A Rainha de Tearling [Resenha Literária]


Erika Johansen sonhou com Tearling em 2007 e alguns dias depois ela assistiu a um discurso de Barack Obama (na época, senador) que lhe deu inspiração para criar sua heroína. Ela demorou anos para finalizar a história pois teve que dividir seu tempo com a faculdade de direito. O livro A Rainha de Tearling, lançado em 2014, foi o romance de estreia da autora e o primeiro de uma trilogia. Meses depois de seu lançamento, saiu em vários jornais e revistas que o produtor de cinema David Heyman tinha comprado o direito do livro para os cinemas e juntamente com ele a atriz Emma Watson entrou no projeto como produtora executiva e também seria a protagonista, e foi através dessa notícia que passei a me interessar pela série.

Para quem não sabe, David Heyman foi o produtor que comprou o manuscrito de Harry Potter e foi uns dos responsáveis por levar esse mundo mágico para as telas de cinemas e fazer da série um dos maiores sucessos cinematográficos dos últimos tempos. Como fã de Harry Potter, sempre fico atenta as notícias que sai, me lembro de fazer várias pesquisas sobre o livro, até que eu descobri que a Suma de Letras tinha adquirindo os direitos para publicá-lo no Brasil. Agora em 2017 e o livro acaba de ser lançado pela editora e assim que chegou em minhas mãos larguei todas as minhas leituras e encarei de vez essa história.


Em A Rainha de Tearling temos como cenário a terra Tearling e a jornada de Kelsea Raleigh para assumir o trono como rainha. O livro é uma mistura de fantasia medieval com distopia, pois por meio da narrativa de vários personagens vemos que Tearling surgiu depois de uma tragédia que aconteceu com o mundo, e que os americanos e britânicos colocaram tudo o que seu povo tinha de mais importante em navios e saíram em busca de um novo lugar para se estabelecer. Depois de perderem muitos navios com tecnologia e conhecimento num naufrágio, eles chegam em terra firme e o povo precisa começar do zero, instaurando uma monarquia.

Logo no início do livro podemos ver a guarda da rainha indo até o pequeno chalé para buscar Kelsea para assumir suas responsabilidades como rainha, pois a personagem acaba de completar dezenove anos, idade suficiente para ser coroada. Ainda bebê, a protagonista foi levada para uma cabana isolada e longe do reino, pois sua mãe Elyssa estava morrendo e ela queria protegê-la de ser morta.

Somente dois membros da guarda da Rainha sabiam aonde a menina estava escondida e por isso quando surge o momento de busca-la, somente alguns guardas vão até o local. Entre os guardas está o capitão Carroll, que está na guarda desde a época da rainha Elyssa, mas ainda assim pede uma prova para Kelsea, obrigando a moça a lhe mostrar a marca no braço e um colar de safira. Depois de se despedir de seus tutores, Carlin e Barty, ela segue viagem de volta para a fortaleza e aí que começa a sua verdadeira jornada.


Durante sua escolta de volta para Tearling, Kelsea tenta tirar o máximo de informações possível dos guardas, principalmente sobre sua mãe, sobre quem que ela sabe tão pouco. Com o mínimo de conhecimento que ela tem e mais um pouco de respostas que ela consegue, a protagonista começa a montar o quebra-cabeças da história de Tearling e de sua própria vida. Kelsea começa a compreender melhor o reino vizinho de Mortmesne e sua rainha, que é temida por todos e é chamada de Rainha Vermelha e que juntamente com o seu tio, querem a protagonista morta. 

A autora soube construir muito bem o enredo e fez dos personagens o ponto central desse primeiro livro. Adorei as atitudes de Kelsea e seu jeito, pois apesar de ser jovem, ela sabe o que quer e tenta colocar em prática tudo aquilo que lhe foi ensinado. Afinal de contas, ela cresceu sabendo que teria que governar um reino um dia. Apesar de Kelsea ter entrado para minha lista de top 5 de heroínas, meu personagem favorito do livro é o Lazarus, um dos guardas mais antigos e que presenciou o reinado da mãe da protagonista. O personagem é cheio de mistério, violento e apesar disso, acaba sendo o braço direito de Kelsea. Tenho quase certeza que no segundo livro conheceremos mais da história dele e tomara que seja o que estou pensando. Além dele, temos o assassino Fetch que gostei bastante e tenho a sensação que ele não é um simples assassino.

O livro no todo está magnífico, cheio de ação e suspense. A escrita da autora é maravilhosa e deixa a gente preso da primeira página até a última. Um ponto alto na história é que a autora não cria um típico romance que existe em muitos livros de literatura juvenil. A personagem principal até tem um leve interesse por uma pessoa, mas ela sabe que não é momento e deixa isso de lado para ser uma rainha que o povo merece. Quando terminei minha leitura fiquei radiante, pois o livro foi muito além das expectativas e olha que eu estava muito ansiosa e com expectativas altas, pois Emma Watson chegou a postar sobre A Rainha de Tearling na sua rede social e falar maravilhas dele. 


Realmente o livro é excelente e dei nota máxima no Skoob! Só não o coloco ainda como meu favorito porque preciso ler o segundo. E se a continuação for tão boa ou melhor que esse, colocarei como uma das minhas séries favoritas. Aguardo ansiosamente o segundo em português e espero que a Suma de Letras o lance ainda esse ano.

FICHA TÉCNICA

Título: A Rainha de Tearling
Autora: Erika Johansen
Onde Comprar: Amazon


Ariane de Freitas
Compartilhe no Google Plus

Sobre O Que Tem Na Nossa Estante

É amante de livros, filmes, séries e adora uma boa música. Escreve para O Que Tem Na Nossa Estante.

comentário(s) pelo facebook:

10 comentários:

  1. Olá, Ariane.
    Eu devorei a sua resenha. Diferente de você eu não sabia nada sobre o livro até ele ser lançado por aqui. Mas bastou eu ver essa capa e ler a sinopse para que a vontade de ler viesse. E agora lendo sua resenha eu preciso dele. Mas como não é livro único, vou deixar para ler quando tiver todos lançados.

    Prefácio

    ResponderExcluir
  2. Oi!
    Eu nunca ouvi falar desse livro, mas para ter esse reconhecimento, ele deve ser realmente bom!
    Adorei sua postagem e me fez ficar com vontade de ler!
    Beijão, Lua.
    http://www.a-toca.com

    ResponderExcluir
  3. Olá, precisava ler sua resenha para conhecer esse livro. Já fiquei super curiosa em saber que já foi comprado os direitos de publicação e que Emma vai fazer a protagonista. A história é bem interessante e o bom de tudo que não é aquele romance clichê, já vou adicionar no skoob quem sabe na black Friday eu adquira ele.

    www.mundofantasticodoslivros.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Oi Ariane, sua linda, tudo bem?
    Eu sou louca por Harry Potter, se o responsável pela produção cinematográfica da saga do meu bruxinho preferido comprou os direitos dessa história também, é porque deve ser muito boa. Adoro distopia e essa mistura com fantasia medieval tornou a história muito mais interessante. Fiquei louca para ler. Sua resenha está ótima!!!!!!
    beijinhos.
    cila.
    http://cantinhoparaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Oi Ariane,
    Necessito ler esse livro!
    E o quanto antes já que terá adaptação.
    Acho que faz totalmente meu estilo e essa edição está maravilhosa, hein?
    Algumas distopias vem me decepcionando, sabe? Mas essa parece ter algo a mais, até porque se a Emma Watson aceitou fazer, preciso conhecer.
    Beijos
    https://estante-da-ale.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Oi Ariane! Estou esperando o meu chegar e pela resenha acho que vou gostar e muito. Fico feliz de uma nova série neste estilo ter chegado aqui. Bom final de semana!!!Bjos!! Cida
    Moonlight Books

    ResponderExcluir
  7. Oie!
    Adorei a dica e as fotos!
    Passando rapidinho pra avisar que te indiquei numa TAG. =)
    Beijos,

    Priih
    Infinitas Vidas

    ResponderExcluir
  8. Oi Ariane, tudo bom?
    Uma das adms do blog solicitou esse livro pra resenha e tô esperando a opinião final dela pra ver se me arrisco, mas tua resenha já ajudou muito a melhorar minha visão sobre a história!
    Parece o tipo de livro que entra no coração e não sai nunca mais. AMO personagem feminina badass e bem desenvolvida <3
    Ótima resenha!

    Beijos,
    Denise Flaibam.
    www.queriaestarlendo.com.br

    ResponderExcluir
  9. Oi, Ariane!
    Finalmente saiu esse livro hein? Mil anos depois hahahahhaa
    Eu li em algum lugar que seria livro único, mas pelo que vi fui enganada hahhahaa
    Não tinha muita ideia sobre o que o livro tratava, mas sua resenha deu uma boa clareada.
    Beijos
    Balaio de Babados
    Participe da promoção #Sorteio1KSeguidores

    ResponderExcluir
  10. Oi Ariane!

    Mulher haaaa eu torci tanto para que sua resenha fosse positiva e estou imensamente feliz de saber que você gostou, eu estava com pé atrás com algumas resenha que li mas mesmo assim comprei o livro, eu adoro livros sobre princesas, principalmente quando elas são um diferencial, eu soube que essa protagonista e muito diferente da maioria, estou ansiosa para assistir a Emma no papel da personagem, e obviamente ler o livro, sei que existe algumas falhas, mas não quero me abalar por isso, agora fiquei bastante curiosa.

    Beijinhos

    Resenha Atual

    ResponderExcluir