Maus [HQs]


Maus é o quadrinho que consegue arrancar lágrimas dos que possuem coração de pedra. Nenhum livro ou filme sobre o que os judeus sofreram durante a Segunda Guerra Mundial consegue ser um relato tão cru, sem todo o melodrama de Hollywood.

Nessa HQ somos apresentados à história de Vladek Spiegelman, escrita por seu filho, Art Spiegelman, anos após os acontecimentos. E a história corre entre passado e presente, com um Vladek já idoso, em seu segundo casamento e com manias que a Guerra lhe deixou.


Apesar do tamanho do livro e do tema, a leitura não é cansativa, as nuances do sotaque de Vladek e as relações da família Spiegelman suavizam os horrores da Guerra. Um dos principais destaques do livro é transformar as pessoas em animais, os judeus se tornaram ratos, como foi divulgado em diversas propagandas nazistas da época, enquanto os nazistas são gatos, o tempo todo caçando os ratos, nos menores espaços possíveis e de forma incansável. Já os poloneses são porcos, franceses são sapos e estadunidenses são cachorros.

Vladek foi muito mais que um sobrevivente, acompanhamos como conheceu sua primeira esposa Anja, foi prisioneiro de guerra, sofreu preconceito, perdeu seu emprego, passou por violência, fome, medo e humilhação, ao mesmo tempo em que torcemos por sua sobrevivência e força. O leitor é apresentado com detalhes ao horror de Auschwitz, como as pessoas foram enganadas e levadas para câmaras de gás, enquanto outros judeus eram obrigados a retirar os corpos e colocá-los em valas.


Em Maus vemos como as pessoas se tornaram muito menos que animais, mesmo com relatos tão reais é impossível imaginar a dor e injustiça que os nazistas causaram, é impossível imaginar os danos causados a Vladek e sua família, marcas que passaram gerações e que podemos ver em Art. 

É um livro que deixa lições valiosas, Vladek foi extremamente inteligente e paciente, soube racionar seu alimento, cuidou de sua família e sempre buscou guardar coisas que no fim salvaram sua vida, itens que no cotidiano são considerados comuns ou inúteis. Porém, a lição mais valiosa de Maus é até onde o ser humano vai por se achar superior a outro, o quanto perde sua humanidade no caminho e mesmo que em uma escala muito, muito menor ainda está presente nos dias atuais. O preconceito é um mau que precisa ser tratado, uma marca da história mundial que precisa ser discutida e levada a igualdade entre raças, credos, sexualidades e condições.

FICHA TÉCNICA

Livro: Maus [HQ]
Autor e Ilustrador: Art Spiegelman
Onde Comprar: Amazon
Rafaela Alves
Compartilhe no Google Plus

Sobre O Que Tem Na Nossa Estante

É amante de livros, filmes, séries e adora uma boa música. Escreve para O Que Tem Na Nossa Estante.

comentário(s) pelo facebook:

4 comentários:

  1. Oie
    Adorei a dica, leio pouco HQ, mas eu adorooo.

    Beijinhos
    http://diariodeincentivoaleitura.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. Olá!
    Não leio muitos HQs, mas esse sempre me chama a atenção. "Maus é o quadrinho que consegue arrancar lágrimas dos que possuem coração de pedra" Imagina de mim, emocional do jeito que sou?? preciso lê-lo logo haha

    Abraço!
    http://lupiliteratus.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Oi, Rafa!
    Falam muito bem dessa HQ. Sempre vejo ela de promoção, mas nunca compro hahahaah
    Eu sou coração de pedra demais.. Será que me consegue arrancar lágrimas?
    Beijos
    Balaio de Babados
    Sorteio Literário de Carnaval
    Resenha Premiada Paixão e Crime

    ResponderExcluir
  4. Oi Rafa, tudo bem?

    Só de ler a sua resenha, a lágrima cau. Eu tenho uma ligação muito forte com a Segunda Guerra Mundial, tudo que leio da época ou assisto me deixa em comleta fragilidade. Este HQ parece ser realmente muito duro, acho queme despedaçaria com o mesmo. Amei a dica, com certeza irei procurar o quanto antes!

    Beijos,

    Gnoma Leitora

    ResponderExcluir