O Balde Vazio [Resenha Literária]


Fofo, tocante e extremamente importante, O Balde Vazio é uma aventura infantil amável que vai guiar o leitor da forma mais bonita possível por entre suas páginas.

Era uma vez um balde solitário que tinha como único amigo o vento. Por vezes, seu amigo o visitava e vira e mexe o levava através de um passeio por diferentes lugares. Eis que determinado passeio empurra o destino do triste balde até Amnésia e Tristão, um casal de passarinhos que encontra no objeto o espaço perfeito para o ninho dos seus filhotes. Mas uma tempestade repentina leva seus bebês e agora, em uma jornada pelas terras desconhecidas, o casal busca encontrar sua família perdida.



Sob a doce narrativa de Wesley Rodrigues, O Balde Vazio se torna uma leitura mágica, dotada de uma linguagem infantil que faz nosso coração ficar quentinho e apreensivo de uma página para a outra. Com um tom de fábula, essa é uma história sobre amor, amadurecimento e determinação, colocando um doce casal na busca pela reconstrução de sua família.

A obra também traz algumas referências interessantes e determinados elementos inclusive me remetem muito ao clima de Alice no País das Maravilhas, fosse pelos diálogos dos personagens, fosse pelo próprio cenário ilustrado pelas páginas.


Sua maior característica e o alvo de meu maior afeto é o sotaque de Amnésia e Tristão. Me senti reconfortado ao ver diálogos que parecem remeter muito a região do sertão do Norte/Nordeste. Até a própria caracterização dos personagens faz essa referência e isso é magnífico, não só exaltando nosso território brasileiro, mas infundindo-o em uma história para crianças. 

Em suma, O Balde Vazio é uma leitura apaixonante, nostálgica e extremamente linda que me fisgou da primeira à última página.


FICHA TÉCNICA

Título: O Balde Vazio
Autor: Wesley Rodrigues
Onde Comprar: DarkSide® Books e Amazon

Emerson Andrade
Compartilhe no Google Plus

Sobre O que tem na nossa estante

É amante de livros, filmes, séries e adora uma boa música. Escreve para O Que Tem Na Nossa Estante.

comentário(s) pelo facebook:

1 comentários:

  1. Oi Emerson , tudo bem?
    Não conhecia o livro, mas a trama parece cativar tanto as crianças como os adultos.

    *bye*
    Marla
    http://loucaporromances.blogspot.com/

    ResponderExcluir