Doentes de amor [Resenha do Filme]

Conferimos a Cabine de Imprensa do filme Doentes de amor.

Um pouco difícil classificar Doentes de amor, parece uma comédia romântica, mas tem uma pitada boa de drama que somado ao fato de ser baseado na história real do ator protagonista, acaba dando um contorno mais realista a essa trama que me agradou bastante.

O longa conta a história do paquistanês aspirante a comediante Kumail (Kumail Nanjiani), que durante um dos seus shows de Stand-up conhece a estudante Emily (Zoe Kazan). Depois da primeira noite os dois tentam se afastar, mas é inevitável a paixão que sentem e acabam entrando em um forte relacionamento. O único grande problema é que por conta de sua religião e cultura, Kumail precisa de uma casamento arranjado pela família, com alguém que compartilhe das mesmas crenças que eles. Quando Emily descobre a caixinha com as fotos de todas as pretendentes do namorado, o relacionamento acaba.


Kumail segue sua vida visivelmente menos feliz, até que descobre que Emily está doente e o que parecia uma simples infecção acaba deixando a ex-namorada em coma, o que coloca os pais da personagem em cena, Beth e Terry (Holly Hunter e Ray Romano). Á medida que Emily parece ficar cada vez pior vamos acompanhando Kumail refletindo sobre sua vida, sua família e ponderando o que é mais importante para ele. Ao mesmo tempo temos o incrível relacionamento do protagonista com a família da ex, que começa amargo e distante e acaba se tornando um dos pontos centrais da trama.

Doentes de amor acabou me surpreendendo porque no início o relacionamento de Kumail e Emily é bem leve, gostoso e gera uma enorme empatia no espectador e a química do casal é enorme. Cenas engraçadíssima de relacionamentos amorosos são mostradas no longa, o que o deixa divertido. E mesmo a parte mais dramática da trama é pautada por piadas inteligentes, os pais de Emily dão um show à parte e a família de Kumail também.


A questão das diferenças culturais é um tema forte e temos todo um núcleo familiar de Kumail para sustentar as crenças muçulmanas. Inclusive seu irmão, que apesar de ter um casamento arranjado vive muito feliz com sua esposa. Kumail é um personagem rico, com várias camadas, ao mesmo tempo que é engraçado e persiste nos seus sonhos como comediante, é também um filho que não quer magoar os pais e acaba mentindo para todos e até para si mesmo.

Existe toda uma tensão para saber sobre a doença de Emily, se ela resistirá ou não, mas quem conhece a biografia do comediante Nanjiani já sabe o final dessa história. Mas ainda assim é um longa que comove, diverte, com um roteiro super ágil que sabe medir bem o drama com romance.

Trailer:


FICHA TÉCNICA

Título: Doentes de amor
Título Original: The Big Sick
Diretor: Michael Showalter
Data de Lançamento no Brasil: 12 de outubro

Michele Lima
Compartilhe no Google Plus

Sobre O Que Tem Na Nossa Estante

É amante de livros, filmes, séries e adora uma boa música. Escreve para O Que Tem Na Nossa Estante.

comentário(s) pelo facebook:

3 comentários:

  1. Gostei da dica Mi. Achei a proposta bem interessante, principalmente pelo fato do filme ser baseado em fatos reais. Beijo!

    www.newsnessa.com

    ResponderExcluir
  2. Oi Mi,
    Que bom que você curtiu.
    Estou ansiosa pra assistir desde o lançamento. Amo a Zoe, uma das minhas atrizes favoritas.

    tenha uma ótima quinta.
    Nana - Canto Cultzíneo

    ResponderExcluir
  3. Não conhecia! Bom saber que não é só mais um clichê de romance. Gostei da parte do drama.

    Beijos
    http://orangelily.com.br/

    ResponderExcluir