Entrevista com Jill Mansell, autora de Desencontros à Beira-Mar!


Para abrir essa segunda temporada de entrevistas do blog, conversamos com ninguém menos que autora best-seller Jill Mansell. Ela tem mais de 30 livros publicados pelo mundo a fora e mais de 10 milhões de exemplares vendidos. Em 2009, The Daily Telegraph a incluiu na lista de maiores autores best-sellers da década. Jill também foi premiada pela Romantic Novelists’ Association por sua notável contribuição ao gênero. Atualmente, ela está com um livro chamado Desencontros à Beira-Mar lançado recentemente pela Editora Arqueiro. E ele faz parte da nova coleção da editora chamada Romances de Hoje.

Confira:

Aqui no Brasil a “Editora Arqueiro” acaba de lançar o seu livro “Desencontros à Beira-Mar”. Nós leitores brasileiros podemos esperar que tipo de história?

Eu escrevo comédia romântica misturado com drama, meu objetivo é sempre fazer meus leitores rir e chorar. Coisas engraçadas acontecem e coisas tristes acontecem – assim como acontece com todos nós na vida real. Neste livro, a relação complicada entre as irmãs as leva a todos os tipos de aventuras, e o tema da adoção também está incluído. Eu gosto de criar personagens no qual todos nós gostaríamos de conhecer e ser amigos deles. As pessoas me dizem que amam meus livros porque é como desaparecer em outro mundo maravilhoso. E eu amo essa ideia!

Como surgiu a história de “Desencontros à Beira Mar” na sua mente?

Eu sempre preciso de uma pequena ideia para começar a escrever um novo livro, e isso vai gerando mais ideias à medida que separo os personagens e continuo a história. Em “Desencontros à Beira-Mar”, minha primeira ideia surgiu quando eu estava voando para uma turnê de divulgação. Pensei como seria adorável para uma personagem feminina se sentar ao lado de um homem realmente muito lindo no avião, conhecê-lo durante o vôo, em seguida, perceber que este poderia ser o início de uma afeição e de mudança de vida... exceto que quando ela lhe dá o seu número de telefone, ela mais tarde o vê jogando em uma lixeira. Ela se pergunta: Por quê???? Por que ele não quer vê-la novamente? O que poderia ser a razão dessa atitude? E foi assim que o livro começou!

Meu primeiro contato com a sua escrita foi anos atrás com seus livros: “Uma proposta Irrecusável” e “Dizem por aí...”. Sendo que o último foi muito divertido de ler. Para você como é escrever enredos assim? Você também se diverte escrevendo?

Ah, às vezes é divertido e às vezes não é! Um dia, os personagens podem aparecer com todo tipo de coisas interessantes para eu escrever, mas no dia seguinte eles podem se recusar a fazer qualquer coisa engraçada ou divertida – e é aí que é difícil de continuar. Eu deveria ser mais uma conspiradora, sei disso, mas prefiro que a história se desenvolva à medida que avance, o que torna mais difícil de escrever. O que eu também faço é ficar de olho na TV ou em revistas por pequenas ideias fascinantes sobre histórias que eu possa adaptar e incluir em meus romances. E se meus amigos tiverem ideias interessantes para mim, eu também as usarei. E obrigada, estou tão feliz por você ter gostado dos meus outros livros!

Como você se sente ao ver seu nome na lista dos maiores autores de best-seller no mundo?

É sempre emocionante, eu trabalhei por muitos anos em um hospital neurológico e amei o meu trabalho. Porém, ser uma escritora era como um sonho se tornando realidade para mim. Escrevi agora trinta livros e viajei por muitos países para conhecer meus leitores. Também é maravilhoso se tornar amiga de outros escritores. Jenny Colgan e Lucy Diamond (que também têm seus livros publicados pela mesma editora brasileira que eu) somos muitas amigas e nós nos apoiamos, o que é uma alegria! Escritores são divertidos quando estão juntos!

Todo leitor tem seus autores favoritos. Quais são os seus?

Ah, eu amo tantos autores, os livros de Jenny Colgan são fantásticos, e o mesmo para os livros de Lucy Diamond! Marian Keyes e Jojo Moyes também são brilhantes. Li TODOS os seus romances!

E para finalizar, você poderia mandar uma mensagem para os seus leitores brasileiros?

Olá a todos os meus adoráveis leitores no Brasil! Muito obrigada por gostar de meus livros, eu realmente espero que vocês gostem de Desencontros à Beira-Mar. E eu adoraria ver vocês um dia! 

Com Amor, Jill Mansell 


Como vocês viram, a autora é uma fofa elevado ao quadrado. E eu como leitora que amo seus livros super índicos todos para vocês. E segundo fontes super confiáveis iremos ter mais um livro da autora publicado ainda esse ano pela Editora Arqueiro. Estou mega ansiosa para ter mais um livrinho da autora na minha estante ainda esse ano.

E não deixem de conhecer mais da autora em suas redes sociais:

Instagram: @jillmansell https://www.instagram.com/jillmansell/

Ariane de Freitas
Compartilhe no Google Plus

Sobre O que tem na nossa estante

É amante de livros, filmes, séries e adora uma boa música. Escreve para O Que Tem Na Nossa Estante.

comentário(s) pelo facebook:

6 comentários:

  1. Ah que legal, parece ser uma leitura muito gostosa ♥

    Beijinhos ;*

    Blog Menina Caprichosa | Canal Youtube | Facebook | Insta

    ResponderExcluir
  2. Amei a entrevista, ainda não conhecia a Jill, mas pude perceber que ela é uma pessoa maravilhosa. Já quero conhecer o livro!

    https://www.kailagarcia.com

    ResponderExcluir
  3. Oi Ari!
    A cara da riqueza essas entrevistas. Fico chocado KKKKKKKKKKKKKK. Muito influencer!
    Eu conheci a obra da autora através do evento da Arqueiro e ela pareceu muito simpatica no video que exibiram. Uma fofura a historia. Ta na meta de leituras. A maioria desses romances desse selo novo eu gostei KKKK.

    Abraços
    David
    http://territoriogeeknerd.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  4. Olá, Ariane.
    Amei a entrevista. Estou doida para ler esse livro mas ainda não consegui comprar. Eu li os dois livros que você citou na entrevista e que foi lançado pela Novo Conceito e gostei bastante. Acho tão legal quando os autores reconhecem o trabalho de outros autores, porque tem uns que acham que só existem eles no mundo.

    Prefácio

    ResponderExcluir
  5. Oiii Ariane

    Entrevista ótima, adorei conhecer algo da Jill, poxa depois da dica dela própria vou procurar algo da Jenny Colgan e também da Lucy Diamond, ando numa fase de chick lits e novelinhas doces que acho que será o momento certo. O livro da JIll já está no meu kindle e pretendo ler muito em breve.

    Beijos, Ivy

    www.derepentenoultimolivro.com

    ResponderExcluir
  6. Oi
    confesso que até ver a divulgação desse livro nem sabia dessa autora, e essa história parece ser boa, legal que teve a chance de de entrevistar uma autora que curte, deve ser uma experiência boa.

    http://momentocrivelli.blogspot.com

    ResponderExcluir