O Rastro [Resenha do filme]

Conferimos a cabine de Imprensa de O Rastro.

Durante a Comic Con 2016 me deparei com um stand de terror que nos fazia entrar em um hospital horrível, estilo casa dos horrores que tem em muitos parques de diversão. Fiquei surpresa em saber que a brincadeira era uma divulgação de um filme de terror nacional e partir daquele momento fiquei imensamente curiosa para conferir a história.

João (Rafael Cardoso) é um médico que trabalha na secretaria da saúde e que precisa desativar um antigo hospital, bem decadente. O problema é que o hospital aceitou uma recente paciente, uma garota jovem, aparentemente sem nenhuma família. João vai até o hospital conversar com o diretor que foi seu mentor e lá encontra a garota que o faz prometer que cuidará dela e a promessa passa a atormentar o médico! Isso porque no dia da transferência dos pacientes, a menina some, iniciando assim uma busca incessante do protagonista pela garota, com muito suspense e alguns sustos no meio do caminho.

Toda a investigação iniciada por João é repleta com toques de terror, toda a ambientação do hospital é bastante sombria, ambiente escuro e sonoplastia bastante alta que assusta em muitas cenas. Sem contar a caracterização da menina que some, que passa a atormentar cada vez mais o jovem médico. O transtorno de João é evidente e culmina no descobrimento de alguns fatos que causam uma imensa reviravolta no filme, que pode pegar muitos espectadores de surpresa. Particularmente, não esperava de modo algum o rumo que o longa tomou em determinado momento.


Ousado por parte do diretor causar tantas reviravoltas, mas na coletiva de impressa ele deixa claro que sua intenção era dar um toque mais brasileiro na obra e não simplesmente fazer mais um terror com cara de filme americano e neste sentido ele consegue de fato atingir seu objetivo.

O Rastro claramente é uma produção acima da média, mesmo porque não tem cara de novela do Globo. No entanto, mesmo sendo proposital por parte do diretor, o som que causa os sustos está um tanto exagerado e confesso que esperava uma resolução da trama bem diferente do que a escolhida pelo roteiro, não que seja ruim, porque é bem executado, apenas no me agradou. 

Rafael Cardoso e Leandra Leal estão excelentes em seus papéis. João é bastante perseverante e o ator conseguiu passar muito bem o tormento do personagem, bem como a Leandra Leal conseguiu passar a dor de Leila. Porém, o personagem de Claudia Abreu parecia que tinha muita coisa para ser explorado, o que infelizmente não aconteceu


O Rastro tem muitos elementos do terror clássico e é uma produção acima da média dos filmes nacionais que costumamos assistir. Com um roteiro extremamente ousado, o longa é bastante original e mescla filmes americanos com temas bem brasileiros. Não será o próximo clássico do terror, mas de modo geral é um longa que agrada, principalmente se você não for assistir esperando ver algo surpreendente.

Trailer:


FICHA TÉCNICA


Título: O Rastro
Diretor: J. C. Feyer
Data do Lançamento: 18 de maio de 2017
Imagem Filmes

Michele Lima
Compartilhe no Google Plus

Sobre O Que Tem Na Nossa Estante

É amante de livros, filmes, séries e adora uma boa música. Escreve para O Que Tem Na Nossa Estante.

comentário(s) pelo facebook:

6 comentários:

  1. Oie Mi =)

    Confesso que preciso assistir mais cinema nacional =( Ando tão por fora que nem dos lançamentos fico sabendo. O elenco de O Rastro é bom e a premissa é interessante também.


    Beijos;***
    Ane Reis | Blog My Dear Library.

    ResponderExcluir
  2. Oi Mi, tudo bem??
    COMO ASSIM EU NÃO TAVA SABENDO DESSE FILME??? hahahahahaha
    To loucaaaa pra assistir!!!
    Beijos
    www.somosvisiveiseinfinitos.com.br

    ResponderExcluir
  3. Não teria coragem de ver hahahha e eu até gosto de uns filmes brasileiros viu? Tem umas coisinhas que só no Brasil mesmo ai torna o filme único haha

    xox
    Próxima Primavera

    ResponderExcluir
  4. Oi, Mi

    Menina, ia morrer sem saber desse filme! Dei o play no trailer e achei bem interessante. Não sei se assistiria no cinema, mas vou querer dar uma conferida, pois é uma pegada bem diferente do que o cinema nacional costuma apresentar.


    Beijos
    - Tami
    http://www.meuepilogo.com

    ResponderExcluir
  5. Oii
    legal um filme de terror nacional, mas nem vou conferir porque não assisto filmes desse gênero, mas que bom que curtiu. Rafael Cardoso e Leandra Leal são ótimos atores.

    momentocrivelli.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  6. Oi, Mi!
    Tai.. acho que nunca vi um filme de terror BR.. Será que esse será o primeiro? Veremos ahahhahahaha
    Beijos
    Balaio de Babados
    Sorteio Dois Anos de Família Hallinson

    ResponderExcluir