A Lenda de Tarzan [Resenha do filme]


Conferimos a Cabine de Imprensa pela Warner Bros

Algumas histórias serão sempre recontadas: detalhes serão adicionados, personagens serão revisitados, tramas serão engendradas, mas o cerne será mantido. Até porque não dá pra fugir de uma lenda com o peso de Tarzan (se nunca te falaram, significa ‘pele branca’): um herdeiro da aristocracia inglesa que é criado por símios após a morte de seus pais na selva africana. Essa é a premissa da história de Rômulo e Remo, e também de Mogli, todos criados por lobos, o que faz com que a lenda de Tarzan não seja totalmente única. Ainda assim, traz um grande número de filmes e livros enaltecendo algo bastante primordial: um herói que mostra respeito à natureza dos animais.

E esse novo Tarzan não é diferente. Os animais aqui são coadjuvantes: obrigado aos leões, macacos, avestruzes, elefantes, hipopótamos, búfalos, por fazerem dessa nova aventura um filme bem mais interessante. Claro que os efeitos especiais são um capítulo à parte, e talvez até, vez-ou-outra, excessivos. Porém, há quem defenda o ponto de que a entrega do personagem à selva, seus cipós e perigos constantes, não seria crível e completa sem os efeitos especiais. No entanto, como já antes afirmado, não tem efeito especial que segure um roteiro fraco e sem nós bem dados. Aqui, no caso, temos alguns pontos positivos. Tem a lenda em si, que é cativante de alguma forma. E tem o elenco, que pode sempre ajudar ou derrubar uma produção. 


Dessa vez o vilão é o excelente Christoph Waltz na pele do Capitão Rom, pronto para cometer crueldades sem qualquer crise de consciência (que mal há em escravizar quase um país inteiro para procurar diamantes para o capitão?!). Conhecemos também um pouco mais de Jane (Margot Robbie) Samuel L. Jackson foi uma boa adição à trama, por mais que seu personagem George Washington Williams pareça merecer mais do que temos dele durante os 110 minutos do filme. 

O Tarzan da vez é o vampiro de True Blood, Alexander Skarsgård, que usa de sua experiência em trabalhos anteriores para dar vida a um Tarzan que irá convencer uns e outros, por mais que não tenha sido a melhor leitura do rei das selvas que já tivemos (se bem que a cena com as crianças e o espanto de um dos meninos com a mão do aristocrata inglês, que explica do porquê daquele formato, seja uma junção interessante desse filme). 


No mais, foram quase duas horas de bom entretenimento ao estilo ‘Me, Tarzan. You, Jane’ - se é que você me entende. 
Dados do Filme

Título: A Lenda de Tarzan
Título: The Legend of Tarzan
Ano: 2016
Diretor: David Yates


2.5/5.0

Cristiano Santos

*estreia 21 de julho

Compartilhe no Google Plus

Sobre O Que Tem Na Nossa Estante

É amante de livros, filmes, séries e adora uma boa música. Escreve para O Que Tem Na Nossa Estante.

comentário(s) pelo facebook:

38 comentários:

  1. Quero muito ver esse filme, não vejo a hora de poder assisti-lo. Antes não tinha a mínima curiosidade, mas de repente comecei a ficar obcecada por esses lançamentos de 2016!

    Beijo
    www.leitorasvorazes.com.br

    ResponderExcluir
  2. Oi Cristiano, desde que foi anunciado esse filme eu fiquei com vontade de assistir. Isso que você mencionou é bem verdade e tem estado presente em muitos filmes ultimamente: o excesso de efeitos especiais. Ainda não fui assistir ao filme mas espero gostar.
    Beijos
    Quanto Mais Livros Melhor

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Priscila! Pois é, sou fã mais das histórias do que dos efeitos, mas nesse Tarzan eu curti os efeitos com os animais, principalmente a parte dos elefantes :)
      E obrigado pelo comentário!

      Excluir
  3. Olha, nem sabia que tinha uma nova versão da história.
    Pesando pontos positivos e negativos citados na sua resenha (que está muito bem feita!) acho que daria uma chance à trama.

    ENTRETANTO • INSTAGRAMTWITTER

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Jul T.!
      Obrigado pelo elogio :)
      E se assistir, tomara que curta. Valeu!

      Excluir
  4. WOWW!
    Não sabia que tinha saído filme novo! Vou correndo assistir! Amo Tarzan, cresci vendo os desenhos, os filmes e sinceramente é nostalgia pura ver algo do tipo!
    bjs xxx
    lendocomela.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  5. Numa lista de filmes, as versões novas de contos tão conhecidos são as que eu menos dou preferência. Gosto dos desenhos, mas acho que não o suficiente pra acompanhar essas versões que tem saído :( e acho que Tarzan no final tem seus lados positivos e negativos, né? Não conquistou total, mas também não é uma decepção. Quem sabe eu dê uma repensada e acabe assistindo!

    xx Carol
    http://caverna-literaria.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tá certo, Carol. Valeu pelo comentário ;)

      Excluir
  6. Gostei da dica Cristiano. Como amo releituras (apesar de me decepcionar com boa parte delas) e admiro muito o trabalho do Alexander, pretendo assistir o filme. Abraço!

    www.newsnessa.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tá certo, Vanessa. Tomara que se divirta então. Valeu pelo comentário!

      Excluir
  7. I liked the An review. I am interested in this movie

    Regards, Golf in Cambodia

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hey Keo, thanks for your comment. Hope you watch it and like it ;)

      Excluir
  8. Mas já está em cartaz? Que atrasada que eu estou!
    Pior que vai acontecer que nem o Mogli, eu quero ir, mas vou acabar dando prioridade a outro filme. É um exemplo que pode esperar lançar no Net Now né?
    Beijos
    http://estante-da-ale.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olha Alessandra, se vc não for super hiper ultra fã de Tarzan, acho que dá para esperar sim ;)

      Excluir
  9. Olha... Não vou mentir que quero assistir esse filme só por causa do Alexander e da Margot. Não sou muito fã da história do Tarzan.
    Beijos
    Balaio de Babados

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hehehe, mas já se tu gosta dos dois, vai adorar, Luiza!

      Excluir
  10. Oi Cristiano
    Tô com bastante vontade de assistir, talvez vá semana que vem!
    O excesso de efeitos realmente tá mt presente nos filmes atuais, mts vezes acabam cansando o filme.
    Lendo suas resposta aos comentários, tô curiosa na parte dos elefantes
    hehehehehehe

    Ótima resenha!

    Bjooos
    muitospedacinhosdemim.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Fernanda! Obrigado pelo elogio! Thanks ;)
      Então, eu tenho uma coisa com bichos, sabe. Respeito muito e sempre me emocionam e tal. E o lance dos elefantes é bem rápido, mas me lembrou uma vez que fui no zoo aqui de SP e quase chorei quando olhei nos olhos do elefante e vi que ele não tava legal ali :(

      Hehehe, nem liga, sou dramático mesmo :P
      Mas vá assistir e volte pra contar ;)

      Excluir
  11. OI, Cristiano...
    Ainda não assisti esse novo e confesso que não estou muito empolgada, apesar de atores novos e efeitos melhores sempre acaba sendo mais do mesmo, confesso que estou um pouco cansada com isso.
    Beijão

    Te Conto Poesia ♥

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é Camila, isso do mais do mesmo tá ficando chato, vdd. É por isso que agradeci a """participação""" dos animais nesse filme ;)

      Excluir
  12. To louca pra ver esse filme, gostei muito do trailer, e já li algumas críticas...
    Adorei a resenha!
    Beijos
    www.somosvisiveiseinfinitos.com.br
    Tem vídeo novo no canal: https://www.youtube.com/watch?v=K4cl2STqLL8

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Opa! Obrigado pelo elogio! E que bom que tenha passado por aqui ;)

      Excluir
  13. Olá. É uma pena que o filme não tenha alcançado as expectativas, eu achei que seria uma obra e tanto! Amanhã irei assistir Caça-fantasmas e espero depois assistir Tarzan, talvez algo me impressione rsrs
    Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Miriã!
      Acho que vai curtir sim! Volte e me conte!
      Valeu!

      Excluir
  14. Oi! Não sabia que Tarzan significa pele branca :o
    Enfim, meu namorado tá "me enchendo o saco" pra assistir esse filme, mas acho que não assistirei. Eu me acostumei com aquele outro ator interpretando esse papel, é algo que lembra muito minha infância, então prefiro manter essa imagem mais nostálgica dele.
    De fato, não há efeito especial que segure um filme ruim, sem roteiro. Foi exatamente o que senti ao assistir A falha de San Andreas. Muuuuitos efeitos, nenhuma história. Uma pena.

    Abraço,
    Kemmy|Duas Leitoras

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pô Kemmy! Vai lá sim com o namorado! Hehehe!

      Excluir
  15. Olá, Cristiano.
    Para falar a verdade nem sabia desse filme. Mas gosto de Tarzan, eu não sabia o significado, e mesmo você não tendo se empolgado tanto, acho que vou assistir. Pelas imagens que você colocou já dá para ter uma ideia dos efeitos hehe.

    Blog Prefácio

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hehehe, pois é Sil. Mas eu curti a parte entretenimento, sabe? E os efeitos especiais com os animais me pegaram tbm. Mas vá ver e tire suas conclusões ;)

      Excluir
  16. Oi
    parece ser um filme interessante, mais se eu assistir seria mais pelo ator mesmo do que pela história.

    momentocrivelli.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  17. Eu estou muito animada para ver o filme, pelos efeitos especiais, pelo Christoph Waltz, que acho que rouba sempre as cenas nos filmes que faz e pelo entretenimento, já que estou de férias devo ir ver hoje. Depois volto aqui para colocar minha opinião.
    Abraços,
    Gisela
    Ler para Divertir
    Participe do Sorteio dos seis livros da Carina Rissi no Instagram do blog

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Concordo, Waltz é bom demais - se bem que não gosto muito dele naquele filme dos olhos grandes, Big Eyes, acho. Mas aqui no Tarzan, ele tá bem sim ;)

      Excluir
    2. Este comentário foi removido pelo autor.

      Excluir
  18. Fiquei bem animada para assistir esse filme que parece ser um pouco diferente dos outros filmes do Tarzan que somos acostumados a ver! <3

    www.kailagarcia.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ahhh, bacana! Se assistir, volte e me diga o que achou ;)

      Excluir
    2. Este comentário foi removido pelo autor.

      Excluir