No Fim do Túnel [Resenha do Filme]

Conferimos a Cabine de Imprensa de No Fim do Túnel pela Warner Bros.

Não é de hoje que as produções argentinas nos impressionam. E nem só de Ricardo Darin essas mesmas produções sobrevivem. Claro que ele é, sem dúvidas, um grande ator, mas o que é possível constatar nesse No Final do Túnel, é a habilidade que o cinema argentino tem em nos conceder uma história bem contada, seja ela de suspense, aventura, romance, drama ou qualquer outro gênero.

O muito hábil Rodrigo Grande, diretor também de Rosarigasinos (2001) e Cuestión de Principios (2009), nos conduz por caminhos que vez ou outra nos faz pensar no brasileiro Assalto ao Banco Central (2011), já que ambos lidam com a mesma estratégia: um túnel que os fará chegar ao banco alvo sem violência alguma sendo necessária. Porém, aí estão as semelhanças e aí mesmo elas terminam. Nesse No Fim do Túnel somos apresentados ao cadeirante Joaquín (interpretado pelo ótimo Leonardo Sbaraglia, de Plata Quemada e Intacto, entre outras produções) e seu velho cachorro, os únicos moradores de uma casa bastante grande e cheia de livros por todos os lados. Para ajudar com as despesas, que acumulam cada vez mais, Joaquín decide alugar um dos quartos da casa. É quando conhecemos a jovem dançarina da noite, Berta (Clara Lago). Sem deixar nenhuma opção para Joaquín, Berta e sua filha (aparentemente traumatizada por algo que ainda desconhecemos e, consequentemente, muda) se instalam no quarto disponível, que dá para o terraço da casa.


Aos poucos, ou de forma rapidamente contada por Rodrigo, Berta vai desvendando a rispidez e zanga de Joaquín. Descobrimos que o jardim guarda segredos que revelam o motivo da cadeira de rodas. E uma caixa com fotos, encontrada por Berta, dão mais detalhes da triste e depressiva história de Joaquín.

Enquanto isso, um túnel é cavado bem abaixo do porão da grande casa da nossa personagem principal, que ao perceber movimentos e burburinhos por trás da parede, começa uma investigação pessoal que lhe dará das duas, uma: ou uma posição privilegiada num jogo de gato e rato, ou uma grande dor de cabeça. Outras personagens vão sendo inseridas na trama e twists vão acontecendo, fazendo com que a narrativa cresça e nos mantenha presos ao desejo de querer ver como tudo aquilo irá se desenrolar.


Um dos filmes mais tensos e bem engendrados desses últimos meses, com detalhes que fazem com que a história cresça e se mantenha. Vale muito a pena ser visto, principalmente por espectadores que gostam de filmes que respondem perguntas que são geradas durante a trama: a costura aqui tá bem feitinha e altamente convencível. 


Trailer:

FICHA TÉCNICA

Título: No Fim do Túnel
Título Original: Al final del túnel
Diretor: Rodrigo Grande
Warner Bros. Pictures
Lançamento: 6 de outubro de 2016 (Brasil)
Avaliação do site4.0/5.0


Cristiano Santos
Compartilhe no Google Plus

Sobre O Que Tem Na Nossa Estante

É amante de livros, filmes, séries e adora uma boa música. Escreve para O Que Tem Na Nossa Estante.

comentário(s) pelo facebook:

32 comentários:

  1. Puxa, não tinha nem ouvido falar e fiquei MUITO curiosa! Adoro esse tipo de trama que mistura drama com suspense. Os personagens parecem muito bons também!
    Abraço! :)

    Red Behavior

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Maria Eduarda!
      Pois assista, vale a pena ;)

      Excluir
  2. eu sou apaixonada por esse ator. beijos, pedrita

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ahhh Pedrita, então corra e assista esse ;)

      Excluir
  3. oi tudo bem?

    adorei a indicação, o filme parece ser ótimo.
    como sempre arrasando nas resenhas. vou procurar pra
    assistir. beijos

    Taynara Mello | Indicar Livros
    www.indicarlivros.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Taynara!
      Obrigado pelo 'arrasando' :)
      E o filme é bom sim.
      bjo

      Excluir
  4. Tenho que confessar que ACHO que nunca vi um filme argentino, e talvez isso mostre que a minha cultura não está tão desenvolvida assim, ainda! ahaha
    Mas adorei a sinopse, o filme parece mexer com muitas questões delicadas, e isso é bom.
    Parabéns pela resenha,
    beijão,
    https://radioactivebookss.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Jéssica!
      lembre-se que nunca é tarde para começarmos nada, OK? Então manda ver nos filmes argentinos ;)
      Obrigado e gde bjo!

      Excluir
  5. Oi.
    Puxa, não conhecia esse filme.
    Parece muito bom, cheio de mistério.
    Essa nova safra de filmes argentinos está anum nível bem alto.
    Vi recentemente Tese sobre um homicídio e gostei bastante.
    Bela resenha.
    Abraços.
    Diego || Diego Morais Viana

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Diego!
      Ainda não vi o Tese, anotado. Valeu e abraço pra ti tbm!

      Excluir
  6. Olá, Cristiano.
    Como não sou muito ligada em filmes, nunca sei a origem deles. Nem lembro se já assisti algum argentino. Mas me interessei por esse. E sou dessas que gosta de tudo explicadinho hehe. Odeio finais abertos.

    Blog Prefácio

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E aí Sil, blzinha?
      Hahahahahah! Cara, eu AMO filmes explicadinhos mas tbm AMO os que deixam a nosso critério, sabe? Ou seja, cinema e música são meus verdadeiros oxigênio <3
      ;)

      Excluir
  7. Oi não conhecia o filme, mais fiquei bem interessada para assistir, já esta anotada a dica ^^
    beeijos
    http://bellapagina.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Leticia!
      Tomara que assista e curta ;)
      bjo

      Excluir
  8. Oii,
    Não conhecia o filme, mas sempre gostei dos filmes argentinos, acho eles muito bem trabalhados.
    Dica anotada de filme.
    Bjs e uma ótima noite!
    Diário dos Livros
    Siga o Twitter

    ResponderExcluir
  9. Nossa, parece ser um filme surpreende.
    Adorei a dica e quero muito assistir.
    Art of life and books.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Opa! Assista e volte pra dizer o que achou ;)

      Excluir
  10. Oi
    até salvei o nome do filme aqui, nem acho que fora o Brasil, EUA, os filmes que assisto além desses são da Coreia e alguns Franceses. Você é bem diversificado nessa questão, parece ser uma trama bem interessante.

    momentocrivelli.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hehehe, pois é Denise, para a 7ª arte não existe lugar longe demais :)
      Que bom que já assiste aí uns fora do eixo North America!
      bjo e obrigado!

      Excluir
  11. Oie Cristiano =)

    Não conhecia o filme, mas pelo trailer achei a trama interessante. Ando assistindo bastante filmes "estrangeiros" no Telecine Cult ultimamente. É incrível como te produção boa que a gente nem fica sabendo que existe rs...

    Dica anotada!

    Beijos;***

    Ane Reis.
    mydearlibrary | Livros, divagações e outras histórias...
    @mydearlibrary

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hey Ariane, tudo bem?
      Vdd vddeira: coisa boa que a gente nem imagina que existe!
      Obrigado pelo comentário!

      Excluir
  12. Oie,
    não conhecia o filme, mas curti. Acho que meu marido irá gostar.

    bjos
    Blog Vanessa Sueroz

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Opa! Senta e assista com o maridão então!
      Vale a pena!
      ;)

      Excluir
  13. Oie
    Achei o enredo bem curioso e instigante. Fiquei com vontade de assistir. Valeu pela dica.

    Beijinhos
    http://diariodeincentivoaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Nessa!
      Só digo uma coisa: vale a pena ;)

      Excluir
  14. Vou abraçar essa indicação, o filme deve ser ótimo. Meu tempo não me dá essa chance agora, mas qualquer final de semana que vir por aí eu procuro assistir!

    Beijo <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois eu recomendo e se não curtir pode voltar e me bater até!
      Hehehehe
      Valeu ;)

      Excluir
  15. Eu não conhecia esse filme, mas achei a trama bem interessante, fiquei com vontade de assistir.
    Mil Beijos!
    http://pensamentosdeumageminiana.blogspot.com/2016/10/top-7-novidades-da-semana.html

    ResponderExcluir
  16. Acredita que eu nunca vi um filme argentino?
    Mas esse parece uma boa ideia.
    Fiquei super curiosa com toda essa questão de mistério e suspense e do túnel em si.
    Bom saber que tem várias produções excelentes por aí além de Hollywood.

    Beijooos

    www.casosacasoselivros.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Teca!
      Tem um cinema lindo, interessante e vibrante fora de Hollywood sim. Mas tem que descobrí-lo!
      Valeu pelo comentário!
      bjo

      Excluir