Coraline e o Mundo Secreto [Resenha do Filme]


Após ler e adorar o livro Coraline, decidi fazer uma casadinha, pois fiquei sabendo que existia uma animação inspirada na obra de Gaiman. Pensei em dividir as impressões de ambos em dos posts, esse sobre o filme, e um no blog  Do Que Eu Leio, sobre o livro.

O livro é de 2002, e a animação de 2009, de toda forma, não sei em qual mundo estive durante esse tempo que não vi nem ouvi nada sobre eles... será que me pregaram botões pretos nos olhos? A animação de "Coraline" é bastante bonita, mescla tons vivos e alegres de cores, com tons sombrios e cinzentos. É algo psicodélico ao mesmo tempo bonito, ao mesmo tempo perturbador, exatamente o tom necessário a história. É inegável a beleza e os detalhes apresentados na tela pela obra elaborada com base na técnica stop-motion.


No enredo, vemos a jovem menina em sua nova casa, uma espécie de pensão dividida entre três famílias bastante excêntricas. A vida tediosa de Cora só muda de rotina quando descobre em um velho quarto da casa uma pequena porta que a leva a um lugar bastante estranho e onde sua aventura começa. Complementada com os estranhos personagens que recheiam a aventura, como as irmãs malucas ex-atrizes, e do desmiolado inquilino do andar superior, um russo que insiste em treinar ratos para um espetáculo circense, a história é maluca e com certeza vai te interessar e te despertar curiosidade.

Edição brasileira do Blu-ray
(podiam ter caprichado mais na capa...)
Aí vem a polêmica de sempre... apesar da animação ser muito boa, eu preferi o livro. Quando comparei, percebi que a história apresentada na tela grande continha menos suspense... acredito que a maior leveza seja para adequar-se mais ao público juvenil... Enfim, não sei bem.

Existem, claro, diferenças entre os formatos, inclusive uma enorme mudança no enredo para o desfecho da trama, (e que é claro não vou contar). Apesar de eu ter gostado muito mais do livro, e isso por muitos motivos, tenho que admitir que a menina Coraline do filme me cativou mais. Achei ela mais parecida com uma garota comum, serelepe e bem viva. Ela é aquele tipo de menina chata que por mais paradoxal que pareca, dá vontade de estar junto. (Segundo o próprio Neil Gaiman, Coraline é inspirada em sua filha mais velha.)

Confesso também que não gostei da inserção do personagem Wybie, garoto que não existe na obra literatura, mas obteve lugar na trama autorizado pelo próprio autor. Achei sua participação desnecessária, a menina sozinha já dá conta de tudo no livro. O ponto positivo fica para a participação do gato em ambos os formatos. Sem bajulação excessiva e sem endeusamento do animal, mas apresentando o sentimento e a boa relação que é construída entre ele e a Coraline.

Tenho aprendido que livro e filme tem seus espaços, e nunca serão iguais em sua totalidade. O nome já diz tudo, trata-se de uma adaptação. Bem, finalizo, ambos são fantásticos e recomendo para quem curte histórias loucas no estilo "Alice no País das Maravilhas", que leia e assista "Coraline" - exatamente nessa ordem. Um suspense interessante, bonito, vai te cativar! Mas cuidado! Se alguém te oferecer botões pretos para costurar nos olhos, RECUSE!

A técnica stop-motion, onde muitas fotografias são tiradas dando ao modelo a impressão de movimento.
Se desejar ler minhas impressões sobre o livro, clique aqui. Abaixo o trailer. (não recomendo assistir, revela muito da história, mas caso você não ligue...)


Abraços!
Compartilhe no Google Plus

Sobre Alexandre Melo

É amante de livros, filmes, séries e adora uma boa música. Escreve para O Que Tem Na Nossa Estante.

comentário(s) pelo facebook:

5 comentários:

  1. Eu não conheço o livro, mas agora preciso ler. Conheci a Coraline através de minha filha de 12 anos que adora o filme, então já assisti umas 30 vezes, e amo!!! Gosto da trilha sonora, dos cenários, dos personagens... Acho que foi bom ter assistido ao filme antes de ler o livro, assim as expectativas foram menores. Talvez por isso tenha gostado tanto... Abraços

    ResponderExcluir
  2. eu amo essa animação e já vi várias vezes. vou ler o livro. beijos, pedrita

    ResponderExcluir
  3. Olá, Alexandre.
    Quero muito ler o livro e também assistir à animação. Ambos parecem ser excelentes.
    E quanto ao livro ser melhor, não vejo como polêmica. Quase sempre isso acontece. rs

    Desbrava(dores) de livros - Participe do nosso top comentarista de abril. Você escolhe o livro que quer ganhar!

    ResponderExcluir
  4. Obg pelos comentários gente! Quem decidir ler, vai adorar!
    Abraços!

    ResponderExcluir
  5. Assisti esse filme e foi bem assustador. rsss
    Fiquei curiosa para fazer a leitura. Fora que as edições são de capas maravilhosas *-* Pelo menos as que vi. rs

    Beijo,
    Luana

    http://psicoselliteraria.blogspot.com.br/
    @psicoseliteraria

    ResponderExcluir