Assassinato no expresso do oriente [Resenha do Filme]

Conferimos a Cabine de Imprensa de Assassinato no expresso do oriente.


A primeira vez que entrei em contato com a Agatha Christie foi quando tinha 13 anos e a professora de português escolheu como leitura obrigatória O caso dos dez negrinhos, agora com o título E não sobrou nenhum. Foi uma leitura impactante! Anos depois eu li Assassinato no expresso do oriente e talvez pela estrutura narrativa não tenha me impactado da mesma forma, mas achei o final sensacional, de uma enorme originalidade. Fico feliz em dizer que apesar de algumas mudanças, a adaptação do diretor e ator Kenneth Branagh até que foi bem fiel à obra.

O longa já começa com uma cena que não está no livro, mas que foi excelente para que o espectador possa conhecer melhor o detetive Hercule Poirot (Kenneth Branagh), figurinha carimbada de muitas obras de Agatha Christie. Querendo férias, mas sem conseguir, o detetive embarca de última hora no trem Expresso do Oriente, com a ajuda do amigo Bouc (Tom Bateman), responsável pela viagem. No trem, Edward Ratchett (Johnny Depp), sabendo da fama de Poirot, pede ajuda ao detetive para protegê-lo de seus inimigos, mas o protagonista se recusa a ajudar a qualquer bandido. Na noite seguinte, Ratchett é morto em seu vagão de um modo bem misterioso e a partir de então vamos conhecendo os personagens da viagem, que estão presos no trem devido a uma nevasca, todos suspeitos do crime. 


Logo a princípio descobrimos que Ratchett é na verdade Cassetti, responsável por um crime hediondo e que de alguma forma os suspeitos estão relacionados ao caso Armstrong, todos escondendo algum grande segredo que acaba confundindo as pistas. No entanto, pouco a pouco Poirot vai desvendando o que cada um esconde e encaixando os fatos, mas ainda assim, é muito difícil descobrir o assassino no final dessa história.

O livro tem partes muito lentas principalmente quando Poirot interroga os suspeitos e o mesmo acontece no filme, o que infelizmente às vezes é bem cansativo. Porém, o longa acaba colocando um pouco mais de ação na história, deixando o ritmo um pouco mais ágil que a narrativa da obra, embora seja lento em alguns momentos, com bastante diálogos entre os personagens.


A história é basicamente a mesma, o que me agradou bastante, mas foram feitas algumas modificações: Dr. Arbuthnot (Leslie Odom Jr.) é a junção de dois personagens, o médico que determina a hora da morte de Ratchett e o Coronel que parece esconder alguma relação com Miss Mary Debenham (Daisy Ridley), além da personalidade do Conde Andrenyi (Sergei Polunin) que no longa é mais agressivo, entre outros detalhes. Nada que tenha me incomodado porque tudo funciona de maneira coerente no filme. Afinal, uma adaptação não é necessariamente um cópia do original, ainda bem!


Sem dúvida o grande ponto de Assassinato no expresso do oriente é a originalidade do final que com certeza surpreende. Agatha Christie tem o dom de nos enganar e acho muito difícil alguém conseguir prever o que acontece, mas se no livro o final é mais seco e abrupto, no filme ele é mais elaborado, o que foi excelente. Nesta nova adaptação existe uma carga dramática maior em Poirot, principalmente em relação a resolução dos fatos e as partes mais lentas são deixadas de lado para um final um pouco mais tenso.

Assassinato no expresso do oriente tem uma bonita fotografia, um elenco de estrelas que se saem muito bem nas atuações, inclusive Johnny Depp. Embora Poirot de Kenneth Branagh seja um tanto caricato em alguns momentos, o ator está muito bem no papel de protagonista e faz uma boa direção do filme. Não é um longa cheio de ação, mas consegue pegar toda a essência do livro. Quem não leu nem se preocupe, o filme não é daqueles que precisa ler obra original para entender, o que acho que deveria ser com qualquer longa de qualidade.

Trailer:


FICHA TÉCNICA

Título: Assassinato no expresso do oriente
Título Original: Murder on the Orient Express
Diretor: Kenneth Branagh
Data de lançamento no Brasil: 30 de novembro de 2017


Michele Lima
Compartilhe no Google Plus

Sobre O Que Tem Na Nossa Estante

É amante de livros, filmes, séries e adora uma boa música. Escreve para O Que Tem Na Nossa Estante.

comentário(s) pelo facebook:

15 comentários:

  1. Mi, tenho tanta inveja das suas idas em premieres, hahahaha.
    Me adota? :P Hahahahaha
    Acredita que Assassinato no Expresso Oriente eu nunc ali?
    Já li outros da Agatha Christie, mas esse não.
    Apesar de adorar ler antes de assistir, acho que vai ser legal nesse caso porque eu não tenho ideia do final, que todo mundo como você fala que é incrível.
    Acho que o fato de Poirot ser caricato é proposital e bacana. E adoro o Kenneth, então tá tudo certo.
    Muitos atores incríveis e pelo pouco que vi da fotografia no trailer para lindo.
    Vou assistir essa semana ainda!

    Beijoooos

    www.casosacasoselivros.com
    www.livrosdateca.com

    ResponderExcluir
  2. Oi Mi,
    Eu adoro o trabalho do Kenneth e curti bastante essa adaptação, ainda mais por não ter se estendido tanto quanto a versão dos anos 70.

    bjs
    Nana - Canto Cultzíneo

    ResponderExcluir
  3. ai que legal! eu que sempre quis ler esse livro to DOIDA pra ver o filme, com certeza quero ir ver ainda no cinema!

    www.tofucolorido.com.br
    www.facebook.com/blogtofucolorido

    ResponderExcluir
  4. Oi!!! Que maravilha a adaptação nos agradar, eu nunca li nada da autora, mas tenho muita curiosidade, não sabia que esse filme era uma adaptação do seu livro. Vou assistir, já que sua resenha foi bem positiva e me deixou curiosa para descobrir esse final tão surpreendente. Bjos <3

    Click Literário

    ResponderExcluir
  5. A fotografia desse filme parece estar fantástica. Já estou louca para assistir :)

    http://www.vivendosentimentos.com.br

    ResponderExcluir
  6. Oi, Mi!
    Eu também tive meu primeiro contato com a autora quanto era bem mais nova. Minha mãe tinha uma coleção de capa dura bem antiga em casa e eu me aventurei por alguns deles. Não li todos, mas ainda tenho eles guardados na minha estante.
    Por isso, não preciso nem falar que eu e minha mãe estamos bem animadas para ir ao cinema conferir o filme, né? haha Espero poder assistir logo!
    Beijinhos,

    Galáxia dos Desejos

    ResponderExcluir
  7. Oieeeeeeeee Miiiiiiiii
    Esse é um dos meus livros favoritos da vida e siiiiiiiim sou fã de AC.
    li esse livro bem novinha e lembro de ter ficado absolutamente impactada com o final, simplesmente nunca poderia imaginar :D
    De lá pra cá já li outras 3 vezes e sempre me surpreendo.
    Estou louca para assistir o filme!
    Fico imensamente felizzzzzzzz que vc gostou <3
    Bjs Luli
    https://Café com Leitura na Rede

    ResponderExcluir
  8. Oi Mi, tudo bom?
    Guria, eu só assisto esse filme se alguém me disser que o personagem do Johnny Depp morre bem no começo e nunca mais aparece. Não aguento esse embuste ganhando papel de destaque em filmes grandes desse tipo.
    Queria MUITO ler o livro, apesar de não ser um dos mais elogiados da autora, parece uma trama bem gostosinha de desvendar.
    E, tirando o embuste, QUE ELENCO MARAVILHOSO DEUS ABENÇOE! Daisy minha própria filha <3

    Beijos,
    Denise Flaibam.
    www.queriaestarlendo.com.br

    ResponderExcluir
  9. Oi Mi!Meu primeiro livro da autora foi também O Caso Dos Dez Negrinhos e li aos treze como você. Eu passei a adolescência lendo as obras dela e sempre sonhei com uma adaptação nos dias atuais. Este é um dos meus livros favoritos e confesso que sempre sonhei em viajar nesse trem, vai ser um prazer assistir esse filme. Bjs!!!

    ResponderExcluir
  10. Olá Mi, tudo bem?
    Eu nunca li nada da Agatha, acredita? Estava pensando em assistir o filme e depois, talvez, ler o livro. Contudo pela sua resenha, percebo que não é necessário. Mas se eu gostar da história, pretendo ler algo sim até porque falam tão bem dela que a minha curiosidade é enorme.

    Beijos!

    http://excentricagarota.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  11. Foi o segundo livro da Agatha que eu li, e não lembro quem foi o assassino. Entou ansiosa para assistir o filme.
    Beijos

    ResponderExcluir
  12. Oii Mi, tô curiosa pra ver, já li o livro e agora quero ver a adaptação, ainda mais por saber que o final vai ser mais elaborado.
    - beijos, Carol!
    http://entrehistoriasblog.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  13. Olá, Michele.
    Como fã da autora e esse sendo o livro favorito de toda a vida, vou querer conferir. Não acho que essas coisas que mudaram façam muita diferença na história. O que importa é ver a genialidade do meu querido Poirot em ação. Quando ele deu as duas versões no final eu fiquei de cara porque esse foi um dos livros que eu não tinha ideia de quem seria o assassino. Sem falar que o morto mereceu hehe.

    Prefácio

    ResponderExcluir
  14. Oi Mi!
    Amo Agatha Christie!Apesar de não ter sido um dos meus livros preferidos da autora,o final realmente surpreende demais,nunca imaginei que a autora desse um final desses pro livro kkkkkkk
    Pelo trailer já deu pra ver que a fotografia está impecável!
    Doido pra ver!
    Beijos!

    http://livreirocultural.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir