Emoji - O Filme

Conferimos a cabine de imprensa de Emoji - O Filme

Uma das primeiras coisas que pensei quando soube que iriam fazer um filme sobre emojis foi que tipo de história seria contada! E os roteiristas Eric Siegel, Mike White e o diretor Tony Leondis optaram pelo já tradicional tema “seja você mesmo”, em que no final das contas há sempre uma lição de moral a ser apresentada.

Alex é um adolescente que tem bastante dificuldade em se comunicar com a garota que está a fim, inclusive virtualmente. Tentando entrar em contato com a menina, o rapaz usa os famosos emojis, mas uma carinha diferente aparece na mensagem e com isso o seu celular começa a mostrar um comportamento bem estranho, o que leva a Alex a ir numa assistência técnica para repará-lo. Assim, tudo no aparelho será perdido, para o desespero dos emojis que vivem nele!


Textopolis é a cidade onde os Emojis vivem e trabalham. Cada um tem sua função, mas Gene que deveria substituir o pai na emoção Meh, simplesmente surta na hora! Na verdade, o protagonista consegue fazer várias expressões ao contrário dos outros e por isso é considerado um bug no sistema! Smiler, a emoji Sorriso (psicótico) resolve acionar o antivírus e tenta resolver toda a situação antes que Alex delete tudo no celular! No entanto, Gene está determinado a ser um emoji normal e embarca numa aventura dentro do celular com uma Hacker e o emoji High Five.

O filme inteiro é uma referência a tecnologia, temos vários aplicativos famosos como YouTube, Instagram, Twitter, o que provavelmente deixa o espectador bem familiarizado com a trama. No entanto, o roteiro peca em demorar nas apresentações dos personagens, numa lista infindável de emojis e infelizmente algumas piadas não funcionam. Sem contar o High-Five que deveria ser o mais carismático e se torna o mais sem graça da história. Por outro lado, é bom que se diga que o filme não é exatamente um emoji cocô como boa parte da crítica está dizendo. O roteiro tem sacadas inteligentes como a verdadeira identidade da emoji Hacker que acompanha o protagonista Gene, a vilã que mais parece uma psicopata com seu sorriso forçado e toda a parte hierárquica que acompanha a sociedade dos emojis que mostra uma mensagem bem positiva para o público infantil sobre valorizar a si mesmo.


O longa acaba não encontrando bem o público destinado, por vezes parece ser mais infantil, outras vezes mais adolescente e é possível identificar também referências mais adultas, mas nada disso de fato me incomodou a não ser algumas piadas que me pareceram forçadas. O roteiro é previsível, os personagens são bem rasos, mas talvez pelo fato das expectativas não estarem muito altas, até que acabei gostando do casal protagonista e da mensagem sobre a quebra de estereótipos, principalmente em relação ao feminismo.

No final das contas, Emoji - o filme não é um  longa considerado um primor, mas também não me pareceu deplorável. É uma animação mediana, com momentos mais fracos e outros mais interessantes.

PS: Antes do filme foi exibido um curta-metragem de Hotel Transilvânia chamado Puppy que simplesmente foi sensacional!

Trailer:


FICHA TÉCNICA

Título: Emoji - O filme
Título Original: The Emoji Movie
Diretor: Tony Leondis
Data de lançamento no Brasil: 31 de Agosto de 2017

Michele Lima
Compartilhe no Google Plus

Sobre O Que Tem Na Nossa Estante

É amante de livros, filmes, séries e adora uma boa música. Escreve para O Que Tem Na Nossa Estante.

comentário(s) pelo facebook:

14 comentários:

  1. Oi Mi
    N sabia desse filme, achei interessante
    Depois qd tiver nos Telecines da vida, eu assisto
    hehehehehee

    Bjooos
    muitospedacinhosdemim.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. Eu assistiria esse filme sim, acho a proposta bem criativa e o filme parece ser bem fofo, é um tipo de filme que sempre deixa o nosso dia mais leve e rende algumas risadas.
    Mil Beijos!
    http://pensamentosdeumageminiana.blogspot.com.br/2017/08/cinema-setembro-2017.html

    ResponderExcluir
  3. Oi, Mi!
    Como a Gabriela falou ali em cima, achei super criativa também a proposta do filme, mas não seria minha primeira escolha no cinema.
    Beijos
    Balaio de Babados
    Concorra ao livro Depois do Fim autografado
    Participe do sorteio de aniversário do Balaio de Babados e O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir
  4. Oi Michele,
    A proposta do filme me pareceu divertida e de certa forma criativa, então no futuro quero conferi-lo.

    *bye*
    Marla Almeida
    http://loucaporromances.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Olá!
    Achei a ideia do filme super diferente e divertida, mas também fiquei imaginando como seria um filme com esse tema.. não sei se assistiria, na verdade.
    Beijos,
    Meise Renata.
    viciadas-em-livros.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  6. Ola MI
    Ainda não tinha ouvido falar , mas teve uma premissa legal.
    Eu não gosto muito dessas produções que tem muitos personagens e querem ficar apresentando a maioria .A historia fica confusa e não se aproveita quase nada 😕

    Mas parece que da para dar boas risadas com ele

    Beijos
    Meu mundinho quase perfeito

    ResponderExcluir
  7. Oi Mi!
    Meu filho está doido pra assistir... já me pediu pra levá-lo nesse fim de semana... rsrs
    Vamos ver o que vou achar.
    bjs

    Amor Por Livros
    http://amo-os-livros.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  8. Olá, Michele.
    Eu fiquei sabendo desse filme quando vi que você colocou no face que tava assistindo ele hehe. Mas não é muito do meu interesse não. Acho que se for assistir acabo dormindo hehe.

    Prefácio

    ResponderExcluir
  9. Oi
    que bom que pelo menos achou alguma coisa interessante no filme e apesar de adorar animação esse não chamou tanta a minha atenção, até por isso nem pretendo assistir. Mas a resenha foi muito boa para entender os filme além do trailer.

    momentocrivelli.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  10. Ouvi falar bastante dele e a comparação com o emoji cocô, por isso não estava muito animada pra assistir... depois de ler a resenha e conhecer mais a história ele até parece ter um pouco de potencial, acho que vou dar uma chance x)

    Beijinhos
    tipsnconfessions.blogspot.com

    ResponderExcluir
  11. Olha...gente esse povo é muito criativo. Parece um filme bem legal ,mas é bom nao esperar grandes coisas. Apenas algo para se divertir e passar o tempo.
    Beijos,
    Monólogo de Julieta

    ResponderExcluir
  12. Oi, Mi! Tudo bem? Mas gente, o diretor do filme é meu xará! Amanhã vou ver esse filme. Para comemorar o aniversário de 9 anos do meu primo. Vou sem grandes expectativas, para ver se curto. Adorei o post! <3

    Abraço

    http://tonylucasblog.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir