Enola Holmes [Resenha do Filme]


Desde quando anunciado fiquei interessada em Enola Holmes, não só pelo elenco que conta com Millie Bobby Brown, Henry Cavill, Sam Claflin e Helena Bonham Carter como também pelo fato de adorar as histórias de Sherlock Holmes. Tendo agora uma aventura com sua irmã me pareceu bem interessante. Felizmente, o longa atingiu minhas expectativas.

Sendo bem honesta nos últimos tempos estou tendo dificuldade de ficar presa diante da tela do computador para ver filmes, mas o ritmo de Enola Holmes colaborou bastante para me prender na história do início ao fim. Enola é prática, inteligente, perspicaz, o que deixa a narrativa do filme bem ágil.


A protagonista um dia acorda e descobre que sua mãe (Helena Bonham Carter) desapareceu e com isso seus irmãos, Mycroft (Sam Claflin) e Sherlock (Henry Cavill) voltam pra casa depois de anos, para assumir a situação. O problema é que Mycroft é um homem conservador e acha que Enola precisa ter uma boa educação, a solução é mandá-la para uma internato, uma escola de damas e Sherlock apesar de ter empatia pela irmã se mostra bastante negligente. Enola percebe que tem algo por trás do desaparecimento da mãe e seguindo as pistas deixadas por ela, foge de casa, entrando numa boa aventura. No meio do caminho ela conhece Tewkesbury (Louis Partridge) que também está fugindo da família. 

Foi excelente ver Millie Bobby Brown em um papel bem diferente de Eleven de Stranger Things, aqui a atriz interpreta uma personagem bem mais leve e divertida, que inclusive quebra a quarta parede constantemente. Elona tem todos os traços da família Sherlock, é inteligente e por vezes prepotente, mas representa muito bem o feminismo na trama. A personagem não se encaixa nos padrões sociais, acredita que o espartilho é uma forma de repressão e tudo que aprendeu foi devido a educação que recebeu de sua mãe. Sr Holmes também é um mulher fora dos padrões, infelizmente, como está desaparecida, a personagem aparece pouco no filme, mas o suficiente para percebermos que a matriarca da família é uma mulher incrível.


O longa tem uma ótima ambientação, passando por distintos cenários, acompanhado pela trilha sonora de Daniel Pemberton (Aves de Rapina). O elenco de peso colabora bastante para o carisma de cada personagem, adorei o Sherlock de Cavill, embora bem diferente dos demais e Sam Claflin ficou muito bem no papel do irmão chato e rabugento.

Embora apresente uma trama de investigação, o mistério em Enola Holmes não é dos mais surpreendentes, mas as cenas finais tiveram uma carga dramática maior do que eu esperava. O longa tem uma forte mensagem de independência feminina e foca bastante no amadurecimento da protagonista. Com um ritmo fácil e dinâmico, o filme é bem divertido de assistir, sem muitas pretensões, agrada bastante.

Trailer


FICHA TÉCNICA

Título: Enola Holmes
Direção: Harry Bradbeer
Data de lançamento: 23 de setembro de 2020
Nota: 4,5/5
Netflix

Michele Lima
Compartilhe no Google Plus

Sobre O que tem na nossa estante

É amante de livros, filmes, séries e adora uma boa música. Escreve para O Que Tem Na Nossa Estante.

comentário(s) pelo facebook:

5 comentários:

  1. Oi Mi! Tudo que se passa nesse universo de Holmes me interessa, ainda que não seja ele o protagonista dessa vez. Estou ansiosa para conferir, espero gostar. Bjos!! Cida
    Moonlight Books

    ResponderExcluir
  2. Oii Mi
    Estou bastante ansiosa para ver Enola, mas como você não estou conseguindo ficar muito tempo em frente a tela para assistir ao filme completo, mas espero conseguir assistir o mais rápido possível.

    Beijinhos
    https://focadasnoslivros.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  3. Oi, Mi
    Achei o filme com um formato legal para uma investigação. Achei a Millie super bem humorada na interpretação, e confesso que Sherlock não me impressionou tanto. Acho que o que mais gostei foi a caracterização, me senti num romance de época hahaha
    Beijo!
    https://www.capitulotreze.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Oi, Mi!
    Estou louca para ver esse filme! Os últimos lançamentos da Netflix não me chamaram atenção, então fiquei bem empolgada quando assisti o trailer de Enola Holmes haha :D

    Estante Bibliográfica

    ResponderExcluir
  5. Vou assistir esse filme em breve. Vou aproveitar que tenho Netflix e verei. A Millie Boby Brown é uma artista bem versátil. Incrível sua resenha.

    Bom fim de semana!

    Jovem Jornalista
    Instagram

    Até mais, Emerson Garcia

    ResponderExcluir