La Casa De Papel [Resenha da série]


A Netflix trouxe pra gente muito mais do que séries, filmes, entretenimento da melhor qualidade, ela também trouxe conhecimento, trouxe novidade, trouxe o diferente. Saímos do “enlatado americano” (era assim que chamavam as séries americanas quando eu era criança) e encontramos outros idiomas, outras culturas, como em Dark produzida na Alemanha e mais recentemente com a tão badalada La Casa De Papel, produção espanhola.

La Casa de Papel é uma série alucinante, interessante que traz uma premissa diferente, toda focada no rouba da casa da moeda da Espanha. O mentor de todo o plano é o chamado Professor que planeja o roubo perfeito: entrar na casa da moeda Espanhola e fazer dinheiro, imprimir muito dinheiro. Ele escolhe o dia e a hora exata em que uma escola estará fazendo uma excursão no museu do lugar, ganhando assim mais reféns e um deles suficientemente importante para a polícia não entrar no prédio sem cautela. 


O Professor recruta pessoas que podem ajudar nas tarefas da missão e que não têm mais nada a perder e passa a dar aulas sobre o golpe preparando os ladrões por alguns meses. Uma das regras imposta pelo Professor é que o grupo não se relacione como amigos, ou mais que isso, que sequer saibam o nome um do outro, para no caso de serem pegos, não terem informações de seus colegas, assim fazem parte do grupo: 

Tóquio interpretada por Úrsula Corberó, uma atriz que atualmente faz muito sucesso na Espanha e conquista o público com seu personagem. Professor, interpretado por Álvaro Morte, segundo o ator este é um dos seus papéis preferido. Moscou (Paco Tous), responsável por um dos momentos mais delicado da série. Nairobi (Alba Flores), personagem carismático e interessante, forte e com um penteado bem estranho. Rio (Miguel Herrán), o mais bonitinho da turma, quase uma criança e extremamente inteligente, um hacker infantil. Berlim (Pedro Alonso), o chefe dos ladrões dentro da casa da moeda, o ator é impecável em sua interpretação de um personagem que não dá pra defender, mesmo que a gente tente. Oslo (Roberto Garcia), o cara é grande e com cara de mau! 


Temos também Helsinque (Darko Peric), o cara que faz o que o chefe manda, independente de estar certo ou errado. Denver (Jaime Lorente), este aprendeu a rir com uma atriz brasileira, a Nanda Costa, ou a ensinou, só pode. Arturo Román (Enrique Arce) é o Diretor da casa da moeda e o cara mais chato de todas as séries, Alison Parker (Maria Pedraza) é uma refém que dá garantia aos bandidos, Mônica Gastambide (Esther Aceboé funcionária e tem um relacionamento com o cara chato, e Raquel Murillo (Itziar Ituño) a inspetora chefe que vai negociar com o Professor durante o roubo. 

A série já exibiu todos episódios na Espanha, mas a Netflix disponibilizou para o Brasil 13 episódios que podem ser facilmente maratonados porque não tem como parar de ver. Enquanto o Professor do lado de fora comunica com a Inspetora, os bandidos do lado de dentro fazem os reféns trabalharem, inclusive na confecção do dinheiro. Eles precisam ficar presos alguns dias lá dentro pra imprimir todo a grana que precisam e isso provoca várias situações com as quais eles não contavam. Mesmo o Professor do lado de fora vive alguns imprevistos que podem fazer com que o golpe dê errado. É problema atrás de problema e de repente a gente percebe que está torcendo pelos ladrões. 


Não pense que La Casa de Papel é mais uma série modinha, pois não é, tem uma história eletrizante bem legal e assim que a Netflix disponibilizar a segunda temporada, que tem seis episódios, vai valer muito a pena ver o final da história porque é boa e muito bem contada!

Marise Ferreira
Compartilhe no Google Plus

Sobre O Que Tem Na Nossa Estante

É amante de livros, filmes, séries e adora uma boa música. Escreve para O Que Tem Na Nossa Estante.

comentário(s) pelo facebook:

15 comentários:

  1. Oi Marise!
    O pessoal do meu trabalho só fala nessa série. Eu ainda não vi, demoro muito para ver séries, mas vou tentar.

    Beijos,
    Sora | Meu Jardim de Livros

    ResponderExcluir
  2. Essa série ficou mesmo muito popular, a história é bem interessante, eu ainda não assisti por ter outras séries na minha lista.

    www.estante450.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  3. Olá!!
    Já maratonei essa série e adoreeei, ansiosa para continuar assistindo!
    Realmente, o Arturo é o mais chato de todosssss, socorro! Hahah. Toda vez que ele aparece é pra fazer alguma coisa chata.

    Beijão
    Leitora Cretina

    ResponderExcluir
  4. Oi Marise! Tudo bem?!
    Assisti essa série até a metade com o boymagia, e acredita que ele teve a audácia de assistir o restante sem mim? o.O"
    Obrigada por comentar lá no meu blog.
    Volte sempre!

    ~ miiistoquente

    ResponderExcluir
  5. Ou Marise! Sair das séries americanas tem sido ótimo. Dark eu curti e La Casa de Papel mais ainda. Não dá para deixar de torcer pelos ladrões e mesmo que ninguém goste dele, meu personagem preferido é o Berlim, junto com a Nairobi e o Professor. Agora que não curto mesmo é a Toquio e o Rio.
    Bjos!! Cida
    Moonlight Books

    ResponderExcluir
  6. Olá,
    A galera está super comentando sobre a série e acabei ficando curiosa também.
    Vou tentar achar um escape das outras, pra maratonar essa qualquer dia.

    bjs
    Nana - Canto Cultzíneo

    ResponderExcluir
  7. Oi!
    Acho tão legal o quanto uma série pode deixar todo mundo obcecado ao mesmo tempo!
    Ainda não terminei de assistir, mas achei simplesmente incrível e quero terminar logo.
    Beijos,
    http://ofantasmaliterario.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  8. Oi Marise, tudo bem!
    Ainda não conhecia a série, mas pelos seus comentários ela parece ter uma trama interessante e personagens cativantes. Dica anotada!!!

    *bye*
    Marla
    loucaporromances.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  9. Amei a resenha!! Quero muito ver a série, mas tenho tanta preguiça haha Só de ver que tem um monte de episódios de mais de 40 minutos já dá vontade de deixar pra lá, mas sei que a série deve ser muito boa e merece ser vista...
    Vou ter que arrumar um tempinho para vê-la XD

    Beijão
    Toca da Lebre

    ResponderExcluir
  10. Oie, tudo bem?
    Amei demais essa série! <3
    Só acho que o final foi meio forçado demais pro happy ending. E discordo que a Tókio conquiste, eu odiei a personagem HAHAHA!
    Beijos,

    Priih
    Infinitas Vidas

    ResponderExcluir
  11. Aaaah, siiiim! A sua resenha ficou muito boa e concordo com absolutamente tudo que você disse nela. O Arturo é realmente o personagem mais chato do mundo das séries. Sério. Eu ainda estou no episódio 8, porque estou olhando com a família então, né: só quando todo mundo estiver reunido. Estou doida pra terminar!

    Beijo!
    www.controversos.com

    ResponderExcluir
  12. Oi Marise!
    Eu adorei o post, porque relatou tudo o que encontramos na série de forma clara e sincera. Também gostei do enredo, e também concordo com você... essa série não é modinha, ela é boa mesmo.

    Beijoss, Enjoy Books

    ResponderExcluir
  13. Oi, Marise!
    Eu estou louca para assistir essa série <3
    Só vejo comentários maravilhosos e sinto que não vou conseguir parar de assistir quando começar haha
    Beijinhos,

    Galáxia dos Desejos

    ResponderExcluir
  14. Oi Marise!
    Já maratonei todos os eps, realmente é MUITO boa essa série!
    meus personagens preferidos foram o Professor, a Nairóbi, a inspetora e o Berlim, hahah XD
    Bjs
    http://acolecionadoradehistorias.blogspot.com

    ResponderExcluir