Pegando Fogo [Resenha Literária]


Eu amo a série Rosemary Beach, me emocionei com as histórias contadas por Abbi Glines e acho que como todos os fãs detestei a Nan por muito tempo! Nanete sempre foi vista como uma megera, aquela que estava sempre atrapalhado alguns casais da série ou apenas destilando seu veneno e sua amargura por onde passava. Por isso, o receio em agora ler uma livro com a Nan como protagonista foi bem grande, mas Abbi Glines não decepciona para o meu alívio, pelo contrário, Pegando Fogo acabou se tornando um dos meus livros favoritos da série.

Nan só teve na vida o amor de seu irmão Rush, protagonista da trilogia Sem Limites, e ao vê-lo apaixonado por Blair, Nan bem que fez o diabo com a vida do casal e depois também foi bem perversa com a meia-irmã em A primeira chance, afinal, Harlow tinha tudo que ela queria, um pai amoroso e o amor do personagem Grant. E se pararmos um pouco para analisar a vida de Nan, vamos entender que a personagem teve um vida vazia de carinhos, uma mãe que só queria usá-la, um pai que nunca ligou para ela e homens que só a usavam como objeto sexual ou ainda por causa do seu dinheiro. A amargura de Nan nos outros livros da série é evidente, mas neste temos o outro lado da moeda e vamos acompanhar a busca da vilã por alguém que a ame de verdade.


Nan conheceu no passado um criminoso que só queria se aproximar dela para tentar vender drogas a seu pai, membro de uma banda de rock famosa, mas a protagonista conseguiu fugir da situação e segue sua vida sem ao menos se preocupar com este acontecimento. No entanto, Major, que já apareceu em outros livros da série, se aproxima de Nan para tentar pegar algumas informações dela sobre o traficante, já que o rapaz agora trabalha para uma misteriosa organização. A princípio até pensei que o romance entre os dois pudesse acontecer, uma vez que Nan está bem interessada em Major, mas depois entra em cena Cope e tudo muda.

Como Major não consegue ganhar por completo a confiança de Nan, Cope aparece para conquistar o coração da protagonista e conseguir as informações necessárias. Assim, temos um quase triângulo amoroso, digo quase porque depois de Cope o pobre Major não tem muita chance, mesmo porque apesar de gostar de Nan, o personagem não consegue ter um relacionamento com ninguém, sai com várias garotas e é extremamente egocêntrico, totalmente o oposto de Cope. No entanto, Major tenta conquistar a protagonista e até que Cope tenta ajudar, o que deixa a história bem intrigante.


No início do livro, Nan gostaria de ter um relacionamento com Major, tenta não mostrar suas inseguranças ou sua decepção com as ações frias do amigo, mas depois que conhece Cope, Nan só pensa no misterioso homem e em como ele parece de fato se importar com ela, algo que, com exceção de Rush, ninguém mais faz. Nan almeja uma vida como a de Rush e Blair e vemos que a protagonista não é tão ruim como imaginávamos. No fundo, Nan teve uma infância muito difícil e distribuiu sua raiva a todos que estavam perto dela. No final das contas, passei a torcer bastante para que a personagem conseguisse seu final feliz.

Vale lembrar que a série Rosemary Beach é composta por livros eróticos e que embora a Abbi Glines saiba trabalhar muito bem o romance e o drama, cenas hots sempre permeiam suas histórias. No caso de Nan e Cope temos até uma pitada de sadomasoquismo! Mas não temos aqui algo puramente sexual, a autora sempre nos traz enredos fortes, com dramas às vezes até intensos e no caso de Pegando Fogo, uma protagonista bem complexa.


Acompanhei a série por tanto tempo que agora que chega ao final bate uma enorme saudade de todos os personagens, mas Abbi Glines trabalhou muito bem sua protagonista nos trazendo uma história que não apaga a personalidade difícil de Nan, só nos faz aceitar quem ela é de fato. Com certeza um dos melhores livros da série! E ainda bem que a Editora Arqueiro vai publicar a série Sea Breeze, assim não me sinto tão órfã da autora!

FICHA TÉCNICA

Título: Pegando Fogo - Rosemary Beach
Autora: Abbi Glines
Onde Comprar: Amazon
Para ler as resenhas dos outros livros da autora CLIQUE AQUI

 

Michele Lima
Compartilhe no Google Plus

Sobre O Que Tem Na Nossa Estante

É amante de livros, filmes, séries e adora uma boa música. Escreve para O Que Tem Na Nossa Estante.

comentário(s) pelo facebook:

15 comentários:

  1. Oi Michele, tudo bom?
    Apesar de esse livro não fazer naaada meu estilo de leitura, parece uma trama descompromissada bacana de acompanhar. Especialmente pelo desenvolvimento dos personagens!
    Amei sua resenha.

    Beijos,
    Denise Flaibam.
    www.queriaestarlendo.com.br

    ResponderExcluir
  2. Eu lia muito esse gênero na adolescência, e hoje em dia não fazem mais meu estilo de leitura, mas as vezes dá vontade de ler, só para descontrair. Gostei da resenha!

    Beijos
    http://orangelily.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Não tem quem não goste dessa série, são histórias lindas, leves e incríveis! As capas e diagramações são impecáveis, então super amei já. sua resenha ficou ótima!

    http://www.leitorasvorazes.com.br

    ResponderExcluir
  4. Oi Mi!
    Louca para conferir esse ultimo livro da série e viver esse momento da interação da Nan com o Major.
    Adorei sua resenha e fotos.
    Que venha Sea Breeze.
    Beijos

    ResponderExcluir
  5. Oi Mi
    Eu li somente os três primeiros livros desta série, eu cansei do gênero e comecei a achar sempre a mesma coisa. Mas a escrita da autora é muito boa, quero ler outros livros dela.

    Beijinhos
    https://diariodeincentivoaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Oi, Mi!
    Menina, você foi uma das poucas que curtiu esse livro. Vi muita gente falando que o livro foi bem ruimzinho...
    Beijos
    Balaio de Babados

    ResponderExcluir
  7. Oi Michele! Tudo bom?
    Eu li um livro muito parecido com o tema, se chama série "knox" da Cassia Leo. Talvez você possa gostar.
    Beijooos!
    https://sonhoinverossimil.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Oi, Mi!
    Nunca li nada da Abbi Glines porque muita gente me diz que os enredos são só voltados para sexo, mas que bom que você disse que não são.
    Quem sabe qualquer hora dessas eu não me aventuro?
    É bom quando o autor desconstrói um personagem que tivemos uma visão fechada em outros livros e que bom que gostou da leitura.
    Também fico com esse sentimento agridoce quando termino uma série. Mas sorte que você vai ter outras em breve!

    Beijoooos

    www.casosacasoselivros.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Teca, é uma história com bastante cenas de sexo sim, a Abbi Glines escreve mesmo romance erótico, mas sempre tem tb uma boa história contada e é isso que me faz gostar bastante da autora! rs

      BJs, Mi

      Excluir
  9. Oi Michele,
    Nunca fui muito fã da personagem Nan, mas fiquei feliz em saber que a autora conseguiu desenvolver uma trama satisfatória para ela e vou querer conferir no futuro.


    *bye*
    Marla
    loucaporromances.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  10. Olá, Mi!
    Parece ser um bom livro para passar o tempo. Como não tenho preconceito com livros, eu leria esse livro para passar o tempo numa boa. Aliás, essa capa é linda, hein?

    Beijos,
    Hey, Catheli!

    ResponderExcluir
  11. Oi, Mi. A Nan me lembra a filha rebelde do Magneto, a Wanda hahuehue eu achei ela uma cobra nos livros que li, um nojo de pessoa e sempre quis saber como seria sua história. O problema é que eu não gosto da escrita da autora, então provavelmente acabarei não lendo.
    Beijos
    http://www.suddenlythings.com

    ResponderExcluir
  12. Oii Mii! Deve ser um livro incrível, preciso ler ele, preciso ler todos os livros da Abbi ❤️ haha
    Não conhecia o livro, mas a capa me é familiar. Sua resenha está maravilhosa ^-^


    Jardim de Palavras

    ResponderExcluir
  13. Eu tinha muita curiosidade de ler algo dela. Mas meu amigo me mostrou um trecho de um dos livros dela e acabei desanimando. Mas quem sabe um dia, né?!

    =)

    Suelen Mattos
    ______________
    Romantic Girl

    ResponderExcluir
  14. Oii Michele.
    Conheço a autora mas nunca li nada dela. Essa história de protagonista que já foi antagonista me lembra a Darcy de Presentes da Vida, da Emily Giffin, livro que eu amo de paixão.
    Adorei sua resenha mas ando fugindo de new adults e romances eróticos contemporâneos. hehe
    Bjss

    http://www.cafeidilico.com

    ResponderExcluir