Doug [Nostalgia]


Já que o dia das crianças está chegando, resolvi lembrar de um desenho que eu adorava: Doug!

Originado de um livro que nunca foi publicado, Doug Got a New Pair of Shoes, a série estreou no Nickelodeon em 1991 e passou na TV aberta pela TV Cultura, SBT e Band. No entanto, a minha maior lembrança é de quando Doug passava na TV Cultura

O desenho mostra a vida de Doug Funnie, um garoto de 11 anos que mora com sua mãe, seu pai, sua irmã Judy e seu cachorro Costelinha. Cada episódio é uma narração do garoto sobre seus problemas diários, na escola, na família e com os amigos. Porém, a cada narração, Doug imagina várias coisas, entre elas, que é um super-herói chamado Homem-Codorna  ou que é Smash Adams, um agente secreto, ou ainda Race Canyon, um aventureiro ao estilo Indiana Jones. Doug é apaixonado por sua melhor amiga, a Patti maionese; Skeeter Valentine é seu melhor amigo, Roger Klotz, o grande rival de Doug e Beebe Bluff, a melhor amiga de Patti.


Em 1996, a Disney produziu novos episódios, dando continuidade aos produzidos pela Jumbo Pictures. No entanto, o diário de Doug e sua imaginação ficaram em segundo plano nessa nova fase, deixando um pouco de lado a parte mais divertida da série, que acabou em 1999. Alguns fãs acabaram reclamando das mudanças que a Disney fez no desenho. 

Patti Maionese era a minha personagem preferida, mas também gostava da Judy (irmã do Doug). Porém, achava estranha a forma do desenho, pois apresentava pessoas com traços esquisitos, desproporcionais. No entanto, os personagens tinham cores diferentes, o que eu achava bem divertido. 


Doug foi mais um clássico dos anos 90 da TV Cultura e eu amava viajar na imaginação do protagonista e torcia pelo seu romance com a Patti. Guardo boas lembranças. Abaixo a excelente abertura:




Michele Lima
Compartilhe no Google Plus

Sobre O que tem na nossa estante

É amante de livros, filmes, séries e adora uma boa música. Escreve para O Que Tem Na Nossa Estante.

comentário(s) pelo facebook:

3 comentários:

  1. Nostalgia mesmo esse post hein... ai eu amava Doug... não perdia um episódio
    Beijos
    Balaio de Babados

    ResponderExcluir
  2. Olá, Michele.
    Eu assistia nessa época da Cultura também. E como romântica que sou também torcia pelo romance deles hehe.

    Prefácio

    ResponderExcluir
  3. Oi Mi! Que lembrança boa. Eu não perdia um episódio na Cultura, adorava as trapalhadas do Doug e amigos. Bjos!! Cida
    Moonlight Books

    ResponderExcluir