O Cobiçado [Resenha Literária]


Se tem um coisa que eu detesto são histórias com harém, até parei de ver animes que tinham essa temática e quis matar o Maxon de A seleção por conta disso. Um homem e várias mulheres disputando o coração dele é algo que de longe já me irrita. Então, por que ler O cobiçado da Mari Scotti? Porque eu confiei na autora, confiei que ela me entregaria uma história convincente e não me enganei.

Rohan é músico de uma banda famosa, de origem indiana por parte de pai e que sofreu uma terrível traição no passado, mas foi convencido por seu amigo Teobaldo, presidente de uma rede de televisão e sua amiga Sabrina, a participar de um reality show onde 24 garotas disputam seu amor, quem vencer poderá se casar com ele. Rohan a princípio se nega a participar, mas sem querer esbarra com Aillen na rua e percebe que ainda existem mulheres que não ficam chocadas com sua fama, isso porque a garota o trata normalmente, o que até espanta o músico.

Percebendo que Aillen chamou a atenção do cantor, Sabrina faz uma proposta para a moça para que ela possa participar do programa e precisando bastante do dinheiro, Aillen aceita. No entanto, logo no começo do livro sabemos que a protagonista ainda sofre com a morte do noivo e dificilmente entregará seu coração.


Toda a trama se desenvolve em torno do reality show e achei o romance entre Rohan e Aillen muito bem explorado, principalmente porque no começo do programa a personagem usa um lenço que impede o cantor de saber quem é ela, o que gera uma enorme curiosidade nele. Como são várias garotas, a autora focou apenas em algumas como a Paula que achei insuportável, Mira de origem também indiana e Ana que apesar de rival se tornou uma grande amiga de Aillen e foi bem interessante acompanhar a história das duas.

No entanto, infelizmente, tive vontade de esganar Rohan em alguns momentos, já que ele aproveitou bem sua posição de cobiçado, o que no início eu até consegui entender, uma vez que os sentimentos dele por Aillen não estavam claros e muito menos os dela por ele, mas já no final não deu para defender o cantor. Para alguém que se dizia apaixonado, Rohan deu bastante espaço para as outras garotas, o que só deixou Aillen desconfiada e eu como leitora também. No final das contas, achei que Rohan tinha que ter mostrado mais sentimentos pela protagonista.

Por outro lado, Aillen também não demonstra com clareza seus sentimentos e em boa parte da trama ainda se sente bem ligada ao noivo falecido, o que não me irritou, acho que o luto é vivido de maneira diferente pelas pessoas. Ás vezes se demora bastante para seguir adiante, afinal, quantas pessoas viúvas que nunca se casaram novamente vocês conhecem? Eu conheço um monte e acabei entendendo a posição de Aillen, só acho que no lugar dela não teria me convencido com o amor de Rohan.


Claro que nada disso me impediu de gostar da obra, pelo contrário, quando menos esperava eu estava devorando as páginas e super envolvida com os personagens, louca para saber o final! Mari Scotti desenvolveu bem os coadjuvantes e a história dos protagonistas também, ela foi capaz de me envolver numa enredo que facilmente poderia me desagradar, numa história muito bem escrita. Toda a parte do reality show foi bem explicada e com detalhes, sem nenhum furo.

Enfim, finalmente consegui ler um livro da Mari Scotti e matei minha curiosidade com O cobiçado, o livro termina com um bom gancho para o próximo livro e já quero conferir.

FICHA TÉCNICA

Título: O Cobiçado
Autora Mari Scotti
Nota: 4/5
Onde Comprar: Amazon

 

Michele Lima
Compartilhe no Google Plus

Sobre O Que Tem Na Nossa Estante

É amante de livros, filmes, séries e adora uma boa música. Escreve para O Que Tem Na Nossa Estante.

comentário(s) pelo facebook:

10 comentários:

  1. Oi Mi,
    Tem um grupo no facebook que estamos lendo O Cobiçado 2 como uma telespectadora do reality. É uma experiência diferente, porque não sabemos quem são as garotas e temos que escolher uma para torcer.
    É beeeem divertido! Fico feliz que tenha gostado do primeiro, adoro a Mari.
    Beijos
    http://estante-da-ale.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. Eu amei "A Seleção" o Maxon é um dos meus personagens favoritos de todos os tempos. Mas eu entendo o seu ponto de vista. Hahahaha Mesmo assim, eu acho esse tipo de enredo muito interessante e eu adoraria ler esse livro.
    Mil Beijos!
    http://pensamentosdeumageminiana.blogspot.com.br/2018/02/top-5-novidades-da-semana.html

    ResponderExcluir
  3. Oi Mi, tudo bem?
    Li a resenha desse livro uma vez e super me interessei pela história, não sabia que tinha continuação. Gostei da sua resenha e da sua sinceridade, bom que mesmo não sendo tão fã do tema, você curtiu a leitura. Eu gosto de livros com essa temática e, abre os nossos olhos para ver o quanto algumas pessoas são babacas dentro de um relacionamento.

    Obrigada pelo carinho. Volte sempre!
    Um super beijo :*
    Claris - Plasticodelic

    ResponderExcluir
  4. Oi, Mi
    Foi meu primeiro contato com a autora, e eu gostei também. O livro me lembrou um pouco A Seleção por causa disso, e não me irritei com as liberdades do Rohan, só achei que fica tão óbvio ser um homem disputado e nunca uma mulher. Fora isso, tinha achando a Aillen meio sem graça, porém entendo a personalidade dela e sua conduta com o Rohan. No fim, eu adorei essa história, fiquei apaixonada e louca pelo segundo.
    Beijos
    http://www.suddenlythings.com

    ResponderExcluir
  5. Sinceramente a premissa desse livro não me atrai nem um pouco, é tipo aquele livro que eu leria só se ganhasse de presente de alguém, mesmo lendo as várias resenhas positivas sobre a história.

    www.estante450.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  6. Oi, Mi!
    Eu estou louca para ler esse livro da autora. Gostei bastante de A Seleção, apesar dos pesares, e já vi várias resenhas positivas sobre ele.
    Quero me apaixonar pelos personagens também haha então já está na minha lista <3
    Beijinhos,

    Galáxia dos Desejos

    ResponderExcluir
  7. Oi, Mi!
    Você sabe que eu me estressei horrores com Rohan e Aillen mas ainda assim adorei a história. Fico feliz que tenha curtido também.
    Beijos
    Balaio de Babados
    Participe da Folia Literária 2018: cinco kits, cinco sortudos.

    ResponderExcluir
  8. Haha ameiiiii a sua resenha! Não tem como não se estressar com a "indecisão" do Rohan. Confesso que foi proposital, mas acho que pesei um pouquinho kkkkkkkk, obrigada pelo alerta. E, minha nossa, fico super feliz que você gostou do livro mesmo odiando esse tipo de historia. É uma honra saber que você leu!
    Como a Alessandra adiantou, estou postando poucas cenas dos episódios da segunda temporada porque o livro do Adam será publicado agora em março *-----------------*, então foi uma forma que encontrei das pessoas "assistirem" ao reality antes de "ir ao ar" hahahaha. Espero que você goste do segundo também. A trama é BEMMMM diferente, mas ta,bém tem muita cena no reality.
    Beijocas, obrigada pelo apoio!!
    Mari

    ResponderExcluir