Guerra do Velho [Resenha Literária]


Guerra do Velho é o primeiro livro de uma série homônima.  Muito importante no que diz respeito ao gênero de ficção científica; tanto e tão aclamado que a Netflix adquiriu os direitos de adaptação, e muito em breve teremos um filme para chamar de nosso.

Mas mesmo assim, eu conheci essa obra muito por acaso. Não me levem a mal, aprecio ficções científicas; porém na atualidade foram tantas publicações que me incomodaram... e esse fato é um motivo para que meu foco se volte nos clássicos. Após finalizar minha leitura, me senti, pela primeira vez, muito arrependida em ter focado apenas no que diz respeito aos clássicos.

Guerra do Velho consegue emplacar originalidade dentro de guerras interestelares. A obra consegue ainda, nos deixar empolgados e com um gosto de quero mais.


Estamos no futuro. A expectativa de vida aumentou; os avanços tecnológicos no que diz respeito a vários setores, também; mas o envelhecer não foi remediado. As doenças comuns da idade ainda existem.
O problema de envelhecer não é acontecer uma desgraça após a outra – é toda desgraça acontecer de uma vez e o tempo todo.
John Perry é um homem de 75 anos que sabe bem as negativas de envelhecer. Perdera sua esposa, já não se sentia tão útil como antes. E foi justamente no dia de seu aniversário de 75 anos que decidira se alistar no exército.

Você pode estar achando bem bizarra essa passagem. Eu também achei. Acontece que esse exército no qual John se alistou tem total interesse em idosos. Isso porque eles não lutariam na Terra. Iriam lutar no espaço.

Afinal, eles contariam com soldados dispostos a viverem o agora, já que o futuro deles na Terra seria completamente voltado à morte. 


Um soldado velho, não teria planos de se casar e fazer família. Ok, vocês devem pensar: mas e a família que já formaram?  Dificilmente um soldado alistado nas Forças Coloniais de Defesa (é esse o nome do exército), retorna. E talvez, seria mais fácil para os entes queridos imaginarem que o seu avô, avó, pai; esteja em algum lugar do espaço vivo que em um cemitério.
No fim das contas, não há muito drama em não rever alguém.
E é tomado por essa perspectiva que John se alista. A partir de então, somos transportados para os mistérios não só desse exército peculiar, mas ainda de toda a galáxia.

Essa foi a premissa que me fez desejar imensamente ler essa obra. Considerei toda essa ideia criativa, inteligente e original. Claro que quando você lê tudo isso através da escrita do autor é bem mais interessante que nas minhas palavras em si. A coerência dentro da ficção imposta é genial. Sem contar que temos muita leveza, o que faz com que a leitura se torne divertida.

John é um personagem único, com uma essência forte e engraçada. Ele nos faz rir em muitos momentos.  Ele é o narrador da história, então vemos tudo sobre os seus olhos... sobre sua perspectiva. 


Uma das partes mais interessantes pra mim durante a leitura foi o fato de o autor prever as curiosidades do leitor. O personagem é muito “gente como a gente”, e nas situações em que era acometido para se tornar então um soldado oficial, ele fazia as perguntas que eu mesma faria se estivesse em seu lugar.

Nem tudo foram flores. Como acontece na maioria dos livros que iniciam uma jornada, houve um momento em que a leitura se tornou cansativa devido a lentidão dos acontecimentos. E espero que isso não se suceda com a sequência.

No geral, Guerra do Velho me surpreendeu, encantou e me deixou sedenta por mais. 

É imperdível para quem ama ficção científica.

FICHA TÉCNICA

Título: Guerra do Velho
Autor: John Scalzi
Nota: 4/5
Onde Comprar: Amazon

 

Bianca Gonçalves
Compartilhe no Google Plus

Sobre O que tem na nossa estante

É amante de livros, filmes, séries e adora uma boa música. Escreve para O Que Tem Na Nossa Estante.

comentário(s) pelo facebook:

10 comentários:

  1. Amei sua resenha, confesso que não leio muitos livros com esse tema, mas essa história parece ser bem intensa e emocionante. Fiquei curiosa! ❤

    https://www.kailagarcia.com

    ResponderExcluir
  2. Olá, Bianca.
    Eu já li resenhas bem positivas desse livro. Mas ficção-científica não é muito a minha praia, então não tenho vontade de ler. Quem sabe eu assista o filme e se gostar muito eu leia.

    Prefácio

    ResponderExcluir
  3. Oi lindeza!

    Sabe que já quero resenha dos outros livros né! Adorei suas considerações, e tendo selo Aleph muito difícil uma ficção não ser boa, ainda mais com esse nome de peso do autor!

    Amei. Beijos
    Naty

    ResponderExcluir
  4. Adorei sua postagem de hoje, sempre estou aqui acompanhando seu blog. Tenho aprendido muitas coisas legais aqui e te agradeço por compartilhar...

    Beijos 😘.

    Meu Blog: Dicas da Web

    ResponderExcluir
  5. Oi, tudo bem?
    Não conhecia o livro, mas achei a premissa bem diferente e original. Não sabia que vai ser adaptado e já quero conferir!

    Beijos
    Construindo Estante || Instagram

    ResponderExcluir
  6. Oiii Bianca

    Já havia visto elogios sobre esse livro, mas nem sabia do que se tratava e nem que era uma ficção cientifica, a trama parece ser empolgante, é bem o estilo que gosto. Vou tentar encaixar na minha listinha pra conferir esse assim que possível.

    Beijos,


    www.derepentenoultimolivro.com

    ResponderExcluir
  7. Oi, Bianca
    Achei o enredo bem diferente, se bem que eu não leio muito ficção científica, então tudo pra mim é bem interessante KKKK Eu gostei do fato do personagem ser alguém mais velho. É muito raro e bem difícil encontrar uma narrativa com foco nisso, então já é um livro para colocar na lista.
    Beijo
    https://www.capitulotreze.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Oi Bianca, tudo bem?
    Não costumo ler livros do gênero, mas achei a trama diferente e interessante. Dica anotada!!!

    *bye*
    Marla
    http://loucaporromances.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  9. Adoro esses personagens gente como a gente. É mais fácil de se identificar e concordar com os seus atos. Nunca tinha ouvido falar desse livro mas achei a premissa muito interessante.

    www.vivendosentimentos.com.br

    ResponderExcluir
  10. Essa leitura realmente deve ser o máximo! Adoro ficção e se já vai ter adaptação, então preciso ler!

    Beijos

    Imersão Literária

    ResponderExcluir