Vergonha [Resenha Literária]


Primeiramente quero dizer que Brittainy C. Cherry nunca erra! Isso na minha humilde opinião de leitora apaixonada por romances. E mais uma vez, Cherry não teve pena do meu coração e me apresentou uma história de amor muito linda.

Em Vergonha temos Grace Harris que está perdida e sozinha em sua casa em Atlanta, pois seu marido traiu sua confiança, partiu seu coração e saiu de casa, deixando ela muito mal emocionalmente. Grace logo no início do livro narra como seu casamento chegou ao fim. Ela fala dos abortos que teve e como isso afetou ela e seu esposo. A princípio ela quer o marido de volta, mesmo que ele a tenha traído com outra. Afinal de contas, eles viveram 15 anos juntos e passaram por muitas coisas. Sem contar que ela ainda o ama.


Depois de meses esperando o marido voltar, Grace percebe que o casamento não tem volta. Assim, a protagonista resolve passar o verão com a família em Chester, sua cidade natal, para respirar, dar um tempo de tudo. E é lá que ela acaba topando com Jackson Emery de uma forma bem inusitada, o que a faz lembrar dos motivos do personagem ser considerado a ovelha negra da cidade, já que ele a trata com muita ignorância. No entanto, Jackson começa a ajudá-la em um momento de pânico e Grace começa a vê-lo de uma forma diferente. Mesmo ele sendo quem é. 

Como o livro possui também a narrativa do protagonista Jackson, descobrimos os motivos de não ser tão bem visto na cidade e passamos conhecê-lo melhor e compreender suas atitudes e escolhas. No decorrer do enredo, Grace também vai aos poucos conhecendo o personagem e vai entendendo o motivo que leva Jackson a não gostar de sua família.


Todos os livros de Brittainy trazem mensagens muito importantes e com Vergonha não foi diferente. Nesse livro, ela aborda sobre o amor próprio de ambos protagonistas, e como eles viveram suas vidas baseadas na de outra pessoas que amam. Grace viveu sua vida toda de acordo com que sua mãe queria, depois de ser a filha perfeita, ela passou a querer ser a esposa perfeita e a viver agradando o marido. Depois de anos assim, ela está tão perdida que não sabe mais quem é. Já Jackson vive sua vida, mas não da forma que ele quer, pois está preso ao seu pai, que vive dando trabalho e como ele o ama, o protagonista não desiste e faz de tudo por ele, na esperança que um dia ele volta a ser o pai que era. 

É muito lindo e emocionante ler a história desse casal, Brittainy C. Cherry sabe muito bem nos apresentar enredos maravilhosos, além de escrever suas histórias de uma forma que transmite todas as emoções dos personagens para o leitor. A autora constrói tão bem os secundários que o leitor acaba não só amando o casal, mas como também muitos outros personagens. É quase impossível um leitor que ama romance não gostar dos livros dela de tão lindos que são.


Quem me acompanha por aqui sabe que além de amar os livros dessa autora, eu tenho uma mania que é ouvir música enquanto leio e durante a minha leitura de Vergonha fiquei escutando Epiphany que é um solo do cantor Kim Seokjin do grupo coreano BTS. Essa música fala exatamente de amor próprio e que primeiro precisamos nos amar para depois amar outras pessoas. E é essa é principal mensagem da autora nesse livro, por isso fica minha dica!

FICHA TÉCNICA

Título: Vergonha
Autora: Brittainy C. Cherry
Nota: 5/5
Onde Comprar: Amazon


Ariane de Freitas
Compartilhe no Google Plus

Sobre O que tem na nossa estante

É amante de livros, filmes, séries e adora uma boa música. Escreve para O Que Tem Na Nossa Estante.

comentário(s) pelo facebook:

8 comentários:

  1. Bom dia,

    Não conhecia o livro, mas confesso que não faz meu estilo, mas fico feliz que tenha gostado bastante....bjs.


    https://devoradordeletras.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  2. Que bacana, ainda não conhecia o livro, deve ser bem interessante
    Blog Entrelinhas

    ResponderExcluir
  3. Oi, Ari
    Eu adoro demais os livros da Brittainy, esse é o único que não li ainda mas estou bastante ansiosa! Espero gostar tanto quanto todo mundo.
    Beijo

    http://www.capitulotreze.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Nem preciso dizer que já fiquei aqui desejando esse livro, né? Pela capa pensei que a história fosse totalmente diferente. Já anotei a dica! ❤

    https://www.kailagarcia.com

    ResponderExcluir
  5. Olá, Ariane.
    Eu não sou fã do gênero e li esse livro por insistência da Tamires do blog Meu Epílogo e acabei amando o livro. Nunca tive tanta raiva de uma cidade inteira como tive nesse livro hehe.

    Prefácio

    ResponderExcluir
  6. Eu não consigo ouvir música e ler ao mesmo tempo, não importa o livro hehehe. Você é abençoada! hihi.
    Nunca li nada da autora até porque não é o estilo de livro que leio...

    www.vivendosentimentos.com.br

    ResponderExcluir
  7. Oi, Ari!
    Terminei de ler esse livro na semana passada e adorei!
    Beijos
    Balaio de Babados

    ResponderExcluir
  8. Sou fã da autora. Tô de olho nesse, em breve comprarei. Lendo a resenha fiquei com mais vontade ainda de ler.

    Beijossssssss
    ┌──»ʍi૮ђα ツ

    ResponderExcluir