Do Fundo da Estante: A Coisa [Nostalgia]


Olá leitores do O que tem na nossa Estante! Como resenha de inauguração da nova seção "Do Fundo da Estante", escolhi uma produção dos anos 80 muito querida pelos fãs de filmes de terror - A Coisa. Em tempos de excesso de agrotóxico nos nossos alimentos e da decadência da qualidade dos produtos industrializados nos dias de hoje, nada mais oportuno do que ver (ou rever) essa verdadeira pérola trash.

Lançado em 1985 e dirigido pelo habilidoso e saudoso Larry Cohen (falecido em Março deste ano), A Coisa mantém as mesmas características dos trabalhos de Cohen - responsável por Nasce um Monstro (1974), A Ambulância (1990) e que também escreveu o roteiro do ótimo Celular (2009) protagonizado por Kim Basinger - baixo orçamento, muita criatividade, vontade e crítica social.


A Coisa é um típico produto dos anos 80, um prato cheio para os saudosistas da época e um registro precioso para as novas gerações. A história absurda (ou nem tanto, se formos analisar friamente rs) é sobre uma substância gelada, cremosa e doce encontrada por mineradores na neve. Ao se deliciarem com o sabor, não demora muito para que o produto, vendido em potes com o nome de Stuff, caia no gosto da população que o consome constantemente - alguém aí lembrou de algo parecido?

O problema é que tal substância, possivelmente alienígena (ou seria uma experiência humana que deu errado?), se alimenta das entranhas de quem a consumiu, corroendo tudo por dentro. 

As comparações entre o Stuff e outros produtos que nós todos consumimos no dia a dia é inevitável. Pessoas diabéticas que são mutiladas pela doença e não conseguem largar o vício do refrigerante, cardíacos viciados em junkie food e em especial a população norte-americana, que é considerada a mais obesa do mundo e que se esbalda com a pior culinária da face da Terra.


É disso basicamente que A Coisa trata, exagerando (ou nem tanto rs) nos efeitos da indústria alimentícia sobre o ser humano, sem deixar de mostrar o poder de manipulação da mídia sobre a população. São esses elementos certeiros que fazem deste "clássico" das noites do Cinema em Casa do SBT (sim, o SBT já foi uma emissora mais interessante) um filme para discutir e pensar.

O diretor Larry Cohen, também autor do roteiro, conduz a trama com maestria sem cair na chatice. O que poderia ser apenas uma afronta aos viciantes produtos industrializados, se mostra um ótimo entretenimento que aposta no horror com o intuito de criticar o estilo de vida dos norte americanos e seus hábitos nada saudáveis. 


É claro que, considerando a época em que foi feito, a maquiagem e os efeitos especiais ficaram datados. Os estúdios liberavam apenas alguns milhares de dólares quando se tratavam de filmes de terror e mesmo não ganhando prêmios importantes, a bilheteria era eficiente e o sucesso de crítica e público era satisfatório - o que raramente acontece nos dias de hoje. De uns anos pra cá, o gênero terror vem ganhando espaço, orçamentos milionários, fotografia de qualidade e maquiagens impressionantes (inclusive aqui no Brasil, muitos cineastas têm se empenhado neste segmento), porém o fator originalidade raramente aparece. 

Assistir A Coisa em pleno 2019 ainda funciona e aparentemente não possui data de validade.

FICHA TÉCNICA

Título: A coisa
Título Original: The Stuf
Diretor: Larry Cohen
Data de Lançamento: 14 de junho de 1985
Nota: 4/5

Italo Morelli Jr.
Compartilhe no Google Plus

Sobre O que tem na nossa estante

É amante de livros, filmes, séries e adora uma boa música. Escreve para O Que Tem Na Nossa Estante.

comentário(s) pelo facebook:

8 comentários:

  1. Oi Italo!
    Nunca ouvi falar desse filme KKK, mas se eu fosse assistir hj em dia provavelmente daria risada ao inves de ficar assustado KKKK

    Abraços
    David
    http://territoriogeeknerd.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  2. Oi David
    Essa seção é justamente para relembrar filmes antigos que a atual geração não conhece. Sim, ele tem momentos cômicos, mas garanto que você iria rir e muito e de nervoso, além de pensar duas vezes antes de comer algo industrializado.
    Abraço.

    ResponderExcluir
  3. Amei essa indicação, ainda não conhecia a história e confesso que não é meu gênero favorito, mas se você indicou.. então preciso ver!

    https://www.kailagarcia.com

    ResponderExcluir
  4. Oi Italo, tudo bem?
    Eu já conhecia o filme, porém não me lembrava da sua trama em si. Gostei da nova coluna.

    *bye*
    Marla
    https://loucaporromances.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, tudo bem e vc?
      Muito obrigado!
      Toda sexta teremos um novo post 😁

      Excluir
  5. Oi Italo,
    Gostei muito a nova coluna, acho que vai ser sucesso!
    Não conhecia ao filme, mas tem muitos dos anos 80 que parecem a realidade de hoje, né?
    Uma temática atemporal.
    beijos
    http://estante-da-ale.blogspot.com/

    ResponderExcluir