Sangue por Sangue [Resenha Literária]


Sangue por Sangue é a eletrizante continuação de Lobo por Lobo (leia a resenha AQUI) e começa exatamente de onde parou o livro anterior. Não vou me adentrar muito na história desse aqui para não soltar spoilers, mas posso dizer com tranquilidade que esses dois livros já entram na lista de melhores de 2018.

Não vou mentir que fiquei bem receosa em como a Ryan iria dar um término digno a história em apenas um livro. Pois a mulher cumpriu o que prometia. Além de não deixar uma ponta solta na história, Sangue por Sangue tem um ritmo bem rápido e angustiante, deixando você sem ar a cada página.

Yael se tornou uma das minhas heroínas favoritas. Ela é minha guerreirinha e irei protegê-la. Para uma pessoa que foi vítima de um experimento nazista, Yael ainda nutre bastante esperança de um mundo melhor, caso consiga cumprir sua missão de matar Hitler. E é esperança que a ajuda a manter o foco na missão. Até em momentos de desespero, Yael consegue se manter concentrada e focada, colocando em prática todo seu treinamento.


Além do ponto de vista de Yael, nesse livro somos agraciados com capítulos narrados em terceira pessoa, focando em Luka e Felix. Gostei muito desse acréscimo porque assim conhecemos melhor esses dois meninos que se viram caindo de paraquedas na conspiração contra o Fuhrer. Nos capítulos de Luka, vemos que ele é um garoto que sempre tentou agradar tudo e todos, mesmo que isso fosse na direção totalmente oposta do que ele realmente pensa. Apesar de toda essa fachada de cara que não se importa, ele esconde sua verdadeira personalidade por trás de respostas irônicas. Na real, Luka é um bolinho de pessoa, um tanto inseguro e que deve ser protegido de todos os males.

O responsável pelas emoções dúbias nesse livro é Felix Wolfe. Suas atitudes foram daquelas de fazer qualquer um espumar de ódio porque todas as tretas que acontecem e colocam em risco a vida de Yael é por culpa dele. Parando para analisar, eu entendo o que o levou a fazer tudo aquilo; provavelmente eu teria feito o mesmo, mas no momento do desespero a raiva aparece. Entretanto, a partir de certos acontecimentos, o mais novo dos Wolfe foi uma pessoa extremamente burra e iludida, merecendo sim ter a fuça arrastada no asfalto quente coberto por pedra brita.


Um ponto que quase toda resenha concorda é na importância das mulheres nessa história. A vida de Yael foi marcada por mulheres que ajudaram-na a moldar seu caráter de alguma forma. Temos Miriam, que foi seu alicerce durante a época do campo de concentração; Babushka, que sempre acreditou que ela iria mudar o mundo; Henryka, que a ajudou no momento em que ela se viu perdida no mundo. E por que não falar de Adele Wolfe que, apesar de ser uma cobra criada, que se recusou a seguir o destino já traçado por Hitler para as mulheres de sua nação? Ryan conseguiu equilibrar de forma maestral o destaque entre os homens e as mulheres.

Claramente, na reta final do livro, temos um grande plot twist que muda tudo o que Yael sempre soube. Também tivemos muitas mortes, todas ainda sofridas e abertas em meu coraçãozinho de gelo. Nunca esquecerei vocês.

Uma única coisa que não me convenceu na história foi o romance surgido entre Yael e Luka. entretanto, o fato de já gostar deles juntos desde o livro passado (com Yael sendo a não-Adele) e o livro ser maravilhoso do começo ao fim, esse detalhe fica bastante em 826548207143 plano.


Lobo por Lobo e Sangue por Sangue foram livros escritos após uma grande pesquisa minuciosa em uma das épocas mais negras da história da humanidade. Durante todo o livro, você vai ficar com aquele sentimento de “e se…”, o que aumenta mais a angústia pois o mundo passou bem perto de ser igual ao de Yael.

Sem sombra de dúvida, super recomendo essa duologia e espero que todo mundo tenha a chance de acompanhar a saga de Yael na luta para um futuro melhor.
Yael não era um monstro. Luka não era a próxima geração do nacional-socialismo. Eles eram o que o Reich mais temia. Uma garota judia e um menino alemão segurando o futuro e o passado de mãos dadas.

FICHA TÉCNICA

Título: Sangue por Sangue (Lobo por Lobo #2)
Autor: Ryan Graudin
Nota: 5♥
Onde Comprar: Amazon



Luiza Helena
Compartilhe no Google Plus

Sobre O Que Tem Na Nossa Estante

É amante de livros, filmes, séries e adora uma boa música. Escreve para O Que Tem Na Nossa Estante.

comentário(s) pelo facebook:

7 comentários:

  1. Oie
    Sempre vejo resenhas elogiando esta duologia e fico curiosa para ler a trama. Tem um enredo bem interessante.

    Beijinhos
    https://diariodeincentivoaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Oi Lu,
    Eu confesso que não me empolgo tanto com esses livros. Entendo que a temática é relevante e interessante, mas não sei... Acho que faz meu gênero mesmo. :(
    E esperava algo diferente das capas, rs.
    Beijos
    http://estante-da-ale.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  3. adorei conhecer esse livro, adoro esse tipo de leitura que tem um ritmo agil e nos prende

    www.tofucolorido.com.br
    www.facebook.com/blogtofucolorido

    ResponderExcluir
  4. Já li resenhas sobre o livro anterior e apesar de preferir ler histórias mais leves, eu gostei bastante desse enredo e acredito que vale a pena ler sim.
    Mil Beijos!
    http://pensamentosdeumageminiana.blogspot.com/2018/05/resenha-do-filme-barraca-do-beijo.html

    ResponderExcluir
  5. Olá Luiza!
    Eu pirei com o primeiro livro, mas não curti o segundo. Não sei explicar, para mim faltou alguma coisa e esperava mais do final. Mas de qualquer forma curti a duologia e acho que ela vale muito a pena.
    Bjs

    EntreLinhas Fantásticas

    ResponderExcluir
  6. Quando o final muda de repente tudo que pensávamos é muito louco. Adoro as reviravoltas. Esse livro parece trazer uma história bem forte e carregada de sentimentos..

    www.vivendosentimentos.com.br

    ResponderExcluir
  7. Ainda não conhecia essa duologia, mas se a história te cativou já sinto vontade de ler também!

    www.kailagarcia.com

    ResponderExcluir