Espere Agora pelo Ano Passado [Resenha Literária]


Li em um artigo que Philip Dick havia escrito esse livro com um pouco de “pressa”. Acredito que isso poderia ser meio suspeito, considerando os mitos e rumores que cercam o autor, mas não tenho dúvida de que este livro é completamente Dick vintage – recheado, como acontece com todas as realidades em várias camadas e reviravoltas paranoicas que sempre foram a marca registrada desse gigante do gênero. 

Se você é um leitor que não conhece os livros de Dick, acredito que seja melhor começar com um de seus outros livros antes de abordar este, digo isso porque Espere Agora pelo Ano Passado tem um grande elenco de personagens ricamente desenhados, e um enredo que se retorce como uma cobra enroscada. 

Ambientado em uma guerra intergaláctica, o nosso protagonista, Dr. Eric Sweetscent, um cirurgião especialista em transplante de órgãos artificiais, é empregado por Virgil Ackerman, um magnata idoso que ele mantém vivo. Quando não está no trabalho, acaba por ter seu tempo todo tomado por Kathy, sua esposa com quem vive em desarmonia constante. Ela, uma viciada, naufraga emocionalmente em sua vida doméstica desajeitada e recheada de divergências dolorosas e sensibilidade exacerbada, estilo de vida que não combina com Sweetscent altamente passivo e educado. 


Ackerman é um rico excêntrico, com conexões poderosas e convida Sweetscent e sua equipe sênior, junto com ele, para ir até Marte para visitar a Wash-35, uma reprodução da capital da nação como lembrada de sua infância. A esposa amarga e desagradável Kathy, também está à disposição de Ackerman, sempre procurando itens que satisfaçam a loucura do homem rico. 

Esta viagem porém, não é tudo o que parece. Ackerman convidou Dr. Eric a fim de apresentá-lo a outro convidado, alguém que precise de sua especialidade médica. Isso acaba por ser ninguém menos que Gino Molinari, o secretário geral, o “líder supremo eleito da cultura planetária unificada da Terra”. 

Sua esposa Kathy, que não participa da viagem, passa seu tempo se rebelando contra seu casamento infeliz, experimentando qualquer droga que possa colocar em suas mãos, infelizmente ela comete um grande erro. 


Dick escreve de maneira única e engana o leitor constantemente, habitualmente transmitindo as preocupações e os sentimentos paranoicos dos personagens (e sem dúvida, do próprio autor). É muito difícil saber em quem confiar neste livro – ou de quem gostar. Todos os personagens parecem falhos ao ponto de serem desagradáveis. A arte da escrita, no entanto, brilha com a manipulação hábil de Dick e seus personagens tem vários momentos extraordinários. 

Muitos dos temas favoritos do autor são explorados em Espere Agora pelo Ano Passado. Suas suspeitas sobre maquinações políticas são tratadas com uma inclinação cínica, espirituosa e muito científica. Ele brinca com as várias realidades alternativas induzidas por drogas e mostra como se dão os casamentos disfuncionais (ambos com os quais ele supostamente tinha alguma experiência), e o tempo todo ele nos mantém olhando por cima dos ombros e duvidando da verdade tanto quanto os próprios personagens. Isso realmente é algo intrigante e intricado, alienante e muitas vezes desconcertante. Mas, ao mesmo tempo, o livro é um exemplo clássico da visão única do mundo de Dick (ou melhor do universo) e com certeza merecia essa reedição. 


Como um sonho louco de si mesmo, alguns livros de Philip Dick parecem mais autobiográficos que fictícios. Quase podemos vê-lo curvado sobre a máquina de escrever, tendo suas visões excêntricas e experiências delirantes colocando-as em uma história. Casamentos ruins, paranoias, drogas experimentais, suicídios, etc., são marcos que navegam em seus livros. Espere Agora pelo Ano Passado tem tudo isso e muito mais, e deixa o leitor se perguntando: quantas maneiras diferentes podem Dick combinar seus temas favoritos? Acredito que sempre mais uma.

Philip Dick foi um dos melhores autores de ficção científica de sua geração, e sua escrita ainda perdura nos dias atuais. Se você ainda não conhece o autor, ou se é fã e adora grandes visões de realidades alternativas, com certeza esse livro é pra você.

FICHA TÉCNICA

Titulo: Espere Agora pelo Ano Passado
Autor: Philip K. Dick
Nota: 4/5
Onde Comprar: Amazon

 

Natália Silva
Compartilhe no Google Plus

Sobre O que tem na nossa estante

É amante de livros, filmes, séries e adora uma boa música. Escreve para O Que Tem Na Nossa Estante.

comentário(s) pelo facebook:

4 comentários:

  1. Oi Nat!
    Nao vou mentir que achei essa sinopse dele muito bugada KKKK deve ser uma leitura bem viajada. Eu achei a edição linda, mas nao acho que seja minha praia. Quem sabe na proxima.

    Abraços
    David
    territoriogeeknerd.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Minha mãe acho que iria adorar essa história. Ela gosta dessa temática. Muito legal!

    www.vivendosentimentos.com.br

    ResponderExcluir
  3. Oi Natália,

    Nunca li nada do autor, mas confesso que achei história um pouco confusa.
    Acho que fica para a próxima.
    Bjs e um bom fim de semana!
    Diário dos Livros
    Siga o Instagram

    ResponderExcluir
  4. Oi Natália,
    Não costumo ler livros de ficção científica, então confesso que nem conhecia a obra.
    Acho que não faz muito meu gênero, sabe? Iria ficar enrolando para ler :(
    Beijos
    http://estante-da-ale.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir