A Herdeira [Resenha Literária]


Livro: A Herdeira
Autora: Kiera Cass
Editora Seguinte

Jurei para mim mesma não ler mais nada sobre "A Seleção", resisti bravamente ao e-book "A Rainha", mas a Kiera foi seduzida a escrever mais um livro para a série e bem... eu sou curiosa, ai o preço não está esses absurdos todos e o kobo diminui distâncias... e, amando ou odiando, não resisti a tentação de ir até o fim com essa história.

Em "A Herdeira" nós vamos descobrir alguns dos fatos que sucederam ao casamento de Maxon e de América. O livro em si é um grande spoiler sobre o fim da série e as escolhas da América, então, não vou ficar me vigiando quanto a isso. Encontramos nele, no entanto, uma America muito mais contida em relação a apresentada durante os três primeiros volumes da série, como Rainha ela aprendeu a pensar duas vezes antes de agir e confesso, achei ela um tanto chata! #MeJulguem

Já a Eadlyn, protagonista absoluta desse volume e narradora da história, é uma menina mimada. Apesar de ter sido educada para ter grandes responsabilidades e ser capaz de abraçar todas as implicações disso, ela tem todos os defeitos de uma criança mimada: é insegura, arrogante, acha que o mundo gira ao redor do umbigo dela e quando ameaçada reage com violência desproporcional.

Não é como se a Eadlyn não tenha méritos, ela é sincera, tenta fazer o melhor, quando tem um problema agarra ele pelo chifre e resolve, não é preguiçosa ou proteladora, ela só não tem carisma ou sabe atrair para si o afeto das pessoas logo de cara. Tais características acabam trazendo problemas sérios para a monarquia e ao equilíbrio já desequilibrado da politica monárquica de Illéa. Para resolver esses problemas a Família Real decide promover uma nova "Seleção" e encontrar um marido para a jovem princesa, futura Rainha.

Em síntese, a Kiera emerge como uma narradora brilhante e envolvente. Antenada com o universo adolescente, competente na escrita, por isso volto a ler seus livros. No entanto, a visão politica dela e algumas doses de machismo continuam a incomodar. Por mim, o povo de Illéa fazia uma Revolução, destituía a monarquia e instaurava uma Republica, de preferencia algo Socialista, mas a Kiera é americana demais para isso. Ela acredita que melhorias devem acontecer de forma lenta, gradativa e segura garantindo a preservação a propriedade privada e isso faz do livro dela mais um na multidão de romances açucarados.

Como eu adoro um bom romance açucarado e a escrita da Kiera Cass vou ler a série até o fim, torcendo para ela concluir logo essa história e se jogar em um romance adulto.

Ah, pela escrita dela dou 3 Harrys!


 Jaci (Pandora)
Compartilhe no Google Plus

Sobre Pandora

É amante de livros, filmes, séries e adora uma boa música. Escreve para O Que Tem Na Nossa Estante.

comentário(s) pelo facebook:

13 comentários:

  1. O livro parece ser legal, mas eu não tenho interesse em ler no momento. Ainda mais porque nem li o último da trilogia. kkkkkkkkkkkk Também gosto de romances açucarados, por isso, acho que seria um prato cheio para minha pessoa. O blog está mudado...muito elegante. Gostei!
    Beijos,
    Monólogo de Julieta

    ResponderExcluir
  2. hahahah, como sempre a facilidade dos ebooks ajudam! Pense em uma vantagem é poder comprar o livro em casa e ler na hora... gente, sem palavras. Esse tipo de livro não faz meu estilo, mas espero que tenhas boas leituras pela frente, já que optasse por continuar a série.
    Abraços amiga!
    Alexandre do blog Do Que Eu Leio
    @doqueeuleio

    ResponderExcluir
  3. É uma série que eu vejo bastantes resenhas positivas (no contexto geral) mas ainda não sinto confiança em ler, talvez por não ser um genero que admire tanto. Ainda assim, tenho o primeiro livro no Kobo e breve lerei. Parabéns pela resenha :)

    Visite: Cantina do Livro

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Leia, mas não espere muito da série para não se frustrar!

      Excluir
  4. Que delícia de comentário! Eu adoro o seu jeito de escrever Pandora. Apesar de não gostar de séries, você me conquistou com sua espontaneidade e gostei muito da sua resenha. Parabéns.

    Sou Alberto Valença do blog Verdades de um Ser e colaborador do blog Meu pequeno vício.
    http://verdadesdeumser.com.br
    http://meupequenovicioo.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  5. Oi Michele!
    Eu li A Seleção e amei, quero muito continuar lendo essa série. Pena que você não gostou muito de A Herdeira, mas ainda assim quero ler.

    Beijos,
    Sora - Meu Jardim de Livros

    ResponderExcluir
  6. Olá!
    Adorei A Seleção,mas tive problemas com a protagonista e a mesma coisa aconteceu com A Herdeira.Gente que raiva das protagonistas,impressionante como a Kiera consegue me irritar com esses personagens,mas amo a escrita dela mesmo assim kkkkkkkkkk
    Abraços!!

    http://livreirocultural.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu gostava da America, só não gostava quando ela agia certo e se arrependia em seguida, ai tinha vontade de esfolar ela. Já a filha dela... nossa que menina chataaaaaaaaaaaaaaaa!!! Mesmo assim, leio porque a Kiera escreve muito bem.

      Excluir
  7. Oi! Comparado aos demais, este foi o que menos gostei, não tem muito a ver com os outros a nãos ser pela Seleção, a autora seguiu por uma linha diferente e menos doce e romântica. Bjos!! Cida
    Moonlight Books

    ResponderExcluir
  8. Bom, não sei como você achou meu Blog... Mas eu super curti o seu, o os "harrys" são fofos. haha.

    Como pode ver na minha postagem que visitou eu não li a herdeira e sinceramente o que quero do livro é entender como América está enquanto rainha e como está Ilea depois desses anos, porque não tenho esperanças com a protagonista, e ninguém está falando dos selecionados, então... Não tenho muitas esperanças... Tem resenha de "A Rainha" se quiser dar um pulo tá por aqui:

    http://tayletitshine.blogspot.com/2015/06/a-rainha.html

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah Tayana, eu tenho meus métodos de descoberta kkkk - na verdade exploro a blogosfera com furor hohoh vou lá vê seu post sobre "A Rainha".

      Excluir
  9. Oi Pandora.

    Ainda não li essa série e, como já falei em outro comentário, por ser um romance com muito mel não tenho nenhuma vontade de ler. Não gosto desse tipo de leitura, mas também não condeno quem gosta! :D Apesar disso entendo muito bem o que é jurar não ler mais nada sobre aquilo e mesmo assim cair na tentação. A curiosidade é muito forte! kkkkk :D :D
    Bjoks da Gica.

    umaleitoraaquariana.blogspot.com

    ResponderExcluir