DarkSide® Books: O Último Adeus


** Resenha sem Spoilers, maioria dos detalhes contados já tem na sinopse**

Eu não sabia o que esperar desse livro, principalmente por saber que não estava em uma fase alegre da minha vida, mas senti tanta satisfação ao lê-lo, que quando virei a última página, deixei escorrer algumas lágrimas no meio de um ônibus lotado. Cynthia Hand escreve com delicadeza e principalmente com a sutileza para poder falar de um assunto tão frágil que é o suicídio e a recuperação das pessoas amadas que perderam a pessoa, basicamente é sobre os sentimentos que vem depois da morte.

A narrativa do livro é em primeira pessoa, por Lex, a irmã mais velha do garoto falecido. O Último Adeus fala sutilmente sobre a depressão pós-perda e logo o livro se inicia com Lex sendo aconselhada por seu psicólogo a começar um diário para por seus sentimentos para fora. Durante suas narrativas, temos capítulos que são seu diário que contam dias específicos e o que ela sentiu. Nós acompanhamos Lex e seu dia a dia que é mudado devido ao recente acontecimento, ela nós mostra e diz como as coisas eram e como estão, junto de seus pesares por ver todos continuando suas vidas menos ela e sua mãe. Lex tenta ser forte pela mãe e a gente começa a perceber como isso a afeta junto de uma perda que cortou seu coração e sua vontade de viver.


Lex, basicamente se pergunta do começo ao fim do livro o que é ser feliz. Ela não lembra o que é felicidade desde a data horrível que a marcara e é tanta delicadeza a forma da Cynthia descrever esses sentimentos e acontecimentos que não tem como você não se sentir na pele de Lex. O que seria sentir toda essa dor e agir no lugar dela? E a saudade é tanta que começamos a ver coisas.

O desenvolvimento da história segue seu ritmo de forma coesa e sem pressa, começamos a sentir a evolução da Lex e sua aceitação perante tudo isso, junto de seus sentimentos de tentar compreender tudo que aconteceu e ainda tomar decisões em sua vida em um momento de pesar. Os personagens que surgem durante os dias de Lex são pilares para história e para a personagem, eles não são soltos e sim totalmente complementares a narrativa.


Lex consegue ser uma poeta em algumas frases do livro, frases que são tão verdadeiras que a gente consegue concluir o mesmo ao lê-las.

O Último Adeus mostra para nós a batalha para sair do luto e compreender que sua vida não acabou e que você pode ser feliz sim, mas apenas quando você puder se permitir a isso. 

FICHA TÉCNICA

Título: O Último Adeus
Autor: Cynthia Hand 
Onde Comprar: Amazon


 

 Carol Espilotro

Compartilhe no Google Plus

Sobre O Que Tem Na Nossa Estante

É amante de livros, filmes, séries e adora uma boa música. Escreve para O Que Tem Na Nossa Estante.

comentário(s) pelo facebook:

8 comentários:

  1. Oi oi Carl!
    Esse livro esta na minha lista de leituras faz meses, mas sempre vou deixando para depois...
    Eu adorei a sua resenha e espero gostar do livro, tanto quanto você gostou.

    Beijoss, Enjoy Books

    ResponderExcluir
  2. Oii Tudo bom?
    Eu vi esse livro variadas vezes mas nunca tinha realmente me interessado por ele. Sabe que eu sempre gostei de temas fortes tratados em livros, mas durante os últimos tempos achei que o tema "suicídio" estava muito em voga
    Partindo da sua resenha, fiquei com vontade de ler ele porque deu para notar que a história é muito bem desenvolvido. Parabéns pela resenha
    Um beijo.

    Blog: Fantástica Ficção

    ResponderExcluir
  3. Oi Carol!
    Eu gostei muito desse livro, ele trás uma reflexão tão importante. E devo admitir que eu chorei muito durante a leitura. haha Gostei muito de conferir a evolução e aceitação da protagonista :)
    Beijos

    www.lendoeapreciando.com

    ResponderExcluir
  4. Ahhh Carol por aqui <3

    Ainda não li esse livro, mas as resenhas que leio dele no geral são bem positivas. Como a Darkside lança mais livro voltados para o gênero do terror acabo não prestando muita atenção aos títulos que eles lançam, mas fiquei curiosa com O Ultimo Adeus.

    Beijos;***
    Ane Reis | Blog My Dear Library.

    ResponderExcluir
  5. Oi Carol, tudo bom?
    Eu li uma comédia histórica da Cynthia Hand uns tempos atrás - Minha Lady Jane - não conhecia essa outra obra! Muito legal ver que a autora diversifica os gêneros e vai de divertida pra uma história mais séria.
    Tramas que lidam com o luto geralmente pegam bastante no emocional </3
    Adorei a resenha.

    Beijos,
    Denise Flaibam.
    www.queriaestarlendo.com.br

    ResponderExcluir
  6. Oi Carol,
    Comprei o livro há alguns meses, mas ainda não tive tempo de ler.
    Que bom que a autora soube tratar o assunto com sutileza.
    Imagino que deve ser um estória bem emocionante.
    Abraço,
    Alê
    Alem da Contracapa

    ResponderExcluir
  7. Ai, que resenha maravilhosa! Dá para perceber que esse livro tocou você de tal forma que simplesmente despertou em mim a vontade de conhecer o livro! Obrigada pela indicação <3

    ResponderExcluir
  8. Já vi algumas resenhas sobre esse livro e confesso que tenho muita vontade de ler.. ❤

    www.kailagarcia.com

    ResponderExcluir