30 Dias de Noite [HQ]


30 Dias de Noite é praticamente um clássico do terror contemporâneo. Nesta edição comemorativa de 15 anos (lançada originalmente em 2017) temos três arcos que marcaram a história do ataque de vampiros à cidade de Barrow, no Alasca. A primeira parte é intitulada 30 Dias de Noite; a segunda, Dias Sombrios; a terceira, Retorno a Barrow.

Na parte 1 (30 Dias de Noite), é narrado como tudo se iniciou na pequena cidade de Barrow, onde o sol não sairia por muito tempo. Na parte 2 (Dias Sombrios), uma das poucas sobreviventes do ataque está em turnê referente ao livro que lançou, contando todas as atrocidades e expondo a existência dos vampiros, mesmo que a sua vida esteja ameaçada. Na terceira parte (Retorno a Barrow), vamos acompanhar um novo xerife chegando à cidade de Barrow que, dessa vez, está mais que preparada para um ataque.


Confesso que meu conhecimento sobre 30 Dias de Noite vêm da vaga lembrança de uma adaptação cinematográfica. Não sou muito de conferir HQs, mas a curiosidade sobre a história falou mais alto e a experiência foi bem positiva. Dei uma pesquisada sobre o filme e ele adapta toda a primeira parte dessa HQ. Ele teve uma continuação que foi lançada direto em DVD, no caso adaptando a segunda parte.

As três partes se passam em espaços de tempos diferentes e são interligadas por personagens e o pano de fundo do ataque. Os vampiros mostrados aqui são a imagem e semelhança do tipo que estamos acostumados: vis, cruéis e bastante sanguinários. Nos traços de Templesmith, eles sempre aparecem com a boca suja de sangue e o desenhista dá a sua razão na introdução para desenhá-los assim.


Por ser uma HQ com três histórias em uma, os acontecimentos parecem ser rápidos demais, assim como algumas soluções. Ainda assim, não é algo que atrapalhe o desenvolvimento das histórias. As histórias não são focadas somente no massacre; vemos alianças sendo formadas (algumas bem extraordinárias), relações familiares e sociais… tudo isso focado na sobrevivência.

Sobre a edição, acredito que os traços foram feitos intencionais para similar esboços de desenhos. As cores são bem frias, com algumas exceções em quadrinhos. A cor das páginas são completamente pretas, complementando o clima da história narrada. Inclusive creio que esse fator fez com que a edição tenha um cheiro bastante forte de tinta. Experiência própria de quem sofre de rinite alérgica: leiam com uma máscara.


Essa edição comemorativa de 30 Dias de Noite faz super jus ao aniversário de publicação. É uma ótima pedida para os fãs de terror e HQs.

FICHA TÉCNICA

Título: 30 Dias de Noite - Edição Comemorativa
Autor: Steve Niles & Ben Templesmith
Nota: 4/5


 

Luiza Helena
Compartilhe no Google Plus

Sobre O que tem na nossa estante

É amante de livros, filmes, séries e adora uma boa música. Escreve para O Que Tem Na Nossa Estante.

comentário(s) pelo facebook:

3 comentários:

  1. Oi Luiza,

    A edição está bem feita e acredito que os amantes do gênero vão adorar.
    Como não sou fã do gênero esse eu vou passar rsrs.

    Bjs e uma boa semana!
    Diário dos Livros
    Conheça o Instagram

    ResponderExcluir
  2. Oi, Lu! Tudo bom?
    Eu sou apaixonada pelo filme, mas nunca cheguei perto da HQ. Como terrorzão e suspense são sempre bem-vindos, ela tá na wishlist pra quando surgir uma promo legal.

    Beijos, Nizz.
    www.queriaestarlendo.com.br

    ResponderExcluir
  3. Oi, Lu
    Aplaudindo de pé a edição da Darke, que é linda demais. Eu não gosto do gênero mas acho que se começasse com as HQs seria mais fácil de absorver um pouco do gênero, e até perder o medo né? Não conhecia a obra mas amei essa edição.
    Beijo!
    http://www.capitulotreze.com.br/

    ResponderExcluir