Lúcida [Resenha Literária]


Sloane é estudante de 17 anos que mora em Mystic, Connecticut. Maggie, também de 17 anos, é uma aspirante a atriz que mora em Nova York. O que essas duas tem em comum? Além do mesmo nome - Sloane Magareth Jameson -, cada uma sonha com a outra quando dorme. Mas até que ponto, a vida das duas é um sonho?

À primeira vista o livro pode parecer confuso. A história é narrada em primeira pessoa, tanto por Sloane quando Maggie - no início de cada capítulo vem especificado de qual vida vamos ler. Bom, mesmo que não tivesse, não seria muito difícil distinguir as duas. Maggie e Sloane, além de diferentes fisicamente, também possuem personalidades diferentes. No começo, eu não gostava de nenhuma das garotas, mas logo eu comecei a me afeiçoar pelas duas e até ficar com pena porque não deve ser nada fácil fingir viver normalmente quando se acha que está louca.


Eu tive algumas teorias sobre como isso poderia acontecer. A maioria delas envolvia sonhos lúcidos (creio que daí que veio o nome do livro) mas, pelo que sei do assunto, teria de ser um sonho bem lúcido mesmo e algumas características da história não se encaixam nas de sonhos desse tipo. Afinal, uma está bastante consciente na vida da outra; um ser onipresente. Em certo momento, com minha graduação em duas temporadas e meia de The Flash, eu já estava com a teoria de multiverso: cada uma vivia numa Terra diferente e por algum poder psíquico conseguiam sonhar a vida uma da outra. Não preciso nem dizer que quebrei a cara.

Em certo momento da leitura, eu achei que não haveria explicação nenhuma para tudo aquilo. Faltando quase 50 páginas para acabar, acontece o que achava que seria melhor ter acontecido lá pela metade: a vida das duas começam a se entrelaçar (e bem aqui se acaba a minha teoria de sonhos lúcidos). Daí pro final foi tudo um tanto corrido e confuso, mas se prestar atenção direitinho, descobre-se quem é a verdadeira Sloane Margareth Jameson.


No geral, Lúcida foi uma boa leitura, apesar de ter se perdido um pouco sobre o tal thriller psicológico.

FICHA TÉCNICA

Título: Lúcida
Título: Lucid
Autores: Ron Bass e Adrienne Stoltz
Onde Comprar: Amazon
Nota: 3,5/5,0

Luiza Helena (também autora do blog Balaio de Babados)
Compartilhe no Google Plus

Sobre O Que Tem Na Nossa Estante

É amante de livros, filmes, séries e adora uma boa música. Escreve para O Que Tem Na Nossa Estante.

comentário(s) pelo facebook:

10 comentários:

  1. Oi, Luiza!
    É a segunda resenha que leio sobre esse livro e tanto você quanto a outra leitora se decepcionaram com a resolução da história. Quando li a sinopse fiquei interessada pelo enredo, mas a sua resenha (que está ótima, por sinal) me deixou ainda mais desacreditada com o livro hahahhaha Odeio quando desperdiçam histórias criativas assim! Beijinhos, Beatriz.

    O Diário de uma Escritora Iniciante

    ResponderExcluir
  2. Oie,
    não conhecia o livro e confesso que a capa não me chama atenção, mas curti bastante a resenha

    bjos
    Blog Vanessa Sueroz
    3 livros por 20 reais

    ResponderExcluir
  3. Oi, Lu!
    Que pena que a coisa ficou confusa e se perdeu, a premissa parecia bem boa! Me incomoda demais quando os autores protelam as explicações até o final e fazem tudo meio corrido e sem desenvolver direito.

    Beijos, Entre Aspas

    ResponderExcluir
  4. Oi, Lu. Eu vi o livro ontem na Saraiva e amei a capa. Esse negócio de duas pessoas compartilharem as mesmas coisas na cabeça é bem confuso, e você ainda disse que o final é meio corrido, então não sei realmente se gostaria do livro. Quem sabe um dia.
    Beijo! Leitora Encantada
    Participe do Sorteio de Natal

    ResponderExcluir
  5. Oi Luiza!
    Não conhecia o livro, mas achei a premissa interessante. Uma pena que tenha se perdido e ficado tão confuso.
    Beijos,
    alemdacontracapa.blogspot.com

    ResponderExcluir
  6. Graduação em duas temporadas e meia de flash me fez ri alto hahahahaha Por muito tempo eu fugi de livros que abordam sonhos por motivos de achar que "sonhos são esquisitos, idiotas e me apavoram" (frase roubada de The Sandman de Neil Gaiman), mas de uns tempos para cá tenho enfrentado mais esse tipo de história como uma tentativa de enfrentar também o que me causa estranhamento e me apavora pq aprendi que nossos pavores nos perseguem se nós não perseguimos eles hahahah! Lucida entrou no meu mapa de livros possíveis, qualquer dia desses talvez leia!

    ResponderExcluir
  7. Li algumas resenhas sobre esse livro semelhantes à sua, sobre ser um pouco confuso, e você fica na dúvida se você mesmo também está lúcida ou não hahaha morri com a sua teoria de multiverso! Ou será que o Barry ferrou tanto a linha do tempo que surgiram duas Sloane? hahaha também já tenho minhas teorias montadas, então preciso ler logo pra descobrir qual é a verdadeira!

    xx Carol
    http://caverna-literaria.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Olá, tudo bem? Parece ser uma ótima leitura, apesar de confusa. Adoro livros nesse estilo e fiquei doida para conferir a estória!

    Beijos,
    Duas Livreiras

    ResponderExcluir
  9. Oi Lu, sabe que na hora que eu vi "Por Luiza Helena" logo lembrei de você, mesmo nunca tendo lido uma postagem sua aqui, só lá no Balaio...
    Então, sobre esse livro, eu acho a capa linda, mas o enredo não me agrada, não tenho vontade de ler sabe?

    Beijos,
    Ana | Blog Entre Páginas
    www.entrepaginas.com.br

    ResponderExcluir
  10. Oi Lu! Eu gostei da história e de toda a confusão vivida pelas meninas, mas queria um fina bem explicadinho, não o que tivemos. Esta parte me decepcionou.
    Bjos!! Cida
    Moonlight Books

    ResponderExcluir