Lizzie [Resenha do Filme]


Lizzie é um thriller psicológico baseado no famoso assassinato da família Borden, que aconteceu em 1892, em Massachusetts. O longa acompanha a vida da protagonista um pouco antes do crime que é acusada de cometer.

Vivendo numa família bastante tradicional, Lizzie (Chloë Sevigny) tem ataques epiléticos, mas uma personalidade fortíssima e com isso sempre bate de frente com seu pai, um homem bastante rigoroso e hipócrita e com sua madrasta que não a suporta. A personagem tem mais uma irmã e as duas são consideradas solteironas pela idade na época e Lizzie corre o risco de ser internada pelo pai. Andrew Borden (Jamey Sheridan) parece ter um inimigo, já que vive recebendo ameaças em casa, mas se recusa a procurar ajuda.

Tudo piora bastante quando a empregada Bridget Sullivan (Kristen Stewart) aparece para trabalhar na casa. A criada deveria ser só mais uma, bastante explorada pelos patrões, mas acaba chamando a atenção de Lizzie e de seu pai. Usando seu poder Andrew nem se dá ao trabalho de esconder que abusa de Bridget e Lizzie e ela começam a ter uma amizade que acaba se tornando um romance.


A tensão sexual entre Lizzie e Bridget é sentido desde o início do longa, mas as duas tem um relacionamento de amizade e companheirismo, se ajudam ao viver numa casa controlada por um homem abusivo. Lizzie tem uma personalidade muito forte e bastante destemida, não se intimida pela violência do pai e inteligente tenta conseguir sua própria independência, mas Bridget é mais frágil, tem mais receios, principalmente porque sabe a realidade da vida muito mais do que Lizzie.

O longa vai trabalhando no clímax da parte final onde acontece os assassinatos e quando chega no último ato somos brindados com bastante detalhes, tudo muito bem explicado, para o espectador não resta dúvida de quem matou Andre e sua esposa Abby (Fiona Shaw) e as motivações para tal.


Chloë Sevigny tem uma presença marcante em todas cenas e consegue mostrar bem a personalidade de um mulher subestimada pela família e pela sociedade. Complexa, Lizzie se recusa ser vítima, emboras às vezes pareça bastante doce, sensível e frágil. A atuação de Kristen Stewart é boa, mas contida e sua personagem é a que mais gera simpatia por estar no meio de uma família cheia de problemas. Bridget é bastante submissa tanto ao patrão quanto em relação à própria Lizzie.

O longa não é muito ágil em alguns momentos, tendo uma narrativa lenta no meio do caminho, mas a história acaba prendendo bastante, com boas atuações e o espectador acaba interessado em saber como tudo acontece. 

Trailer: 


FICHA TÉCNICA

Título: Lizzie
Diretor: Craig William Macnei
Data de Lançamento: 3 de janeiro de 2019.
Nota: 4/5

Michele Lima
Compartilhe no Google Plus

Sobre O Que Tem Na Nossa Estante

É amante de livros, filmes, séries e adora uma boa música. Escreve para O Que Tem Na Nossa Estante.

comentário(s) pelo facebook:

3 comentários:

  1. Sei que tem uma série sobre a Lizzie, mas me esqueci qual é a atriz principal XD
    Queria muito ver a série, mas acabei não conseguindo... Mas o filme eu verei =D

    ResponderExcluir
  2. Oi, Mi! Tudo bom?
    Eu fiquei muito curiosa com esse filme quando vi o trailer, nem sabia que já tinha estreado! Não vou conseguir conferir no cinema, mas assim que chegar em algum streaming corro assistir. Amo menina KStew <3

    Beijos,
    Denise Flaibam.
    www.queriaestarlendo.com.br

    ResponderExcluir
  3. Parece ser um ótimo suspense. Adorei a resenha.
    Bom final de semana!

    Jovem Jornalista
    Fanpage
    Instagram

    Até mais, Emerson Garcia

    ResponderExcluir