Confesse [Resenha Literária]


Confesse foi um livro que me fez suspirar do início ao fim de tão amorzinho que ele é. Colleen Hoover mais uma vez trouxe uma história com protagonistas fortes e sinceros e com ele a autora mostrou porque vive nos primeiros lugares da lista do New York Times

Logo no início a autora mexeu com os meus sentimentos e me apresentou uma das cenas mais tristes do livro. Auburn Reed é uma jovem de 15 anos, que acaba indo parar no hospital para se despedir do seu namorado Adam, pois ele está morrendo. Como ela vive em outra cidade e menor de idade, ela não pode ficar mais tempo com ele. A despedida dos dois é uma coisa muito emocionante.

Após a morte de Adam, a história dá um salto de alguns anos e mostra uma Auburn mais madura emocionalmente e de volta a Dallas, a cidade onde Adam morreu. Na luta para reconstruir sua vida e alcançar os seus objetivos, ela precisa arranjar mais de um trabalho, por isso quando ela se depara com uma vaga de emprego num estúdio de arte chamado Confesse, ela resolve aceitar por mais estranho que seja.


Owen Gentry é um personagem que me conquistou logo de cara, ele é fofo, humorado e um pintor apaixonado pelo o seu trabalho. Owen faz pinturas inspiradas nas confissões de anônimos, que são deixadas debaixo de sua porta. 

O livro tem o ponto de vista alternado entre os protagonistas, portanto desde do início podemos ver a química do casal e a intensa atração que rola entre eles. Por causa dessa química, Auburn se vê pela primeira vez em anos, com vontade de arriscar e deixar o seu coração falar mais alto. Porém, existe um segredo do passado de Owen que pode atrapalhar esse relacionamento.


O que eu mais achei legal no livro todo foi saber que as confissões que aparecem nele são confissões reais. Isso mesmo! A autora recebe milhares de cartas de leitores contendo cada confissão. Separei algumas que me deixaram de queixo caído.
Todos os dias me sinto grata por meu marido e seu irmão serem idênticos. Assim é menos provável que meu marido descubra que nosso filho não é dele. (página 20)
Nunca deixo ninguém me ver sem maquiagem. Meu maior medo é como vai ser minha aparência no meu funeral. Tenho quase certeza de que serei cremada, porque minhas inseguranças são tão arraigadas que vão me seguir até o além. Obrigada por isso, mãe. página 32
Meu pai faz sexo comigo desde que tenho 8 anos. Hoje estou com 33, sou casada tenho meus filhos, mas ainda sinto medo demais para dizer não a ele. (página 73)

Essas são apenas algumas das muitas confissões que Colleen colocou na sua história. Ao lê-las, fiquei imaginando como fica a cabeça da autora ao receber essas mensagens. Não é à toa que ela fez um livro com esse nome.

Confesse é maravilhoso! Realmente gostei muito, porém faltou algo que me fizesse amá-lo. Não sei bem dizer o que é, talvez seja porque esperava mais drama, já que os livros que li da Colleen Hoover foram mais intenso que esse e eu estava esperando uma história bem dramática. No entanto, nem por isso a leitura foi ruim, muito pelo contrário, foi mais que prazerosa!

FICHA TÉCNICA

Título: Confesse
Autora: Colleen Hoover
Onde Comprar: Amazon

Ariane de Freitas
Compartilhe no Google Plus

Sobre O Que Tem Na Nossa Estante

É amante de livros, filmes, séries e adora uma boa música. Escreve para O Que Tem Na Nossa Estante.

comentário(s) pelo facebook:

15 comentários:

  1. Oi, Ariane. Fiquei meio chocada com as confissões, não sei se tenho mais medo da primeira ou da terceira. Fico pensando que tipo de pessoas estão por trás delas, é tão estranho e tão triste.
    Eu já vi muitas críticas desse livro, nem sempre boas, mas como eu adoro os livros da CoHo, acho que vou gostar.
    Beijos
    http://www.suddenlythings.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Miriã😊
      Também fiquei chocada com essas confissões. Tive o mesmo pensamento que você.
      Eu adoreiiii o livro, faltou alguma coisa a mais para ama-lo. Colleen Hoover é show 😍.
      Beijos
      Ari

      Excluir
  2. Oi Ariane, tudo bom?
    Vou dar mais uma chance pra Colleen e separei alguns dos títulos mais elogiados dela pra isso. Muita gente fala bem desse Confesse, então tô animada pra conferir a história.
    Fico muito feliz por saber que os personagens e os dramas são críveis; em tramas assim, é o que deixa tudo mais mágico.

    Beijos,
    Denise Flaibam.
    www.queriaestarlendo.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oiii Denise 😊
      Estou bem apesar dos pesares. Leia Novembro 9 ou Lado feio do amor. Mais eu amei mais Novembro 9. É o meu favorito da Colleen Hoover até agora.
      Beijos
      Ari

      Excluir
  3. Olá Ariane, olha eu demorei uns 40 minutos lendo sua resenha, porque eu li o começo e mexeu tanto comigo que comecei a chorar, daí dei um pause e continuei, me desculpa mas sua resenha mexeu demais comigo, e tenho medo de ler o livro e me deixar nos chão de tanto chorar!
    Beijos <3
    https://estanteclassica.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Oi Arinane, como vai?
    Este é um dos livros que quero ler em 2018, ainda mais depois de ver alguns trailers da série. Estou esperançosa que ela chegue por aqui algum dia. Quem sabe?
    A história parece ser dramática e doce ao mesmo tempo. Tenho certeza que vou gostar.
    Bjus
    Doces Letras

    ResponderExcluir
  5. Oi, Ariane

    Infelizmente não pude ler sua resenha porque não leio resenhas dos livros da CoHo antes de lê-los, não leio nem as sinopses, gosto de mergulhar completamente no escuro nas histórias dela. Só tenho essa frescura com a CoHo mesmo, sou CoHort de carteirinha e gosto de tomar o tapa sem saber qur ele está vindo! Hahahahaha
    Mas que bom que curtiu apesar de estar esperando um pouquinho mais.


    Beijos
    - Tami
    http://www.meuepilogo.com

    ResponderExcluir
  6. Oi Ariane,
    Esse ano essa autora não me escapa.
    Gostei bastante da proposta dele e fiquei chocada com as confissões e tb o fato da autora estar sempre recebendo o.O

    até mais,
    Nana - Canto Cultzíneo

    ResponderExcluir
  7. A história parece ser bem forte.. de chocar o leitor.. tem que pegar um pouco de coragem antes de mergulhar na história eu acho..

    http://www.vivendosentimentos.com.br

    ResponderExcluir
  8. Olá, Ariane.
    Já li três livros da autora e gostei dos três. Mesmo não sendo fã do gênero. Mas não sei se leria esse. Até pode ser que eu leia se ganhar ou conseguir emprestado. Fiquei chocada aqui com as confissões. Gente, imagine a autora então?

    Prefácio

    ResponderExcluir
  9. Oi, Ariane! Tudo bem?
    Nunca li nada da Coleen, mas tenho muita vontade justamente por serem mais voltados pro drama, gênero que gosto muito: tanto em livros, quanto em filmes. Esse é um dos que está em minha lista para ser lido, no entanto, ao saber que você não o considerou tão dentro do gênero assim, acho que vou estrear a leitura dessa autora com outro título e deixar esse pra outra oportunidade!

    Beijão

    http://www.aquelaepifania.com.br

    ResponderExcluir
  10. Oii Ari, tudo bem? Tô louca pra ler esse livro da Coleen, espero muito gostar. Amei a sua resenha, parabéns.
    - Beijos, Carol!
    http://entrehistoriasblog.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  11. Oi Ari,
    Eu amo a Colleen. Eita mulher que sabe escrever, né?
    Ela sempre surpreende, nunca é o que parece.
    Adorei demais essa obra!
    Beijos
    http://estante-da-ale.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  12. Oi, Ariane! Tudo bem? Caramba, eu achei essa capa horrorosa! Eu nunca li nada da Colleen, mas tenho vontade de ler O Lado Feio do Amor. Talvez um dia eu leia! :)

    Abraço

    http://tonylucasblog.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  13. Olá Ari!
    Amo tudo que a CoHo escreve ❤️
    As histórias são sempre tão reais e fazem a gente sentir tanto!
    Beijos!

    Books & Impressions

    ResponderExcluir