jessikalisboa_@hotmail.com

    ResponderExcluir