4 homens em 44 capítulos [Resenha Literária]


Não assisti Sex/Life, mas sei que a série fez muito sucesso na Netflix e por isso me empolguei para o livro e a escrita de B.B Easton é sensacional. Ri demais com a autora contando sobre a rotina da vida de casada e mesmo quando ela conta sobre seus antigos namorados e tocando em temas como relacionamentos abusivos, a leveza da narrativa faz com que a gente leia tudo muito rápido!

Psicóloga, casada, mãe de dois filhos, B.B começa um diário que na verdade é um desabafo sobre sua vida conjugal, o quanto se sente entediada sexualmente e aos poucos vai nos mostrando um padrão para relacionamentos abusivos que só foi quebrado quando ela conhece Ken, o marido perfeito. Problema é que não é tão perfeito assim, sarcástico e um tanto frio, ele não parece se esforçar muito no sexo, o que incomoda a autora. Mais do que isso, ela quer elogios, um apelido carinhoso e uma tatuagem com seu nome, o que é bem engraçado. Nos seus esforços, B.B além do diário, ela troca e-mails com sua amiga sobre seu casamento e descobre que seu marido anda bisbilhotando seu computador.


Apesar do desespero B.B Easton começa então outro diário, um fictício, feito para o marido ler. Interessante que as coisas começam a dar certo e Ken ao ler o diário de mentirinha começa a se esforçar bastante para apimentar a relação sexual com a esposa. Curiosa eu fiquei foi pra ver a reação de Ken ao saber que era um experimento dela, acho que todo mundo deveria ter cuidado ao se casar com psicólogo.

Durante o livro vamos conhecer 4 homens da vida da autora que teve uma vida sexual muito ativa desde cedo. O relato do primeiro namorado foi o melhor de todos, um misto de sentimentos porque B.B descreve todo o medo que ela tinha do skinhead chamado Knight que decidiu ser seu namorado, ao mesmo tempo que não esconde o enorme tesão que ela tinha por ele. Meus sentimentos foram tão conflituosos que estou me analisando até agora. Os outros namorados foram um desastre também: idiotas, preguiçosos, desleais, todos no estilo bad boy, punk rock, o oposto dos pais hippies que ela tinha. E no final, apesar da falta de clímax, ela tira uma pequena conclusão sobre si mesma e da sua insistência em mudar Ken.


4 homens em 44 capítulos foi uma ótima leitura, rápida, divertida e também reflexiva, principalmente pra mim que estou com a mesma pessoa há 19 anos. É incômodo perceber os problemas na rotina do casamento, mas é satisfatório saber que é normal com todos nós. E tudo isso com muitas cenas, hots e bom humor.

FICHA TÉCNICA

Título: 4 homens em 44 capítulos
Autora: B.B Easton
Nota: 5/5
Onde Comprar: Amazon

Michele Lima
Compartilhe no Google Plus

Sobre O que tem na nossa estante

É amante de livros, filmes, séries e adora uma boa música. Escreve para O Que Tem Na Nossa Estante.

comentário(s) pelo facebook:

0 comentários:

Postar um comentário