Do Fundo da Estante: Fim dos Tempos [Nostalgia]


Depois do sucesso estrondoso de O Sexto Sentido (1999), o diretor M. Night Shyamalan, a pergunta era uma só: o que será que vem depois?

Corpo Fechado (2000) provou que ele tinha vindo pra ficar, mas Sinais (2002), A Vila (2004) e principalmente A Dama na Água (2006) quase decretaram o fim de sua carreira. Uma sequência de filmes pautados pelo absurdo e com o obrigatório final surpresa, e só lotaram os cinemas porque não havia Facebook, Whatsapp e os temidos spoilers. 

Fim dos Tempos (2008) foi humilhado pela crítica e detestado pela maioria do público.

Poucos viram nele um filme profético. Lançado em meio a surtos de gripe mundo afora, quando estas estavam associadas a animais, a audiência achou absurda a ideia de que a humanidade poderia encontrar um desafio ainda pior do que uma pandemia.

O enredo não demora muito a engrenar e logo de início nos mostra que, em questão de minutos, estranhos suicídios ocorriam em várias das principais cidades dos Estados Unidos. Apavorados, o professor Elliot Moore (Mark Wahlberg) e sua esposa Alma (Zooey Deschanel) em plena crise conjugal, decidem partir para as fazendas da Pensilvânia juntamente com Julian (John Leguizamo), um professor amigo de Elliot e Jess (Ashlyn Sanchez), a filha dele de 8 anos para escapar do misterioso fenômeno.


Lá eles acreditam que estarão a salvo, porém ainda não sabem que existe algo empenhado em exterminar a raça humana.

Desprezado por muitos, Fim dos Tempos alcançou o status de cult e fica ainda mais precioso a cada ano que passa. Shyamalan entrega o seu trabalho mais sólido em anos, com um tema pertinente que não sai das pautas quando o assunto é o futuro do planeta Terra e a responsabilidade dos seres humanos em meio ao caos das alterações climáticas. Se o elenco não entrega performances mais contundentes, também não comprometem o resultado final - a estrela aqui é o próprio roteiro, ousado em propor uma situação que não vai acontecer literalmente, mas que serve de suposição para algo muito pior.

FICHA TÉCNICA

Título: Fim dos Tempos
Título Original: The Happening
Diretor: M. Night Shyamalan
Data de Lançamento: 13 de junho de 2008
Nota: 3,5/5
Fox Film do Brasil

Ítalo Morelli Jr.
Compartilhe no Google Plus

Sobre O que tem na nossa estante

É amante de livros, filmes, séries e adora uma boa música. Escreve para O Que Tem Na Nossa Estante.

comentário(s) pelo facebook:

4 comentários:

  1. Olá, Ítalo.
    Filmes nesse estilo são os que o povo mais tem assistido nesses últimos tempos. E pior que ainda tem gente que acredita que o perigo não é real, ainda é ficção.

    Prefácio

    ResponderExcluir
  2. Oii, como vai?
    Eu não conheço muito os filmes desse diretor, só assisti ao Sexto Sentido e A Vila. Mas com toda essa quarentena eu tenho visto muitos filmes com essa pegada mais distópica. Vou anotar esse para assistir depois. Até porque, esse tema está mais atual do que nunca, infelizmente.

    Abraço,
    Parágrafo Cult

    ResponderExcluir
  3. Esse eu não conheço, mas deve ser mesmo pura nostalgia.

    Beijos

    Imersão Literária

    ResponderExcluir
  4. Oiii Italo

    eu gostei muito de O Sexto Sentido e acho os filmes do direitor sempre interessantes, ainda que alguns tenham beirado o absurdo. Ainda não pude conferir Fim dos Tempos, mas tenho curiosidade.

    Beijos, Ivy

    www.derepentenoultimolivro.com

    ResponderExcluir