Lançamento Editora Aleph: Guerra sem fim


A Editora Aleph está lançando o livro Guerra sem fim, considerado um dos maiores clássicos da ficção cientifica e que ganhou os principais prêmios do gênero: Nebula, Hugo e Locus. Com um enredo futurista, diversos temas são discutidos com profundidade: as contradições da guerra, política, ufanismo, passagem do tempo, relações sociais, história humana.

Abaixo mais informações:

Foi nas missões sangrentas da Guerra do Vietnã, viajando entre as selvas escaldantes de um país ferido, que o soldado estadunidense Joe Haldeman decidiu transformar sua experiência em uma obra de ficção. Os quatro anos escrevendo cartas para a família no front serviram de treinamento para a veia literária que ele desenvolveria pouco tempo depois.

Guerra Sem Fim, lançado originalmente em 1974 e publicado este mês no Brasil pela Aleph, é o segundo livro do autor. A obra ganhou três dos maiores prêmios de ficção científica (Hugo, Nebula e Locus) como Melhor Romance e se tornou referência. O escritor usa dois dos temas clássicos do gênero (militarismo e combate espacial) para fazer uma observação crítica da guerra, questionar sua necessidade e expor suas consequências.

A obra começa quando conhecemos William Mandella (alter-ego literário de Haldeman), um soldado recrutado pela Força Exploradora das Nações Unidas para uma guerra contra a raça alienígena dos chamados taurianos. Utilizando uma tecnologia que lhes permite viajar quase à velocidade da luz, William e seus companheiros partem para o combate em um planetoide distante. O problema é que, na volta, 27 anos se passaram na Terra (devido à dilatação temporal), e a sociedade já não é mais a mesma. Nesse novo mundo, que sofre com superpopulação e guerras por recursos, a homossexualidade é incentivada pelos governos, para controlar a natalidade. Com isso, a cultura mundial mudou radicalmente e heterossexuais como Mandella sofrem discriminação – uma inversão de valores que, quase 50 anos após a publicação original da obra, se mantém sensivelmente irônica.

A partir daí, contaminado pelo preconceito e ignorância frente a essa nova sociedade, o personagem volta ao combate espacial. Sua sensação de despertencimento só aumenta, assim como o questionamento que lhe perturba: como seguir em frente, sabendo que sua própria história se apaga aos poucos, como uma frágil lembrança perdida no tempo?

Marcas do Conflito

O Vietnã não faz parte da história, mas as experiências de Haldeman na guerra real, que durou de 1955 a 1975, serviram de inspiração para os temas do livro, em especial o desperdício de tempo, o isolamento dos soldados e a falta de sentido de todo conflito – assuntos pouco explorados pelo gênero até então. Curiosamente, Guerra Sem Fim costuma ser comparado a Tropas Estelares, obra máxima de Robert Heinlein (publicado pela Aleph em 2015), que possui uma visão pró-guerra e glorifica o confronto. Porém, Haldeman subverteu os dogmas do gênero, abrindo caminho para o seu livro se tornar um clássico, elogiado até hoje por críticos e leitores.

Considerada pelo autor a edição definitiva da obra, esse volume apresenta prefácio de John Scalzi, falando sobre a curiosa relação entre o livro e seu best-seller Guerra do Velho (também publicado pela Aleph). Há também notas de Joe Haldeman (entre elas, uma escrita especialmente para a edição brasileira) contextualizando a criação do enredo décadas atrás.



Sobre o autor

Joe Haldeman é estadunidense, do estado de Oklahoma, tem 75 anos e já publicou mais de 30c romances e contos, muitos deles inspirados em sua experiência na guerra. Também é roteirista de quadrinhos e poeta. É conhecido principalmente por Guerra Sem Fim e The Hemingway Hoax (sem edição brasileira), dois clássicos da ficção científica. Em sua carreira, acumula dezenas de prêmios importantes, entre eles sete prêmios Hugo e cinco prêmios Nebula. Também ganhou do Nebula o prêmio Damon Knight Memorial Grand Master, honraria máxima que reconhece a importância do conjunto da obra do autor. Em 2012, passou a fazer parte do Hall da Fama da Ficção Científica e Fantasia.

FICHA TÉCNICA

Título: Guerra sem Fim
Autor: Joe Haldeman
Editora Aleph
Tradutor: Leonardo Castilhone
Preço: R$ 59,90
Páginas: 354
Acabamento: Capa dura
Onde Comprar: Amazon

Michele Lima
Compartilhe no Google Plus

Sobre O que tem na nossa estante

É amante de livros, filmes, séries e adora uma boa música. Escreve para O Que Tem Na Nossa Estante.

comentário(s) pelo facebook:

3 comentários:

  1. Amei sua resenha, gosto muito de livros assim, são histórias fortes que faz a gente pensar e refletir.

    https://www.kailagarcia.com

    ResponderExcluir
  2. Oi Mi!!

    O autor tem uma ótima crítica, e já li muitas coisas positivas a respeito do livro!! Contextos assim são enredos perfeitamente pertinentes e necessários, principalmente por tratar de assuntos tão densos.

    Beijos
    Naty

    ResponderExcluir