A soma de todos os beijos [Resenha Literária]


A soma de todos os beijos é o terceiro livro da série Quarteto Smythe-Smith.e se a Julia Quinn encantou a gente com Simplesmente O Paraíso, agitou numa romance com mistério em Uma noite como esta, neste ela nos diverte! Porque Sarah até parece a Hyacinth Bridgerton com sua língua sua afiada e esperteza! Tanto que é a única que consegue escapar de uma apresentação Smythe-Smith, alegando estar gravemente doente!

Sarah detesta Hugh Prentice, que foi ferido na perna por Daniel Smythe-Smith num duelo e por isso, o primo da protagonista teve passar 3 anos fugindo pela Europa. Mas Sarah detesta Hugh principalmente pelo fato de se sentir prejudicada, uma vez que foi ele quem provocou o duelo e por conta de todo o escândalo ela perdeu sua primeira temporada, uma excepcional temporada em que teve 14 casamentos!


Hugh a princípio não entende bem porque Sarah o detesta e considera a jovem um verdadeiro drama! Uma mulher que gosta de fazer grandes declarações, alguém que Hugh prefere evitar. No entanto, durante o casamento de Honoria e depois o de Daniel, Hugh é obrigado a ficar na companhia de Sarah e depois de muitas brigas e situações hilárias, os dois acabam se apaixonando.

Sarah é completamente impulsiva, fala pelos cotovelos e não esconde seus sentimentos, seja de raiva ou de amor. Já Hugh é completamente introvertido, um tanto rabugento, principalmente depois que fica com sequelas na perna. 


Os diálogos de A soma de todos os beijos são divertidos e as irmãs de Sarah são ótimas. Frances e Hugh possuem uma dinâmica bem engraçada, ela toda sonhadora e criativa, capaz de acreditar em unicórnios e Hugh completamente gentil, mas descrente. Harriet também rouba a cena algumas vezes com suas mirabolantes peças de teatro. Apenas acho que o pai das meninas merecia mais destaque, mas acho que a autora adora colocar as mulheres como personagens fortes e que ocupam boa parte da narrativa.

Vale destaca também as cenas finais, Julia Quinn que me faz pensar que a Julia Quinn parece gostar de uma boa cena dramática nessa série, porque bem como foi em Uma noite como esta, neste livro também teve cenas de tirar o fôlego, com lutas, armas e o pai de Hugh completamente louco!


A soma de todos os beijos é um romance encantador da Julia Quinn, uma comédia romântica que fez dar boas risada e torcer intensamente pelo casal principal.

FICHA TÉCNICA

Título: A soma de todos os beijos
Autora Julia Quinn
Para ler as outras resenhas da série CLIQUE AQUI
Onde Comprar: Amazon

Michele Lima
Compartilhe no Google Plus

Sobre O que tem na nossa estante

É amante de livros, filmes, séries e adora uma boa música. Escreve para O Que Tem Na Nossa Estante.

comentário(s) pelo facebook:

6 comentários:

  1. Impossível não amar os livros da Julia, né? Amo um romance de época. Adorei sua resenha!

    www.kailagarcia.com

    ResponderExcluir
  2. Oi Mi, tudo bem? Eu comecei a ler essa série no mês passado e adorei a leveza da história do primeiro livro. Eu já li quase toda a série "OS Bridgertons", faltando apenas o último, e encontrei uma sutil diferença na escrita da autora, mas estou gostando bastante. Adoro romances de época divertidos com diálogos assim, geralmente esses são os meus preferidos.
    Beijos, Adri
    Espiral de Livros

    ResponderExcluir
  3. teve uma época que td mundo estava falando super dessa serie! eu adoro romances historicos assim e sempre tive curiosidade em ler

    www.tofucolorido.com.br
    www.facebook.com/blogtofucolorido

    ResponderExcluir
  4. Oi Mi,

    Ainda não peguei essa série da Julia para ler, mas tenho certeza que vou adorar.
    Já quero!
    Bjs e uma boa semana!
    Diário dos Livros
    Siga o Instagram

    ResponderExcluir
  5. Oi Mi!! Das histórias de romance, os livros de época são os meus favoritos, não preciso nem falar o quanto amo Jane né!! Julia consegue se manter fiel ao estilo, escreve lindas histórias que nos fazem suspirar, eu li essa série e me encantei, sua escrita e o toque que só ela tem são incríveis, e de uma delicadeza ímpar!! Adoro os livros da Julia, eles nos trazem o que há de melhor!! Amei a resenha!!!

    Beijos
    Naty!!!

    ResponderExcluir
  6. Oi, Mi!
    Pra mim esse e o segundo são de longe os melhores livros dessa série. Eu adorei o Hugh, principalmente por causa dessa treta toda com a Sarah. Eu tenho um fraco para homens desestabilizados e com ele não foi difícil me encantar.
    Só não consegui ler o último livro até hoje, acredita?
    Beijo

    http://www.capitulotreze.com.br

    ResponderExcluir