Do Fundo da Estante: O mistério de Candyman [Nostalgia]


Com uma história baseada num livro do escritor Clive Barker e tendo Virgínia Madsen e Tony Todd em ótimas atuações nos papéis principais, o diretor Bernard Rose realizou uma boa mistura de terror e suspense, sem deixar claro logo na largada se tudo é real ou apenas alucinações da protagonista, no caso a estudante Helen Lyle (Madsen) que decide provar que Candyman (Todd), uma antiga e muito conhecida lenda urbana, nunca existiu. Ela segue para o local onde ocorreu um crime brutal e o invoca após pronunciar o nome dele cinco vezes diante de um espelho. Então eis que ele surge iniciando uma série de assassinatos que podem ou não serem reais. 

Mesmo usando elementos dos Slasher's Movies dos anos 80 (Sexta Feira 13 é o que mais nos vem à mente), O mistério de Candyman (1992) tem no seu diferencial o clima de tensão que nos deixa em dúvida se tudo aquilo realmente não se trata de uma mistura de delírios com realidade e se O Homem dos Doces seria uma versão atualizada de carne e osso ou sobrenatural. 


Não fossem os ótimos desempenhos de Madsen e Todd, certamente o resultado final perderia muito de sua dramaticidade, e fazem de O mistério de Candyman um filme acima da média no gênero, entrando inclusive no livro 1001 Filmes pra ver antes de Morrer.

Dizem que Clive Barker se inspirou numa história real onde um homem chamado Dean Corill era um serial killer na área de Houston, Texas, que estuprou e matou vários garotos de 1970 a 1973. Ele atraia crianças para sua casa usando doces da fábrica de sua família. Então a mídia apelidou-o de "Candyman". Dean Corll teve dois cúmplices adolescentes que realmente ajudaram a atrair os garotos, mas quando Dean planejou estuprar e matar um deles, eles atiraram e o mataram. Bem diferente do que está no livro, mas que pode ter algum ponto de conexão. 


Com duas continuações bem inferiores, O mistério de Candyman sobreviveu aos altos e baixos do gênero terror nos anos seguintes e ainda mantém suas qualidades cujo alicerce é evidentemente o bom trabalho do diretor, seu elenco e sua até hoje intrigante trama.

FICHA TÉCNICA

Título: O mistério de Candyman
Título Original Candyman
Direção: Bernard Rose
Data de estreia no Brasil: 12 de março de 1993
Nota 3,5/5

Italo Morelli Jr.
Compartilhe no Google Plus

Sobre O que tem na nossa estante

É amante de livros, filmes, séries e adora uma boa música. Escreve para O Que Tem Na Nossa Estante.

comentário(s) pelo facebook:

2 comentários: