Esquadrão 6 [Resenha do Filme]


Esquadrão 6 é dirigido por Michael Bay e estrelado por Ryan Reynolds. Um filme de ação com direito a muito sangue e câmera lenta pra gente não perder os detalhes da carnificina.

A cena inicial é extensa e cheia de ação, numa perseguição de carro que acaba em tragédia. O número 1 (Ryan Reynolds), o líder, precisa de um novo membro na sua esquipe e busca um veterano de guerra. E para entrar no esquadrão, o número 7 (Corey Hawkins) tem que morrer. Isso mesmo, todos os membros estão oficialmente mortos, ou seja, são pessoas que já não davam a mínima pra vida que levava.

Aos poucos vamos conhecendo cada membro e a personalidade deles. 3 é o mais engraçado e o que mais tem dificuldade pra levar uma vida de fantasma. Não abandonou a mãe com Alzheimer e ainda se envolve emocionalmente com a 2, uma ex espiã. Já o número 4 é o responsável pelas partes mais perigosas, é sempre ele que corre um maior risco de vida. E ainda temos o número 1, comandante da equipe. Não se sabe muito do passado dele, apenas que é um gênio com muito dinheiro e que por ter visto um ataque a refugiados mudou completamente. 


Número 1 agora quer resolver por conta própria o que os governos não conseguem e por isso a missão deles é derrotar um ditador e colocar de volta no poder o irmão que é a favor da democracia. Uma tarefa difícil, que envolve um plano detalhado e coloca vida de todos em risco.

O longa tem personagens muito interessantes, cada um com um motivo diferente pra ter aceitado entrar no esquadrão. No entanto, o roteiro não desenvolve bem todos, com exceção de 3. O próprio plot do número 1 carece de explicação e fica raso na hora de passar um pouco mais de emoção sobre a sua vida. E a número 5 é completamente esquecida pelo roteiro, ficou parecendo uma figurante. Por outro lado o filme trabalha bem a relação entre eles, já que a chegada do número 7 faz com que algumas regras mudem. 7 não deixa ninguém para trás.


O filme é repleto de boas cenas de ação, bem coreografadas, com muito movimento de câmera e slow motion. O ritmo é acelerado, as sequências são envolventes e a trilha sonora muito boa.

Esquadrão 6 é um típico filme de Michael Bay, pode falhar em alguns aspectos sobre os personagens, mas é impecável no quesito ação e adrenalina.

Trailer:


FICHA TÉCNICA

Título: Esquadrão 6
Título Original: 6 Underground
Direção: Michael Bay
Data de lançamento no Brasil: 13 de dezembro de 2019
Netflix

Michele Lima
Compartilhe no Google Plus

Sobre O que tem na nossa estante

É amante de livros, filmes, séries e adora uma boa música. Escreve para O Que Tem Na Nossa Estante.

comentário(s) pelo facebook:

4 comentários:

  1. Olá...
    Eu ando procurando filmes pra assistir, pois, ando bem entediada hehehe... Gostei de saber que os personagens são interessantes e já anotei a sua dica.
    Bjo

    http://coisasdediane.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  2. Oi Mi!
    Eu adoreiii esse filme! Apesar das falhas. E concordo plenamente com final da sua resenha. É um filme do Michael Bay portanto é muito bom filme só gênero.
    Bjs
    Ari

    ResponderExcluir
  3. Parece interessante, hein? Gostei bastante da premissa


    ___________

    - Conhece meu cantinho? Te encontro lá, hein?

    Blog Meu Baú de Estrelas
    Meu Canal no Youtube
    Instagram

    ResponderExcluir