Viva - A vida é uma festa [Resenha do Filme]

Conferimos a cabine de imprensa de Viva - a vida é uma festa.

Sou apaixonada pela cultura mexicana e meus olhos brilharam quando vi o trailer Viva - A vida é uma festa, o novo filme da Disney/Pixar! E que filme lindo, não só visualmente, mas a história resgata importantes valores familiares e a importância de se lembrar daqueles que um dia nos deixa. 

Pra quem não sabe “El día de los muertos” é um feriado bastante importante no México. De origem indígena, eles festejam o dia acreditando que os mortos visitam seus parentes e fazem as comidas preferidas dos entes queridos, com festa, música, caveirinhas de açúcar e usam as flores para fazer o caminho para os mortos. É neste ambiente que se passa a história de Miguel (Anthony Gonzalez), um garoto de 12 anos que quer muito ser um músico famoso, mas sua família o proíbe. No passado, seu tataravô abandonou a família por causa da música, fazendo com que todas as gerações futuras a evitassem a qualquer custo. 


No entanto, Miguel é um menino teimoso e tenta participar do concurso musical de sua cidade, contra a vontade de sua família e para isso até rouba o violão do cantor mais famoso do lugar, o falecido Ernesto de la Cruz (Benjamin Bratt), bem no dia dos mortos. O roubo tem uma espécie de encantamento que faz com que o protagonista consiga ver quem já morreu, mas fica invisível para os vivos. Para voltar ao normal, Miguel embarca numa aventura pelo mundo dos mortos, juntamente com o cachorro Dante e o simpático Hector (Gael García Bernal) que nunca consegue ir para o mundo dos vivos no feriado porque ninguém coloca a foto dele nas oferendas. Algo bem triste! Temendo ser esquecido e sumir para sempre, Hector promete ajudar Miguel a ter a benção do seu falecido avô e assim voltar ao mundo dos vivos, desde que depois coloque sua foto em uma oferenda. Tudo que o personagem mais quer é conseguir atravessar a ponte no feriado e ver sua filha. 

O roteiro da animação pode parecer previsível e de fato até é em alguns momentos, mas teve duas reviravoltas bem interessantes, o que deixou o longa nada óbvio. E além das surpresas guardadas nessa história, é tudo muito encantador e melancólico. O filme é divertido, mas tem um tom triste também, adequado para algo relacionado ao tema morte. É engraçado e ao mesmo tempo respeitoso. Quem já perdeu alguém com certeza vai se emocionar em alguns momentos, já que a saudade é o que fica para nós vivos e a animação sabe tratar muito bem o assunto.


As cores são fortes, vibrantes e a cidade dos mortos é incrível. A trilha sonora foi um dos pontos positivos, mesmo pra mim que não gosto da parte musical nas animações. Os personagens são cativantes e o longa tem boas cenas de ação. Não é um filme para nos trazer respostas sobre o outro lado que, aliás, se parece bastante com o nosso, mas é uma animação para nos fazer refletir sobre a morte em muitos aspectos.

E vale destacar que o longa aborda a cultura mexicana com apreço e a gentileza necessária a uma festa considerada uma Obra Mestra do Patrimônio Oral e Intangível da Humanidade pela UNESCO.


Viva - a Vida é uma festa é um filme sobre perdas e também uma celebração à vida, tem uma carga emocional forte, embora mescle muito bem com cenas engraçadas, deixando a animação com a leveza apropriada para ser um filme para todas as idades.

Trailer:


FICHA TÉCNICA

Título: Viva - A vida é uma festa
Título Original: Coco
Direção: Lee Unkrich, Adrian Molina
Data de Lançamento: 04 de janeiro de 2017

Michele Lima
Compartilhe no Google Plus

Sobre O Que Tem Na Nossa Estante

É amante de livros, filmes, séries e adora uma boa música. Escreve para O Que Tem Na Nossa Estante.

comentário(s) pelo facebook:

17 comentários:

  1. ah eu ja vi esse filme, é uma fofura demais! eu adorei esse tema mexicano, do dia dos mortos etc, tema mt bem abordado

    www.tofucolorido.com.br
    www.facebook.com/blogtofucolorido

    ResponderExcluir
  2. Oi, Mi!
    Se tem dublagem do Gael Garcia Bernal, já me ganhou. Ainda mais sendo animação.
    Beijos
    Balaio de Babados
    Participe do Natal Literário e ganhe prêmios maravilhosos

    ResponderExcluir
  3. Oi Mi
    acho que vou chorar hehehe
    aconteceu isso em 'A noiva cadáver'
    perdi meus pais há alguns anos e tds as vezes q vejo filme em que os personagens conseguem contato com os entes queridos, eu sempre choro
    Imaginando como seria se eu tivesse essa experiência.
    Mas n qro deixar de conferir...

    Bjooos
    muitospedacinhosdemim.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  4. A Disney está fazendo muita divulgação desse filme porque vejo trailer e partes por todo lugar.. parece ser bem colorido o bonito.. e como amo animação, já quero assistir :)

    www.vivendosentimentos.com.br

    ResponderExcluir
  5. Quero muito assistir esse filme, e depois de ler o post ainda com mais vontade fiquei :D
    Beijinhos
    http://universodamarta.blogspot.pt

    ResponderExcluir
  6. Oi Michele!
    Eu quero muito assistir esse filme porque adoro Disney. Vamos ver se ele vai superar The Book of Life...

    Beijos,
    Sora | Meu Jardim de Livros

    ResponderExcluir
  7. Oi!! Apesar de não curte a ideia do feriado, as imagens estão lindas e a busca pelo sonho de ser músico é bem bonita. Gosto muito de animação e assistiria essa. Bjos <3

    Click Literário

    ResponderExcluir
  8. Oi, Mi

    Eu não curto muito animações, pelo menos não mais, mas curti essa pegada mais pelo lado da emoção.
    Também sou a louca da cultura mexicana... y soy rebelde! hahahahahah

    Beijos
    - Tami
    http://www.meuepilogo.com

    ResponderExcluir
  9. Quero muito assistir, adoro animação.
    Aqui lançou ontem, em 3D. Vou conferir, é claro.
    Ontem vi Extraordinário e amei. Super recomendo.


    Abraços,
    Naty
    http://www.revelandosentimentos.com.br

    ResponderExcluir
  10. Oiii, Miii! Tudo bem?

    Ahh que divertido!
    Essa semana vi o trailer com a minha mamis e ela ficou louquinha para assistir, já combinamos que antes deu voltar a trabalhar iremos ao cinema!

    Beijuu,
    Keth ♥

    Blog: www.parbataibooks.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  11. Eu tinha ouvido falar do filme, mas não tinha nem assistido o trailer.

    Amo animações e acho que essa é mais uma para amar. Gostei de saber que mesmo sendo divertido, o filme consegue mesclar com a saudade e o tom de tristeza.

    Este filme eu com certeza irei assistir.
    Magia é Sonhar

    ResponderExcluir
  12. Olá, Michele.
    Apesar de não curtir muito animações, eu quero assistir esse filme. Eu fiquei sabendo dele quando estava respondendo pesquisas algum tempo atras e assim que vi os personagens me interessei. Vou assistir com certeza.

    Prefácio

    ResponderExcluir
  13. Amo filmes de animação e tenho certeza que vou amar esse <3

    Toca da Lebre

    ResponderExcluir
  14. Michele, esse filme deve ser fofo demais! Eu sou apaixonada por animações e claaaro, quero muito assistir a esse filme!

    Beijo!
    Cores do Vício

    ResponderExcluir