Desintegrados [Resenha Literária]


Umas das coisas mais comuns na literatura são aos problemas com as continuações. Talvez porque o primeiro livro gera tanta empolgação que a gente acaba se decepcionando com o segundo. Decepção não é a palavra que define bem Desintegrados, mas fiquei com a aquela sensação de que Neal Shusterman estava mais brilhante em Fragmentados. Ainda assim torço para chegar logo o terceiro da série e descobrir o que será dos protagonistas!

Neste segundo livro temos os desdobramentos das cenas finais do primeiro. Connor agora lidera o Cemitério repleto de adolescentes que fugiram da fragmentação, Risa está com ele e Lev descobre uma associação que o trata como Santo Padroeiro, já que ele era um dízimo e virou um batedor (pessoas que explodem, embora isso não tenha acontecido com o personagem). 

Connor precisa lidar com os todos os problemas de um grande líder, muitos confusões para resolver e a vontade de não decepcionar ninguém. Isso o acaba afastando de Risa, o que só piora quando a moça vai levar um adolescente ao hospital e é pega. Chantageada por algo que não sabemos a não ser no final do livro, Risa ajuda uma corporação que visa passar a imagem da Fragmentação como algo positivo. E assim, novos mistérios foram lançados na história, o que me agradou bastante.


O que não me agradou muito foram os novos personagens. Starkey é simplesmente um substituto para Rolland, só que mais manipulador e ocupa o lugar de rival de Connor e eu esperava mais disso. Miracolina é quase um novo Lev, mesmo pensamentos e situações semelhantes, somente Cam que é bem diferente, já que é uma pessoa criada da fragmentação de outras, um novo Frankenstein, apaixonado por Risa. E confesso que não saberia lidar com uma pessoa que é criada com parte de outras.

Durante a leitura eu fique com a sensação de que o autor deveria ter trabalhado mais os antigos personagens, já que os novos não apresentaram grandes transformações no enredo e isso deixou a leitura um pouco mais lenta. Por outro lado, as cenas finais foram novamente de tirar o fôlego e me peguei devorando as últimas páginas com toda a ação que envolve a trama. No final das contas, parece que Starkey, Miracolina e Cam terão papéis mais importantes no terceiro livro, bem mais do que neste. Já Risa continua sendo uma as minhas personagens preferidas, mas acho que Lev neste livro me conquistou de vez. Pena que Connor parece ter sido deixando de escanteio na trama.


De todas as formas, o universo criado por Neal Shusterman continua me deixando curiosa, com muitas perguntas para serem respondidas, muitos mistérios para serem solucionados e terminei o segundo livro com muitas perguntas na cabeça e quero respostas, todas de preferência.

FICHA TÉCNICA

Título: Desintegrados
Autor: Neal Shusterman
Onde Comprar: Amazon

Michele Lima
Compartilhe no Google Plus

Sobre O Que Tem Na Nossa Estante

É amante de livros, filmes, séries e adora uma boa música. Escreve para O Que Tem Na Nossa Estante.

comentário(s) pelo facebook:

8 comentários:

  1. Oi, Mi!
    Nossa, que bad que o livro te decepcionou :(
    Odeio quando o livro termina e eu tenho mais perguntas do que respostas.
    Beijos
    Balaio de Babados
    Concorra ao livro Depois do Fim autografado

    ResponderExcluir
  2. Eu não li o livro anterior, mas eu acho o universo criado por esse autor muito interessante e por isso, eu tenho vontade de acompanhar essa história sim.
    Mil Beijos!
    http://pensamentosdeumageminiana.blogspot.com.br/2017/08/cinema-agosto-2017.html

    ResponderExcluir
  3. Oi Mi!
    Ainda não tive a oportunidade de ler, mas estou com o livro aqui desde o lançamento e mega curioso. Eu imaginei que pudesse ser uma leitura mais lenta, porque pra mim o primeiro não precisava de continuação. Mas vamos esperar para vê no que dá.

    Abraços
    David
    https://territoriogeeknerd.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Oi Michelle,
    Uma pena que Desintegrados não manteve o mesmo nível do livro anterior, espero que o próximo seja melhor e que todas as questões levantadas sejam respondidas.

    *bye*
    Marla Almeida
    http://loucaporromances.blogspot.com.br/














    ResponderExcluir
  5. Oi Mi,

    Uma pena o segundo livro não ser tão cativante quanto o primeiro.
    Tenho interesse em conhecer a obra.
    Bjs
    http://diarioelivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Oi Mi,
    Que pena que não achou este segundo livro cativante como o primeiro. Confesso que ainda não conhecia essa série!
    Blog Entrelinhas

    ResponderExcluir
  7. Olá, tudo bem? O primeiro livro costuma ser melhor mesmo, hehe. É uma pena que esse não seja tão bom, mas ainda assim quero muuuito ler essa série!

    Beijos,
    Duas Livreiras

    ResponderExcluir
  8. OOi Mi, tudo bom ?
    Ainda não li o primeiro livro e nem o segundo, mas concordo com você em relação a continuação de livros.
    A resenha ficou muito boa, não é o gênero que eu gosto, mas quem sabe um dia eu dê uma chance ^^.
    Beijos boa semana
    http://bellapagina.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir