Outlander - Um Sopro de Neve e Cinzas [Resenha Literária]


1165 páginas, 33 dias, muitas e muitas e muitas emoções. Emoções para guardar mesmo depois de lida a última frase da última página. Em minha defesa devo dizer que não podia ler por horas e horas sem interromper a leitura para cumprir tarefas domésticas. Alguns dias eu sequer conseguia pegar no livro, eu só o olhava ali me esperando e ansiava ardentemente por ele. Quando eu podia me concentrar na história era difícil abandonar Jaime, Claire, Brianna, Roger e tantos outros personagens que Diana Gabaldon nos presenteia em sua história da viajante do tempo, porque a cada página havia uma surpresa, mais um acontecimento, mais uma resposta. 

Talvez a pergunta tenha sido feita no primeiro ou no terceiro livro, mas a resposta só chegou agora, sem que a gente soubesse que ela viria preencher aquele vazio que a história tinha deixado, que é o que acontece quando as perguntas ficam sem resposta por tanto tempo. As respostas dadas nos alimentam assim como novos acontecimentos que nos surpreendem e a leitura é quase compulsiva até que se conclua aquele momento de aflição gerado pela incerteza do destino dos personagens queridos.

Talvez o fato de já sabermos o que esperar de Jaime e Claire, assim como de Brianna e Roger, fique mais fácil ler, mas também fica mais fácil saber que toda e qualquer situação criada não vai simplesmente ser resolvida sem um bom combate, sejam quais forem as armas, podem ser até as palavras.


Agora bem estabelecidos na Cordilheira dos Fraser na Carolina do Norte, mesmo sabendo que a Guerra chegará e que um bilhete do passado adverte para a morte de Claire e Jaime em um incêndio, nós encontramos os Fraser tomando decisões difíceis, principalmente Jaime que sabe de que lado da guerra precisa estar e assim sendo não tem como escapar de trair um dos lados. Roger tem que decidir se encontrou realmente sua vocação e se vai enfrentá-la e assumi-la, Claire tem que decidir se vai continuar viva, se vai conseguir sobreviver ao trauma da violência sofrida, Brianna tem que decidir se vai finalmente tentar ter outro filho, um que ela tenha certeza de que é de Roger. 

Há encontros com o passado cruel de Brianna, Claire encontra a violência, o sofrimento e quase morte, Roger encontra a coragem para matar, Ian se encontra como parte desta família. Fergus precisa urgentemente encontrar um pouco de paz e vontade de viver. Jaime é aquele que se encontra sustentando todos eles, lutando por todos eles, sendo responsável por todos eles, carregando o pesado fardo de ter tantas pessoas sob seus cuidados e fazendo com que pareça que ele carrega um saco de penas.

Entre momentos de terror, rapto, assassinato, encontro com o pirata cruel Stephen Bonnet, a morte que vem da sífilis, traições, agonia e desespero, o fogo e o medo, nós temos o amor de Claire e Jaime, Brianna e Roger para acalmar, consolar e dar esperança ao leitor.


E o final me fez ficar totalmente sem ar!

São 1165 páginas de aventuras que me fizeram achar o livro pequeno, pois eu leria mais mil, e com certeza este é um dos melhores volumes da saga da Viajante do Tempo! Aguardo ansiosamente o livro sete!

Se você quiser saber mais para Outlander pode clicar AQUI para saber sobre a série.

CLIQUE AQUI para saber sobre o livro O Resgate No Mar, parte 1.
CLIQUE AQUI para saber sobre o livro O Resgate no Mar, parte 2.
CLIQUE AQUI para saber sobre o livro A Cruz de Fogo, parte 1.
CLIQUE AQUI para saber sobre o livro A Cruz de Fogo, parte 2.

FICHA TÉCNICA

Título: Outlander - Um Sopro de Neve e Cinzas
Autora: Diana Gabaldon
Nota: 5/5
Onde Comprar: Amazon

 

Marise Ferreira
Compartilhe no Google Plus

Sobre O Que Tem Na Nossa Estante

É amante de livros, filmes, séries e adora uma boa música. Escreve para O Que Tem Na Nossa Estante.

comentário(s) pelo facebook:

10 comentários:

  1. Oie
    Li somente os dois primeiros livros da série e estou sem coragem de continuar a ler, mas eu amo o contexto desta série e curti muito o que li. Quero muito ler.

    Beijinhos
    http://diariodeincentivoaleitura.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  2. Oi, Marise!
    AMO MUITO Outlander, li os 4 primeiros antes da Saída começar a republicar (pq era o que tinha na biblioteca da faculdade) e fiquei esperando lançarem os demais para poder ler. Infelizmente nunca consegui porque O PREÇO é uma facada. Por mais que eu ame, sem condições. Mas estou louc apara poder continuar, seguimos esperando promoções.

    bjs

    Queria Estar Lendo

    ResponderExcluir
  3. Que resenha maravilhosa, ainda não conhecia essa série de livros, mas fiquei bem empolgada para conhecer!

    www.kailagarcia.com

    ResponderExcluir
  4. Eu dou os parabéns para quem lê essa série, porque os livros são tão enormes que me da medo até de começar kkk

    www.vivendosentimentos.com.br

    ResponderExcluir
  5. Que saudade dessa série, poxinha, me deu vontade de ver e reler! <3

    www.coisasdepriscila.com
    instagram l Participe!
    Beijo.

    ResponderExcluir
  6. Oii!
    Tenho lido tantos comentários bons sobre essa série que estou pensando em começar a ler. Não li nenhum dos livros ainda, mas é o tipo de história que prende a minha atenção. Também não tenho problemas com livros grandes, mas o tamanho dos livros dessa série me assustam um pouco haha.

    Beijos
    Blog Vento do Leste

    ResponderExcluir
  7. Oi
    que bom que gostou dessa leitura, pelo que li na resenha foi de tirar o folego, tenho curiosidade em ler eles, mas me falta coragem e dinheiro, não lembro de ter lido uma resenha negativa desses livros.

    http://momentocrivelli.blogspot.com

    ResponderExcluir
  8. Sou louca pra ler a série, mas por ser meio grossa fico meio assustada, mas quero muito dar uma chance sim!!!! Falam tão bem que socorro

    Beijos
    Próxima Primavera

    ResponderExcluir
  9. Oi, Marise
    Confesso que ainda não tive vontade de ler essa série, mais porque o número de páginas me apavora, chega da preguiça, mas vou levar em consideração que TODO MUNDO AMA!
    Beijos
    http://www.suddenlythings.com

    ResponderExcluir