O príncipe do Natal: O casamento real [Resenha do Filme]


O príncipe do Natal foi um grande sucesso ano passado na Netflix, acalmado por todos que gostam de romance e filmes natalinos e agora os personagens estão de volta com a continuação, O príncipe do Natal: O casamento real.

Um ano se passou desde os acontecimentos do último Natal e Amber (Rose McIver) continua escrevendo seu blog, mas agora volta para Aldovia para se casar com seu príncipe. Só que a situação financeira do país não é das melhores. Richard (Ben Lamb) tem um excelente plano de modernização com empresas nacionais, mas que por alguns motivos não está retendo dinheiro no país. Empresas estão fechando e agora há muitos desempregados em Aldovia. A população não está nada feliz com o governo do príncipe que parece bastante perdido. E como se não bastasse a situação econômica e política do Reino, Amber precisa enfrentar protocolos chatos e regras ultrapassadas, o que não agrada em nada a protagonista.


O tom de romance prevalece no longa, mas agora existe uma abordagem um pouco mais séria com toda a situação de Aldovia e as responsabilidades do novo rei e rainha. Amber demora demais pra dar uma basta na situação que a coloca sem voz e sem valorizar suas opiniões e vontades. É até um tanto desesperador porque eu no lugar dela já tinha surtado com a insuportável Mrs. Averill (Sarah Douglas). No entanto, Amber sempre tentar não ofender a cultura local e com isso acaba se oprimindo. Já a situação do Richard é bastante óbvia, o roteiro não tenta fazer muito suspense com o que acontece no reino, o príncipe é realmente o único bobão a confiar em todos. 

Temos a volta de Simon (Theo Devaney), vilão do último filme, e achei bastante positivo no filme, já que o personagem agrega bem à história. E a princesa Emily (Honor Kneafsey) salva algumas cenas com seu sarcasmo e como sempre e continua sendo uma das melhores personagens.


Repleto de clichês e um roteiro completamente previsível O príncipe do Natal: O casamento real segue os mesmo elementos do filme anterior, apostando no romance e na ambientação natalina. Acaba sendo quase um epílogo do primeiro filme, servindo para nos mostrar que ser rei e rainha não é exatamente um conto de fadas. Tudo bastante leve e com momentos divertidos.


FICHA TÉCNICA

Título: O príncipe do Natal 
Título Original: The Royal Wedding
Diretor: John Schultz
Data de lançamento: 30 de novembro de 2018
Nota: 3,5/5
Netflix

Aproveito para desejar a todos um Feliz Natal!

Michele Lima
Compartilhe no Google Plus

Sobre O que tem na nossa estante

É amante de livros, filmes, séries e adora uma boa música. Escreve para O Que Tem Na Nossa Estante.

comentário(s) pelo facebook:

2 comentários:

  1. Que sensacional, já quero! Feliz Natal :)

    https://www.submersaempalavras.com/

    ResponderExcluir
  2. Mi
    Nunca espero muito destes filmes de natal, são sempre os mesmos clichês, mas sempre assisto alguns. Não sabia que este filme era uma continuação de O Príncipe do Natal", agora que sei quero muito ver e já sei o que esperar.
    Abraços,
    Gisela
    Ler para Divertir

    ResponderExcluir