Até você chegar [Resenha Literária]


Que livro, que autora, que história deliciosamente enrolada!

Sheridan Bromleigh é dama de companhia de Charise Lancaster durante sua viagem da América para a Inglaterra. No entanto, durante o trajeto, Charise que iria se casar com Lorde Burleton foge para ficar com o outro, deixando Sheridan numa situação complicada. Mais complicado ainda está a situação do Conde de Langford que atropela e mata sem querer Lorde Burleton e precisa explicar para a moça que ela perdeu o noivo. 

No porto, Sheridan vai ao encontro do conde que quer falar com Charise e explicar a situação, mas antes de conversarem um caixote cai na cabeça da protagonista que perde a memória. Resultado: Stephen acha que além de ter matado o noivo de Charise é culpado por ela perder a memória e não sabe que no caso era a dama de companhia dela. Por outro lado, Sheridan perde a memória e quando acorda não só acha que é Charise como acredita que Langford é seu noivo. Uma enorme confusão!


Judith McNaugh é uma autora incrível, ela consegue facilmente desenvolver uma trama complexa, de modo fluido e envolvente e quando a gente percebe já devorou várias e várias páginas na curiosidade de saber o que vai acontecer com os protagonistas. Stephen tenta cuidar de Sheridan o máximo que pode sem se envolver com ela, sem dar muitos detalhes porque, afinal, nem ele sabe direito quem ela é, mas não consegue ficar longe. No fim das contas se encontra apaixonado, culpado e com uma enorme mentira para sustentar. Como Stephen é irmão do protagonista de outro livro da série, Whitney e Clayton Westmoreland aparecem para ajudar o protagonista nessa louca história. No entanto, não é preciso ler o livro anterior para entender este, são enredos independentes.

Stephen lembra muito seu irmão na teimosia, mas é um personagem masculino muito melhor do que Clayton, já que é menos controlador. Já Sheridan é bem menos impetuosa que Whitney, ainda que tenha uma personalidade forte, mas boa parte do tempo se encontra perdida por não ter memória. Porém, a autora nos conta bem sobre o passado de Sheridan e desenvolve muito bem sua protagonista sem pressa e sem enrolação também, assim como o romance do casal. Dessa forma, quando tudo de errado acontece, já estamos completamente envolvidos pelo romance. Destaque para os coadjuvantes que exercem funções importantes na narrativa, como o médico que atende Sheridan, Whitney e Nick que continua sem chances no amor.


Judith McNaugh sabe trabalhar bem os clichês de romance de época com uma boa pitada de drama na história com o fator perda de memória e um romance entre um conde e uma governanta. Até você chegar é um dos melhores que li do gênero, me prendeu bastante e entregou tudo que eu esperava. Devorei a leitura e agora quero mais!

FICHA TÉCNICA

Título: Até você chegar - Dinastia Westmoreland #3
Autora: Judith McNaugh
Nota: 5/5
Outras resenhas da série CLIQUE AQUI
Onde Comprar: Amazon

 

Michele Lima
Compartilhe no Google Plus

Sobre O Que Tem Na Nossa Estante

É amante de livros, filmes, séries e adora uma boa música. Escreve para O Que Tem Na Nossa Estante.

comentário(s) pelo facebook:

8 comentários:

  1. Olá,
    Eu sempre leio vários elogios sobre os romances da autora. Principalmente sobre Whitney, meu Amor. Quero muito conhecer.
    Adoro romance com gente desmemoriada.

    até mais,
    Canto Cultzíneo

    ResponderExcluir
  2. Oi, Mi

    Sheridan é um nome horroroso, misericórdia. Hahaha Ainda não cheguei neste volume, mas que bom que você achou um dos melhores do gênero que você já leu, me deixa mais animada.


    Beijos
    - Tami
    https://www.meuepilogo.com

    ResponderExcluir
  3. Oie
    Estou doida por este livro, o enredo parece ser gostoso de ler e de leitura rápida. Eu adorei o primeiro livro. Já quero este.

    Beijinhos
    https://diariodeincentivoaleitura.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  4. Oiii Mi

    Que delicia ler essa resenha, me animou em me arriscar num gênero que nem leio tanto hein? Eu adorei esa mistura do romance entre a governanta e o conde + a perda da memória da protagonista, são elementos que certamente a autora usou bem para te envolver tanto na leitura. Dica mais que anotada

    Beijos

    www.derepentenoultimolivro.com

    ResponderExcluir
  5. Oi Mi!!

    Adorei sua resenha, fez minha vontade ler livros da autora aumentar, só tinha visto a capa do livro e fiquei apaixonada pelo enredo. Vou anotar a dica!!

    Beijos
    Naty

    ResponderExcluir
  6. Oi Mi,
    Minha mãe tem vários livros da Judith aqui em casa, eu já li 2 e fiquei apaixonada pela escrita dela!
    Estou ansiosa por este, será um dos próximos da minha mãe.
    beijos
    http://estante-da-ale.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  7. Oie!
    Não conheço a escrita da autora ainda, infelizmente. Com uma resenha positiva dessa, tenho mais certeza que eu preciso ler algo dela. Adoro quando a autora consegue escrever sobre coisas pesadas, mas sem deixar o clima ruim.
    Que bom que você gostou tanto!
    Beijos
    Our Constellations

    ResponderExcluir
  8. Oi Michele, tudo bem?
    Eu conheço a escrita da autora por conta de outra série. Achei interessante a trama do livro e já fiquei imaginando a confusão por conta da perda de memória de Sheridan. Dica anotada!!

    *bye*
    Marla
    https://loucaporromances.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir