Tudo Junto e Misturado [Resenha Literária]


Depois de terminada a leitura eu precisei de um tempo para digerir a história, precisei de tempo para reorganizar meus sentimentos, pois estavam todos juntos e misturados em uma enorme bagunça!

A princípio Tudo Junto e Misturado de Ann Brashares parece um tipo de livro que logo nas primeiras páginas o leitor passa a torcer pelos personagens, acredita que um final feliz é inevitável e sabe que vai sofrer para se despedir de todos aqueles queridos que estavam ali em todas as páginas, mas não é bem assim não, o inevitável era uma surpresa para qual eu não estava preparada. 

É bastante interessante conhecer a história de Ray e Sasha, os dois com 17 anos dividem um quarto em uma “casa grande na beira de uma lagoa que transborda para o oceano no Braço Sul de Long Island, numa cidadezinha chamada Wainscott”, (descrição do livro, página 9). Eles dividem livros, brinquedos, roupas de cama, objetos e até um emprego, mas nunca se viram. Eles não são parentes, mas têm irmãs em comum e uma curiosidade enorme sobre o outro que eles precisam administrar, pois seus pais não se suportam, eles podem ter sido casados no passado, mas esta experiência os levou a tomar uma grande distância um do outro, exceto pela casa, a única coisa que não abriram mão no divórcio. Eles dividem a casa nos verões e nos finais de semana sempre respeitando horários para que nunca uma família encontre com a outra. 

Ray e Sasha são irmãos de Emma, Quinn e Mattie. Emma está apaixonada, Quinn é a alegria da família, a que mantém as coisas mais ou menos nos eixos e Mattie é a mais diferente. As três adoram Sasha e Ray, mas nunca estão com os dois ao mesmo tempo. E assim elas vivem entre dois lares bem diferentes, mas conseguem orbitar nestes mundos com alegria e a coisa toda funciona bem desde que os pais não se encontrem!


O ódio entre Lila e Robert não é bem explicado, mas existe realmente explicação para o ódio? 

Emma está em busca da felicidade, Quinn da felicidade dos outros e Mattie está em busca da verdade. Quando Mattie conhece Jonathan Dawes ela passa a ter certeza de que algo mais aconteceu com seus pais para que eles tenham se separado e mantido esta separação com tanta restrição. Ela é diferente do pai que é indiano, acha que tem semelhanças com a mãe, mas ela quer a verdade.

A curiosidade de Ray por Sasha e dela por ele é tão grande que até eu não aguentava mais de vontade que os dois se encontrassem. Depois de anos dividindo um quarto, compartilhando pequenos detalhes da vida de cada um, os brinquedos que possuem, os livros que estão lendo, a ausência de fotos na adolescência, só aguçam a curiosidade de ambos.

Quando Emma conhece James, funcionário de seu pai e eles se apaixonam perdidamente, Mattie e Quinn resolvem dar uma festa de noivado para eles com toda a família reunida. Elas acreditam que os pais já podem permanecer no mesmo ambiente sem causar nenhum estrago, principalmente sabendo que os pais de James também vão estar na festa. O que ninguém esperava é que acontecesse o que aconteceu.

Tudo Junto e Misturado é o retrato de uma família, uma família brasileira, uma família do mundo, uma família talvez como a minha, talvez como a sua, depende do tamanho da explosão. Existem situações em que basta uma vírgula fora do lugar para explodir anos de mágoas e ressentimentos e não bastasse essa possibilidade, uma tragédia tira toda a família do lugar. Eles são obrigados a administrar a dor e talvez a melhor maneira de fazer isso seja estando todos juntos e misturados.


O livro não é apenas mais um romance fácil e de final previsível, não, é bem mais, é um desenho de relacionamentos, medos e vontades de pessoas diferentes que são da mesma família. É um desenho de uma família e algumas partes deste desenho são em preto e branco apenas. Vale a leitura, vale cada letra, vale a ansiedade pelo encontro de Ray e Sasha.

FICHA TÉCNICA

Título: Tudo Junto e Misturado
Autor: Ann Brashares
Onde Comprar: Amazon


Marise Ferreira
Compartilhe no Google Plus

Sobre O Que Tem Na Nossa Estante

É amante de livros, filmes, séries e adora uma boa música. Escreve para O Que Tem Na Nossa Estante.

comentário(s) pelo facebook:

7 comentários:

  1. Oiiiii Marise!
    Gostei da sua descrição do livro, voum inclui-lo na minha lista. Gosto quando o romance foge do padrão.
    Beijos
    Ari

    ResponderExcluir
  2. Oi, Marise!
    Achei a capa desse livro muito fofa <3 Apesar da história não ser tããão fofa assim.
    Beijos
    Balaio de Babados
    Participe das promoções em andamento e ganhe prêmios maravilhosos

    ResponderExcluir
  3. Oi Marise,

    Para ser um livro bem intenso e cheio de ensinamentos.
    Gostei de conhecer mais da história.
    Bjs
    http://diarioelivros.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  4. Oie Marise =)

    Estou com esse livro para ler em casa, mas ontem menos passei outro na frente dele rs...
    Nunca li nada da autora e a sua é a primeira resenha que leio desse livro em questão. Gostei dos pontos que você citou mesmo eles revelando uma história um pouco diferente daquilo que eu imaginava. Acho melhor começar a leitura sem muitas expectativas.

    Beijos;***
    Ane Reis | Blog My Dear Library.

    ResponderExcluir
  5. o livro parece ser uma graça, gostei mt dessa indicação!

    www.tofucolorido.com.br
    www.facebook.com/blogtofucolorido

    ResponderExcluir
  6. Oie
    Mais uma vez eu fui enganada pela capa, esperava por um outro enredo, ainda sim fiquei curiosa pela trama.

    Beijinhos
    https://diariodeincentivoaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Oi querida!
    Adorei a resenha, e já estava com vontade de ler esse livro pois eu li a sinopse na amazon, em pré-venda. Espero gostar da leitura tanto quanto você gostou.

    Beijoss, Enjoy Books

    ResponderExcluir