O último dos canalhas [Resenha Literária]


Quem leu O príncipe dos canalhas da autora Loretta Chase deve ter ficado ansioso pelo O último dos canalhas. Loretta tem uma escrita que diverte e empolga, tudo o que a gente mais precisa de vez em quando (ou sempre).

Em O último dos canalhas acompanhamos a história de Vere Mallory, duque de Ainswood e Lydia Grenville. Vere é o amigo de Belzebu que aparece no primeiro livro e que leva uma surra ao confundir Jess, mulher de Belzebu, com uma prostituta. É um homem de muitas mulheres, que se considera um verdadeiro canalha, mas arrisca a vida para salvar os outros e no fundo é um bobalhão. Tanto que Lydia, uma excelente jornalista, consegue humilhá-lo na primeira vez que os dois se encontram e por mais que Vere tente dar mudar sua imagem, mais ele se envolve com Lydia e os problemas dela. Problemas que inclui ter as joias de uma pobre coitada de volta, investigações dignas de livros policiais. É hilário ver as situações em que Lydia acaba colocando Vere!


Assim como em O príncipe dos canalhas, os protagonista brigam e se provocam o tempo todo, mas o união deles acontece bem antes do que a gente imagina e acaba dando outro foco ao livro, um toque mais romântico e ainda assim muito engraçado. Temos até um encontro de família entre Belzebu e Jess e Vere e Lydia. É também nessa “segunda parte” da história que o livro foca um pouco mais em todos os traumas de Vere, que é um homem marcado pelas mortes na família.

Vale destacar o irmão tonto de Jess, Bertie, acaba encontrando alguém que goste dele, tonto e bobo como ele é. Destaque também para Susan, a cadela casamenteira de Lydia! E também a tradução e edição da Editora Arqueiro. Li esse livro ainda em inglês e devo dizer que gostei bastante do trabalho da editora na edição brasileira.

Minha parceira de blog, Jaci, também me mandou fotos do livro dela!

Embora O príncipe dos canalhas ainda seja meu favorito, O último dos canalhas, que é o quinto livro da série, mas o segundo lançado no Brasil, me agradou bastante. Lydia é uma mulher independente, forte, inteligente e Vere apesar de todos os seus defeitos é um protagonista com carisma que ganha a gente logo a princípio.

"O último dos canalhas" invadiu todas as estantes!

Loretta é sarcástica e mistura bem romance, ação e até mesmo com um bom toque de suspense em um divertidíssimo romance de época.

Dados do livro
O último dos canalhas
Autora: Loretta Chase
Editora Arqueiro

Nota:



Compartilhe no Google Plus

Sobre O Que Tem Na Nossa Estante

É amante de livros, filmes, séries e adora uma boa música. Escreve para O Que Tem Na Nossa Estante.

comentário(s) pelo facebook:

13 comentários:

  1. Eu estou definitivamente nadando contra a maré bloguistica, porque apesar de amar o lorde Belzebu, "O último dos canalhas" é definitivamente meu preferido entre os dois! A parte isso, adoro o estilo da Loretta, mas uma indicação sua que valeu muitooooo a pena!!!

    ResponderExcluir
  2. Oi, oi!

    Livro de época é maravilhoso. Sempre que posso leio um. <3 Btw, tu já viu o filme "O diário da camareira"? Acho que tu gostar, já que é baseado em um livro semelhante ao "O último dos canalhas".

    Fica a dica!

    Bjs!

    Não me venha com desculpas

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Adriel não conheço esse filme, mas já pelo nome me chamou atenção! Vou ver sim, valeu pela dica!

      Excluir
  3. oi flor, acho que Loretta tem um jeito especial e diferenciado de escrever, seus personagens não são tão perfeitinhos e ela ao mesmo tempo em que "mancha" um pouco a honra deles consegue redimi-los de tal forma que as imperfeições tornam-se perfeições para o leitor, que da mesma forma que eu se vê apaixonada pelos seus mocinhos. Além do que as mocinhas sem mimimi são demais!
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Olá, Michele.
    Eu quero muito ler esse livro. Eu ganhei ele em um sorteio e não vejo a hora que chegue hehe. E a editora não lançou os livros em sequencia, como assim? Tomara que não dê nenhum spoiler dos outros livros da série. Gostei de saber que até o Bertie se arranjou hehe.

    Blog Prefácio

    ResponderExcluir
  5. Esse livro parece ser muito interessante. Na verdade já estava de olho suspense me deixou mais curiosa ainda. Realmente faz sucesso e invadiu a estante da mulherada.
    Beijos,
    Monólogo de Julieta

    ResponderExcluir
  6. Mi minha amiga li rapidamente para não cair na tentação de furar a fila de leitura que tenho pela frente. Estou em uma maratona literária para colocar as leituras em dia e o Último dos Canalhas está aqui na minha frente.
    Será que vou achar melhor o Príncipe dos Canalhas? Depois te conto e quem sabe consigo tempo para fazer um vídeo (amador) falando sobre eles?
    Adorei sua resenha!!!
    O blog está lindo também.
    Beijos

    ResponderExcluir
  7. Oi, Michele!
    Gente, eu sou uma alien na blogosfera. Só eu que ainda não li nenhum dos canalhas da Loretta. E olha que muita gente indica.
    Acho que vou mudar esse ano, sem sombra de dúvida.
    As fotos ficaram lindas.
    Beijos
    Balaio de Babados

    ResponderExcluir
  8. Oi! Acho que esta autora gosta de criar mocinhos perturbados, lembro que o do primeiro livro tinha um trauma de infância que o perseguiu por toda a vida adulta, mas acho genial que ela aborde isso de maneira leve e divertida, deixando a leitura muito mais gostosa.

    Bjos!! Cida
    Moonlight Books

    ResponderExcluir
  9. Oi Michelle!
    Aah preciso ler os livros da Loretta, parecem ser ótimos. Bom saber que a tradução ficou boa, normalmente os livros da Arqueiro são bem traduzidos, mas é sempre bom reforçar.

    Beijos,
    Sora - Meu Jardim de Livros

    ResponderExcluir
  10. Oi, Michele.
    Tenho muita curiosidade pra ler O príncipe dos canalhas.
    Vi resenhas que me animaram em comprá-lo.
    Esse segundo livro segue o mesmo padrão e essa autora parece saber dosar muito bem romance e humor, de forma leve e descontraída.
    Abraços.
    Diego || Diego Morais Viana

    ResponderExcluir
  11. Oi Michele.

    Adoro histórias de época, mas sempre tenho certo receio em me jogar nos romances, pois não gosto de nada muito água com açúcar ou daqueles que me fazem chorar. Depois de ler a sua resenha vi que ele é totalmente o contrário do que imaginava. Já o adicionei a minha lista de "quero ler"! :D :D Obrigada pela indicação. Bjoks da Gica.

    umaleitoraaquariana.blogspot.com

    ResponderExcluir
  12. Oi Michele!!!
    Eu adoro os livros da Loretta, seus personagens são ótimos e ela tem uma maneira muito própria de contar suas histórias, nos proporcionando reviravoltas surpreendentes mesmo dentro de enredos considerados chichês.
    Beijos... Elis Culceag.
    * Arquivo Passional *

    ResponderExcluir