Por trás dos seus Olhos [Resenha do Filme]


A montagem das cenas de um longa metragem é o que dita o seu ritmo. O thriller político Z (1969) do diretor grego Costa Gravas tem uma edição de imagens tão inovadora que ainda hoje é referência no assunto. Já a montagem da comédia dramática (uma boa montagem não é mérito só dos filmes de ação) Hannah e suas Irmãs (1986) do diretor Woody Alken é notável: a editora Susan E. Morse soube exatamente dosar as cenas e iniciar uma emoção quando outra terminava, ditando precisamente o ritmo da estória que contava com muitos personagens. Qualquer excesso poderia ter estragado tudo. E é exatamente essa falta de feeling na montagem, um dos principais equívocos deste Por trás dos seus Olhos do diretor Marc Foster, responsável pelos muito bons A Última Ceia, Em busca da Terra do Nunca e O Caçador de Pipas.

A avalanche de imagens em ritmo de vídeo clipe nos impede de apreciar as boas locações e a fotografia interessante. A trama é pouco explorada e tudo é mostrado de forma sutil, deixando muita coisa subentendida...Porém, após o término, não resta o mínimo interesse de discutir sobre a obra, tamanha falta de empatia que ela nos causa.


O casal de atores protagonista, Jason Clarke e Blake Lively, faz o que pode. Ela, que perdeu sua visão num acidente, tem parte dela recuperada após uma cirurgia, mas sua recém adquirida autonomia e a vontade de ousar nas escolhas da vida, não agradam o marido, até então no controle.

Na tentativa de nos arrebatar no decorrer da projeção, situações absurdas acontecem a todo instante. Cenas constrangedoras que não conversam com o universo ali mostrado e um plot twist até que óbvio, apesar de forçado pra ser original e surpreendente. 

O ator Ron Pearlman (Hellboy) é um dos produtores e talvez isso explique alguma coisa: nem toda pessoa com dinheiro na mão pode fazer o que bem entende...


Pode ser que de tanto apanhar da crítica, um seleto grupo de fãs da atriz resolva formar um pequeno culto de devoção a este filme, apontando e enxergando pontos que talvez nem existam. Qualquer cinéfilo sensato e com uma certa bagagem de títulos assistidos só pode lamentar o resultado final e imaginar que nas mãos de um outro produtor, outro diretor e outro editor de imagens, Por trás dos seus Olhos poderia ter sido muito superior.

Trailer: 


FICHA TÉCNICA

Título: Por trás dos seus Olhos
Título: All I See Is You
Diretor: Marc Forster
Data: 22 de março de 2018


*conferimos o filme na cabine de imprensa

Italo Morelli
Compartilhe no Google Plus

Sobre O Que Tem Na Nossa Estante

É amante de livros, filmes, séries e adora uma boa música. Escreve para O Que Tem Na Nossa Estante.

comentário(s) pelo facebook:

3 comentários:

  1. que bacana conhecer esse filme, apesar das criticas fiquei curiosa pra assistir sim

    www.tofucolorido.com.br
    www.facebook.com/blogtofucolorido

    ResponderExcluir
  2. Estou vendo poucos filmes ultimamente, e depois desta crítica não vou nem me dar ao trabalho de conferir o filme.
    Abraços,
    Gisela
    Ler para Divertir

    ResponderExcluir
  3. Acabei de assistir o filme e de fato o filme eh fraco mta coisa subentendida
    Coisas obscuras e pouco explorada
    Um filme fraco q na minha opinião deixa a desejar

    ResponderExcluir