A maratona de Brittany [Resenha do Filme]


A maratona de Brittany é um longa baseado em uma história verídica, disponível no Amazon Prime Video (até o momento). 

Brittany passa por problemas financeiros, se alimenta mal, bebe constantemente, se sente cansada, dorme pouco e está acima do peso. Ao passar no médico, descobre que também tem pressão alta, problemas no fígado e precisa emagrecer cerca de 25 quilos. Em um primeiro momento, Brittany acredita que o médico está rotulando-a de gorda, mas depois percebe que realmente precisa mudar seus hábitos, não o estilo de vida, mas como pessoa também, ter um propósito na vida. E Brittany descobre que academias são caras e que as calçadas podem ajudar mais do que ela imagina, ao se aventurar na maratona de Nova York. 

Jillian Bell é uma boa atriz, é perceptível o esforço de sair de uma atuação padrão e colocar carisma numa personagem que alguns momentos não tem absolutamente nada de carisma, mas bastante humana nos seus próprios defeitos. Brittany é intragável em alguns momentos, se sabota algumas vezes, é grossa com Catherine (Michaela Watkins), não percebe que magoa uma pessoa que só quer ajudar e faz o mesmo com Jern (Utkarsh Ambudkar). Por outro lado, sua perseverança em perder peso e conseguir correr a maratona é impressionante. É uma jornada de altos e baixos, difícil e o filme consegue mostrar bem esses aspectos. 


No entanto, apesar do longa ser menos clichê do que outros do mesmo tema, Sexy por acidente, por exemplo, A maratona de Brittany ainda esbarra em momentos previsíveis. A maquiagem do início do filme não é das melhores e uma determinada cena a câmera foca muito rapidamente nas nádegas e pernas da atriz com o claro propósito de mostrar a flacidez e celulite, caindo no estereótipo de mulher gorda, o que me incomodou bastante. Em um longa que se propõe a mostrar sobre a importância de ser saudável, de aceitação e mudança interna, essas cenas foram completamente desnecessárias, ainda que bem curtas. 

Entretanto, apesar dos pequenos escorregões, a mensagem do filme é muito válida. Ninguém tem uma vida perfeita, nem mesmo a vizinha rica casada e com filhos e embora a Brittany se encontrasse sozinha morando com uma amiga egoísta e fútil, ela consegue dar o primeiro passo da mudança e encontra ajuda onde menos espera.


A maratona de Brittany tem um bom roteiro, bom ritmo e boas atuações. A história de superação da protagonista é cativante, apresentou drama na medida certa, os clichês não incomodaram e o final acabou me emocionando. Vale a pena conferir. 

Trailer


FICHA TÉCNICA

Título: A maratona de Brittany
Título original: Brittany Runs a Marathon
Direção: Paul Downs Colaizzo
Data de lançamento no Brasil: 24 de outubro de 2019
Nota: 4/5
Diamond Films / Amazon Prime Video

Michele Lima
Compartilhe no Google Plus

Sobre O que tem na nossa estante

É amante de livros, filmes, séries e adora uma boa música. Escreve para O Que Tem Na Nossa Estante.

comentário(s) pelo facebook:

7 comentários:

  1. Olá, Michele.
    Esse é o tipo de filme que numa primeira olhada não me chama a atenção. Mas depois vendo o tema e a mensagem que o filme traz pode ser que eu assista.

    Prefácio

    ResponderExcluir
  2. Olá,
    Não conhecia esse filme mas achei bem interessante. Gosto quando abordam temas como esse, que são parte do cotidiano de tanta gente. Só é uma pena focar nesse estereótipo gordo quando a ideia é exatamente desconstruir isso.

    Beijo!
    www.amorpelaspaginas.com

    ResponderExcluir
  3. Oi Mi! Eu curti o filme, achei bem interessante a história da garota. Bjos!! Cida
    Moonlight Books

    ResponderExcluir
  4. Oii
    Não conhecia esse filme mas achei muito interessante. Vou tentar assistir.

    Beijinhos
    http://focadasnoslivros.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  5. Oi, Mi! Tudo bom?
    Eu não tava tãããão interessada em assistir e depois que tu falou dos esteriótipos gordofóbicos: passo longe, viu? Zero paciência.

    Beijos, Nizz.
    www.queriaestarlendo.com.br

    ResponderExcluir
  6. Eu não sabia que era baseado em fatos reais. Eu tenho prime video, então fica bem acessível para conferir.

    Abraço

    Imersão Literária

    ResponderExcluir
  7. gostei da resenha, pena que não tenho Prime

    beijo
    A mina de fé

    ResponderExcluir